Tuesday, 16 de July de 2019

CONCURSOS


Tocantins

Candidatos se preparam para Teste de Aptidão Física do Concurso da Defesa Social

11 Mar 2015

As provas acontecerão do dia 14 ao dia 18 deste mês, na Escola de Tempo Integral Eurídice Melo, em Palmas. Participarão desta fase, os candidatos aos cargos de Técnico em Defesa Social e Técnico Socioeducador, aprovados na Prova Objetiva dentro do quantitativo de duas vezes o número de vagas da ampla concorrência, em ordem de classificação, considerando os empatados na última posição. A lista já foi publicada no Diário Oficial do Estado.
 
Conforme o edital, o Teste de Aptidão Física possui caráter eliminatório e tem por objetivo avaliar a agilidade, resistência muscular e aeróbica do candidato, consideradas indispensáveis ao exercício de suas atividades. A chamada será por ordem alfabética. No fim da avaliação não serão atribuídos pontos ou notas, sendo o candidato considerado apto ou inapto.
 
Em Palmas, vários candidatos formaram grupos de treinamento com foco nesta etapa. Um desses grupos faz as atividades no Espaço Cultural.  A preparação física acontece três vezes por semana, durante uma hora e meia. A preparadora física, Nielma Araújo, trabalha há mais de um ano com um destes grupos em Palmas e conta que os candidatos devem ter um preparo físico específico, de acordo com o que o edital requer. "Trabalhamos o fortalecimento dos membros superiores para fazer flexão e os inferiores também, marcamos o tempo que vai ser pedido no teste, para fazer uma pré-avaliação dos candidatos", explicou.
 
O TAF pede 12 flexões para as mulheres, além de 20 abdominais; já para os homens, são  15 flexões e 25 abdominais, em um minuto. Na modalidade de corrida, exigida também para ambos os sexos, o edital determina distância mínima de 1.400 metros para as mulheres e 1.900 metros para os homens, num tempo de 12 minutos.
 
O professor de Educação Física, Wilson Domingos, destaca algumas orientações aos candidatos para os dias que antecedem a prova. "É recomendável que os candidatos tenham uma alimentação leve, durmam bem nos dois dias anteriores, além de não esquecerem a documentação exigida e o atestado médico", orientou. No dia do teste, o candidato apresentará, além do Atestado Médico, o documento de identidade original e assinará a lista de presença. Ele chama atenção ainda quanto aos trajes utilizados para a prova, que conforme o edital podem ser  camiseta, calção, short ou bermuda,  legging, meias e tênis.
 
Expectativa
 
Com dedicação, a operadora de telemarketing, Márcia Vânia Oliveira, de 28 anos, conta que está se preparando desde dezembro. "Comecei desde antes da convocação para a prova porque acredito que é preciso muita dedicação para esta fase, minha meta é estar preparada para passar", disse. A busca da tão sonhada estabilidade profissional é uma das motivações de Vânia. "Com certeza estou focada e concentrada para conseguir ingressar no serviço público como concursada", disse.
 
Também está na expectativa, o contador Denilson Marinho, de 33 anos, que conta estar se preparando também com outros colegas nos dias que o grupo não se reúne. "Treino em casa também, caminho na Praça dos Girassóis, além do grupo porque minha expectativa é de aprovação 100%", disse.
 
O resultado preliminar do TAF está previsto para ser divulgado até o dia 20, conforme o cronograma. Após a realização dos testes, será aberto prazo para recursos. Os interessados em ingressar com recursos terão prazo de 23 a 24 de março.
 
O concurso
 
O concurso da Defesa Social teve mais de 42 mil inscritos do país inteiro que concorreram a 1.250 vagas. As provas objetivas foram realizadas em dezembro do ano passado, pela empresa contratada para realização do certame, a Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt (Funcab). O certame, porém foi alvo de um impasse em razão da inadimplência deixada pelo governo anterior com a empresa, que chegou a paralisar o concurso.
 
O governador Marcelo Miranda, assim que assumiu, determinou que todas as medidas fossem tomadas para continuidade do concurso. A atual gestão negociou a dívida e foi assinado um Termo de Ajuste e Conduta (TAC), garantindo seguimento aos trâmites da seleção.

COMPARTILHE:


Confira também:


Raio X

Inadimplência do consumidor cresce 0,9% no primeiro semestre de 2019

De acordo com o indicador do SPC Brasil, mais da metade das dívidas pendentes (53%) de pessoas físicas no país têm como credor algum banco ou instituição financeira

Turismo

Abrajet leva jornalistas para o Rally das Águas em Itacajá nesta sexta-feira

Com poucas vagas, as inscrições para participação estão sendo feitas pelo fone 63 99974-2116 com Suzana Barros, sócio fundadora da Abrajet-TO.



Cidades criativas

Quatro cidades do Brasil concorrem a títulos na Unesco

As regiões pretendem integrar a Rede de Cidades Criativas da entidade. Atualmente, o país conta com oito selos; resultado sai até fim de outubro


Grupo Record

Portal R7 ganha novas cores em ação dia e noite da Benegrip

Benegrip Multi Dia e Noite terá ação digital integrada em multiplataformas do Grupo Record


Tocantins

Grupos de Ajuda Mútua dão apoio a dependentes químicos e familiares durante e após recuperação

A Seciju, por meio da Gerência de Prevenção contra as Drogas e Núcleo Acolher, orienta dependentes e co-dependentes a procurar o serviço desenvolvido pelos grupos de ajuda mútua, como Alcóolicos Anônimos (AA), Narcóticos Anônimos (NA) e Amor- Exigente.


Reforma

Damaso vota por regra de transição diferenciada para professores e policiais


Influencer

Gabriel Farhat comanda direção artística de novo projeto musical


Defensoria

DPE-TO defende criação de ambulatório trans no Tocantins


Palmas

Cine Cultura renova parceria com Sessão Vitrine e promove encontro com o premiado produtor João Vieira na terça, 16


Em Palmas

Membro de grupo estratégico da Embrapa apresentará dados sobre produção e preservação no cerrado e Matopiba


Interior

Polícia Civil prende suspeito de estupro de vulnerável em Itacajá



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira