Thursday, 25 de April de 2019

CONCURSOS


Docentes da Unitins pesquisam incidência de doenças diarreicas em crianças no Tocantins

08 Aug 2018    15:42
Cristian Reurison/Ascom Unitins Docentes da Unitins pesquisam incidência de doenças diarreicas em crianças no Tocantins Professor Volmar Morais Fontoura, um dos autores da pesquisa

A diarreia está entre os casos mais comuns de moléstias de veiculação hídrica no Brasil. Segundo o Datasus, é uma das doenças que mais causam morbimortalidade na infância, principalmente na faixa etária de 0 a 4 anos. Na região Norte do país as doenças diarreicas ocupam o 8º lugar nas mortalidades infantis. 

 

Considerando esses dados, professores da Universidade Estadual do Tocantins (Unitins), do curso de Enfermagem/Câmpus de Augustinópolis, realizaram a pesquisa intitulada “Fatores socioambientais e doenças diarreicas em crianças de zero a quatro anos no Estado do Tocantins, Brasil”. Fazem parte da pesquisa: Volmar Morais Fontoura, Hanari Santos de Almeida Tavares, Maria Onice Lopes Bezerra, Adriano Figuerêdo Neves e Jesuane Cavalcante Melo de Morais.

 

A pesquisa foi o primeiro estudo realizado no estado do Tocantins utilizando as ferramentas de análise espacial com dados sobre incidência de internações por diarreia em crianças menores de 4 anos. Por meio das técnicas de geoprocessamento, foi possível identificar um padrão espacial da distribuição das internações por diarreia em crianças menores de 4 anos, conforme o município no estado do Tocantins, no período entre 2008 a 2013.

A pesquisa constatou um aumento no número de internações por diarreia em menores de 4 anos de idade no estado, assim como um aglomerado na microrregião de Araguaína, com uma taxa anual de 9.38/1.000 habitantes, sendo que a taxa média anual do Estado de 4.10/1.000 habitantes. A figura abaixo mostra a densidade de internação por região.

O professor Volmar Morais, um dos pesquisadores, ressalta o quanto esses dados podem ser úteis nas medidas de prevenção por fatores sociais e regionais. “Através do uso de ferramentas de geoprocessamento foi possível levar em questão os fatores ambientais, sociais e ecológicos. Assim pode-se antecipar riscos individuais e coletivos de episódios de natureza e de doenças endêmicas”, explica. (Thalia Batista/Ascom Unitins).


COMPARTILHE:


Confira também:

Inscrições reabertas
TCU oferece 120 vagas

Operação #PC27

Polícia Civil deflagra Operação #PC27 e cumpre dezenas de mandados de prisão no Estado

A Operação envolve de forma simultânea as Polícias Civis em todo o território nacional. Ao todo, estão sendo cumpridos 60 mandados, sendo 40 na Capital.

Segurança nas Escolas

Segurança pública em escolas públicas da capital é discutida em sessão

O trágico caso ocorrido em 13 de março de 2019, na Escola Estadual Professor Raul Brasil cidade de Suzano – SP, foi lembrado pelos parlamentares como um grande exemplo de insegurança que resulta em mortes de crianças e adolescentes inocentes.


Serviço

Obras de melhorias da Energisa seguem em 32 municípios do Estado

Desligamentos são pontuais e não atingem a cidade toda


Tocantins

Pesca amadora e esportiva necessita licença no Tocantins

Para validar a carteira de pesca emitida online basta juntar o comprovante de pagamento da taxa


Naturatins visita aldeia Ktẽpo para diálogo sobre proteção ambiental com lideranças indígenas Xerente


Pesquisa

Lançada primeira Revista Científica do Ceulp/Ulbra


Saúde

Depressão, não deixe o tempo passar


Promoção

Carlesse promove policiais militares e bombeiros e afirma que as duas corporações são as melhores do país


Turismo

Potencial turístico das Serras Gerais é tema de evento em Palmas


Militares

Governo do Estado promove policiais militares e bombeiros nesta segunda



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira