Wednesday, 17 de July de 2019

CONCURSOS


Oportunidade

Governo anuncia publicação de edital do concurso da Polícia Civil

26 Feb 2014

Depois de selecionada a empresa vencedora para realizar o concurso da Polícia Civil, o edital com todas as informações sobre o certame será publicado no Diário Oficial do Estado desta quarta-feira, 26. Em entrevista coletiva realizada na sede da Escola de Governo, os secretários de Estado da Administração (Secad), Lúcio Mascarenhas, e da Segurança Pública (SSP), José Eliú de Andrada Jurubeba, além dos representantes da Fundação Aroeira, explicaram aos presentes os termos do edital. Ao todo, entre vagas para provimento imediato e cadastro de reserva, foram destinados 515 cargos que englobam as diversas carreiras referentes ao policiamento civil.

Na ocasião ainda foi divulgado o cronograma do certame com as datas das provas previstas para datas específicas. Segundo o cronograma apresentado nesta manhã, a primeira categoria a fazer provas objetivas é a de delegado, com exame previsto para o dia 25 de maio; já para agente, escrivão, papiloscopista e agente de necrotomia, a prova está marcada para o dia 1° de junho; enquanto os cargos de perito e médico legista têm exame escrito marcado para 8 de junho. As inscrições devem ser feitas entre os dias 10 de março e 9 de abril, conforme o cronograma.

O consultor e atual diretor administrativo da Fundação Aroeira, Leonardo Guedes, destacou a experiência da empresa na realização de certames. Segundo o gestor, a Fundação foi criada há 15 anos, para cuidar do departamento de processos seletivos da Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC-GO). “A Fundação foi instituída com a finalidade de dar vazão a um serviço específico para a área acadêmica da PUC de Goiás, que são os concursos e vestibulares. Nós damos sequencia àquilo que a Pontifícia Universidade Católica de Goiás já faz com excelência há mais de 50 anos”, explicou.

Já o secretário de Estado da Administração, Lúcio Mascarenhas, destacou que o edital a ser publicado na noite desta quarta-feira atende a todos os requisitos para a realização do certame. Em atenção a uma preocupação demonstrada pelo Sindicato dos Delegados de Polícia do Tocantins (Sindepol), foi incluída no processo seletivo uma avaliação discursiva para o respectivo cargo. “No edital que será publicado hoje consta a prova discursiva e todas as regras para que esta avaliação seja feita”, completou.

Novidades
O secretário destacou que neste concurso específico algumas medidas novas estão sendo tomadas para garantir maior lisura e paridade no processo seletivo. Medidas como uma mudança no sistema de direcionamento dos classificados para as respectivas delegacias do Tocantins. “Neste concurso, após o término do curso preparatório de 90 dias, os classificados irão escolher, por ordem de classificação, para qual cidade pretende ser designado”, frisou. Todas as cidades e o número de vagas para cada uma delas estará discriminado no edital, conforme o secretário.

Outra novidade neste certame é que mesmo os candidatos aprovados para o cadastro de reserva depois de todas as etapas do concurso deverão participar do curso preparatório da Polícia Civil. “Desta forma, se for necessário convocá-los, não será necessária a realização de outro curso deste, que é muito caro, o que acelera o processo” frisou. 

 Além disso, para se chegar ao total de vagas, as entidades ligadas à Polícia Civil (SSP, sindicatos) foram consultados, de acordo com o secretário da Segurança Pública, Eliú Jurubeba. “Este concurso é a superação de uma demanda. Ao número total de vagas, se chegou depois de consultar os sindicatos, delegados e outras entidades”, completou.

Concurso
Ao todo, foram disponibilizadas 515 vagas para provimento imediato e cadastro de reservas da Policia Civil. Das 397 vagas previstas para provimento imediato, 97 são para delegado, 38 para agente, 162 para escrivão, 20 para auxiliar de autópsia, 10 para papiloscopista, 10 para médico legista e 60 para perito criminal. Este último cargo, segundo o despacho governamental, terá as diversas especificidades definidas no edital a ser publicado.

COMPARTILHE:


Confira também:


Alphaville

MPTO atua e empresas são obrigadas a adequar sistema de iluminação de condomínio de Palmas

A sentença que estipula a adequação no sistema de iluminação do condomínio foi proferida pelo juiz Pedro Nelson de Miranda Coutinho, da 3ª Vara Cível de Palmas.

IML

Em apenas 5h, peritos do IML do Tocantins identificam cadáver carbonizado pela arcada dentária

Procedimento realizado na capital identificou corpo de vítima de incêndio na região Sudeste do Tocantins a partir do confronto entre arcada dentária e prontuário odontológico.


TJTO

Juíza determina que o Estado e o município de Palmeirópolis forneçam, em 10 dias, remédio contra hanseníase a paciente

O descumprimento da sentença acarretará em multa diária de R$ 1mil (individualizada em R$ 500,00 para cada uma das partes requeridas - Estado e o Município) e limitada a R$ 30mil


Formação

Unitins traz Viviane Mosé para evento de qualificação de professores

Professora há mais de 30 anos, a palestrante é reconhecida nacionalmente pela atuação na área educacional


Luto

Morre a Auditora Fiscal Elizabeth Leda, aos 73 anos


Norte do TO

Polícia Civil prende mais um suspeito de participar de homicídio de adolescente em Araguaína


Cidades criativas

Quatro cidades do Brasil concorrem a títulos na Unesco


Grupo Record

Portal R7 ganha novas cores em ação dia e noite da Benegrip


Tocantins

Grupos de Ajuda Mútua dão apoio a dependentes químicos e familiares durante e após recuperação


Reforma

Damaso vota por regra de transição diferenciada para professores e policiais



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira