Tuesday, 17 de September de 2019

CONCURSOS


Feminicídio

Palestra sobre ações de combate ao feminicídio é realizada no Colégio São José em comemoração ao dia do voluntário

28 Aug 2018    16:41
Divulgação Palestra sobre ações de combate ao feminicídio é realizada no Colégio São José em comemoração ao dia do voluntário

Com o objetivo de comemorar o Dia Nacional do Voluntário, estudantes que participaram de projetos custeados pela embaixada dos Estados Unidos da América (EUA), conhecidos como Aluminis, em parceria com a Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc), realizaram nesta terça-feira, 28 de agosto, no Colégio Estadual São José, ações voltadas para o combate ao feminicídio. Além dos estudantes da escola, alunos de outras unidades estaduais participaram da programação.

Júlio César Rocha, gerente de Programas e Projetos da Seduc, explicou que os voluntários são aquelas pessoas que ajudam na construção de uma sociedade melhor. “Esta temática foi apresentada pelos estudantes que participaram do projeto Jovem Embaixador. Eles trouxeram a sugestão e fizemos dela uma iniciativa. Atualmente, o voluntariado faz parte de um módulo do curso voltado aos representantes dos grêmios estudantis, além de ações pontuais que serão desenvolvidas nas escolas”, explicou.

José Antônio da Gama, diretor do Colégio São José, reforçou que o protagonismo juvenil e o empoderamento são temas trabalhados na unidade por meio de ações pedagógicas. “O voluntariado é uma proposta que estamos aderindo na escola para trabalhar com os alunos. Parcerias com instituições públicas e privadas são fundamentais para o desenvolvimento destas ações”, disse.

A coordenadora acadêmica da Universidade do Norte do Paraná (Unopar), Aurleides de Souza Freitas, que participou do evento, evidenciou que a instituição oferta mais 20 cursos de ensino superior, e que o objetivo é trabalhar com os acadêmicos, ações de voluntariado, de acordo com as áreas de estudo.

Palestra

Com pós-doutoramento em Estudo sobre Mulheres – Gênero, Sociedade e Cultura, a professora GleysIally Ramos, da Universidade Federal do Tocantins (UFT), palestrou sobre a mulher na sociedade. A docente abordou a violência contra as mulheres, à importância da conscientização dos homens, o machismo, a culpabilização à vítima e o papel da educação como ferramenta transformadora.

GleysIally lembrou que a solidariedade é fundamental para a erradicação da violência contra a mulher. “Não é preciso acontecer conosco para termos empatia, nos colocarmos no lugar da colega. Nós mulheres precisamos nos unir, e os homens são fundamentais neste processo de desconstrução de conceitos”, salientou.

 

“No Tocantins, o primeiro semestre de 2018 já ultrapassou os índices de ocorrências registradas de violência contra a mulher em 2017”, destacou a docente que abordou alguns casos de feminicídio ocorridos no Estado.

Os acadêmicos da UFT, Paola de Oliveira e Vasni Queiroz relataram a problematização do feminicídio durante uma peça teatral. O Jovem embaixador de 2017, Guilherme Gandara, que participou da organização do evento destacou que o objetivo dos Alumins é incentivar a ajuda ao próximo independente da forma em que ocorra. “Buscamos debater assuntos importantes com a sociedade e incentivar os estudantes ao voluntariado. Este ano, com foco no empoderamento feminino, dando espaço para as mulheres falarem sobre dados da violência no Brasil e conscientizar a todos”.

Loiane Ribeiro, estudante da 3ª série do CEM Castro Alves, participou da apresentação da música Tô na Luta, da cantora KarolConka. A aluna evidenciou o trecho da música que cita: “Eu tô na luta, sou mulher posso ser o que eu quiser”.

A estudante Adeliane de Oliveira disse que a palestra foi muito instrutiva. “A palestrante trouxe dados que nem todos conhecem, e é importante ficarmos atentos à violência contra a mulher e principalmente ações que indicam o feminicídio”, concluiu.

COMPARTILHE:


Confira também:

Inscrições reabertas
TCU oferece 120 vagas
Formação de Sargento
Exército oferece 1.250 vagas

LRF

Deputados comemoram enquadramento do Estado na LRF

Andrade informou ainda que em 30 dias as obras da nova ponte de Porto devem começar.

Operação Peterrock

PF investiga pessoas responsáveis por disseminação internacional de pornografia infantil

O nome da operação faz alusão ao codinome utilizado pelo responsável pela disseminação do material contendo cenas pornográficas de crianças e adolescentes no Estado do Tocantins.



Agrotóxicos

Assembleia debate uso de agrotóxico em audiência proposta por Zé Roberto Lula

Presente na audiência, o procurador da República Álvaro Manzano, falou da importância de realizar a discussão em um momento, em que ele avaliou como de extrema relevância.


Economia

Endividamento atinge mais de 68% dos palmenses em agosto

O ranking das principais dívidas continua sendo: cartão de crédito, seguido de financiamento de carro e carnês.


Vestibular

Inscrições abertas para o Vestibular da Unitins

Processo seletivo tem 480 vagas contemplando todos os cursos da Unitins em Palmas, Araguatins, Augustinópolis e Dianópolis. Inscrições são feitas exclusivamente pela internet


Ocorrência

Polícia Civil prende mulher suspeita de estelionato no sudeste do Estado


Proibição

Adapec apreende carga de 10 toneladas de sementes de capim irregular na TO-050 entre Palmas e Porto Nacional


Tocantins

Adetuc e consultores reúnem-se para definir implantação do Observatório do Turismo do Tocantins


Educação

Com palestras, professor da Rede Municipal de Palmas motiva alunos a enfrentarem obstáculos


Preservação

Praias de Babaçulândia recebem o mutirão de limpeza do projeto Praia Limpa, Praia Viva


Pagamento do FGTS

Caixa estende horário de atendimento amanhã e abre no sábado



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira