Sunday, 17 de February de 2019

CONCURSOS


World Heart Federation

Tabaco é responsável por mais de uma a cada dez mortes causadas por doenças cardiovasculares

29 May 2018    11:49    alterado em 29/05 às 11:49

O Dia Mundial sem Tabaco em 31 de maio é uma iniciativa da Organização Mundial da Saúde. Este ano, terá como foco o aumento da conscientização sobre a relação entre fumo e doenças cardiovasculares. O fumo está associado a cerca de 7 milhões de mortes em todo o mundo a cada ano, diretamente relacionadas ao consumo do tabaco e à exposição indireta a ele.
 
Fumar prejudica os vasos sanguíneos e aumenta a espessura do sangue. Eleva a frequência cardíaca e a pressão arterial e substitui o oxigênio, tornando-se um importante fator de risco no desenvolvimento de doença coronariana, acidente vascular cerebral e doença vascular periférica. Além disso, é a segunda causa mais prevalente de doenças cardiovasculares depois da hipertensão arterial. Tendo em vista que as doenças cardiovasculares constituem a principal causa de mortes no mundo, a World Heart Federation (WHF) acolhe essa iniciativa da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Apesar de o público em geral estar familiarizado com o impacto do fumo na saúde, a OMS destaca o fato de ele raramente ser levado em consideração como uma das principais causas de doenças cardiovasculares. De acordo com o presidente da WHF, o professor David Wood, o consumo do tabaco constitui o principal risco evitável para a saúde cardiovascular. "Por isso, é um dever nosso ajudar os pacientes com doenças cardíacas a pararem de fumar", explica. "O mesmo vale para os pacientes com alto risco de ataque cardíaco ou acidente vascular cerebral. Fazendo isso, podemos ajudar todos os nossos pacientes a reduzirem os riscos. Porém, o mais importante é que precisamos elevar a conscientização e informar o público em geral sobre como o fumo afeta o coração e, fundamentalmente, sobre a importância de impedir que crianças e jovens comecem a fumar."

Quase 80% do número total de 1 bilhão de fumantes em todo o mundo vive em países de renda média e baixa, onde o ônus de doenças e mortes associadas ao fumo é muito maior. Com isso em mente, a WHF, por meio de sua política intitulada "Porque cada batimento cardíaco é importante", está promovendo uma pauta de maior acesso à assistência médica e também à prevenção, ao controle e ao gerenciamento de doenças cardiovasculares para todos, independentemente da situação ou da circunstância, com o objetivo de ampliar e melhorar a qualidade de vida.

"Acreditamos firmemente na necessidade de destacar continuamente os riscos do fumo à saúde dos nossos corações e da circulação", acrescenta o professor Wood. "Ao reunirmos profissionais da saúde, governos, instituições, o segmento e o público em geral em torno de uma causa em comum, podemos continuar educando sobre os perigos do fumo e de estilos de vida pouco saudáveis e promovendo a necessidade do acesso universal à assistência médica." Para auxiliar nessa educação, a WHF lançará em breve dois folhetos informativos sobre parar de fumar: um para o público em geral e outro para profissionais.

No dia 29 de setembro, a WHF comemorará o Dia Mundial do Coração com o objetivo de elevar a conscientização sobre a importância da boa saúde cardiovascular. Uma das suas mensagens principais trata dos benefícios imediatos e de longo prazo para a saúde quando se para de fumar:

•    Em apenas 20 minutos, a pressão arterial e a frequência cardíaca diminuem.
•    Doze horas depois de parar de fumar, os níveis de monóxido de carbono no sangue caem e retornam a valores normais.
•    Entre duas e 12 semanas, a circulação e a função pulmonar terão aumentado.
•    Ao longo dos primeiros nove meses, diminuem a tosse e a falta de ar.
•    Um ano depois de parar de fumar, o risco de contrair uma doença coronariana é aproximadamente metade do de um fumante.
•    Entre cinco e 15 anos após parar de fumar, o risco de sofrer um acidente vascular cerebral cai para o mesmo de um não fumante.
•    Quinze anos depois de parar de fumar, o risco de sofrer de uma doença coronariana equivale ao de um não fumante.

COMPARTILHE:


Confira também:


Imbróglio

MPE requer suspensão de contrato do serviço de estacionamento rotativo de Palmas

“Transcorridos quase dois anos após o abandono e o descaso por parte da empresa concessionária, o que se pretende, agora, é a retomada do serviço público com nova roupagem”, avalia o texto do pedido de liminar.

Norte do TO

Senadora Kátia Abreu reúne prefeitos e secretário estadual de Saúde no Bico do Papagaio

A senadora Kátia Abreu está confiante que o Governo, junto aos prefeitos irão melhorar a saúde na região do Bico e disse que o governador Mauro Carlesse deu total apoio a reunião.



Ocorrência

Polícia Civil apreende 30 kg de maconha e prende traficante no Sul do Estado

As investigações da Polícia Civil constataram que Hailton trazia, do Estado de Goiás, grandes quantidades de entorpecentes para Gurupi e região, e que, nessa madrugada, outra remessa chegaria ao Tocantins.


Meio Ambiente

Municípios têm apenas 30 dias para protocolar processo do ICMS Ecológico no Naturatins

De acordo com a legislação, anualmente, os municípios tem prazo até o dia 15 de março, para manifestar o interesse e comprovar o cumprimento das exigências, conforme disposto no Decreto nº 5.264/2015.


Diálogo

Secretários apresentam plano de reestruturação à instituições dos diferentes poderes do Estado

“O que queremos é que todas as instituições compreendam que a situação em que nos encontramos requer ações imediatas, de modo que possamos ter um estado sustentável a médio e longo prazo”, frisou Edson Cabral.


Itelvino Pisoni

Sistema Fecomércio Tocantins realiza visita a Prefeita Cinthia Ribeiro


Tocantins

Dispara número de casos prováveis de doenças transmitidas pelo Aedes aegypti


HGP

Defensoria emite recomendação para Sesau por desassistência na oferta de cirurgias cardiológicas em Palmas


Adapec

Produtor rural pode emitir Guia de Trânsito Animal de qualquer localidade


Segurança

Identificação facial e papiloscópica da Polícia Civil é destaque em operações de combate à criminalidade no Tocantins


Brasília

Damaso fala da responsabilidade do cargo assumido e pede ao Governo apoio para os municípios



  Blogs & Colunas


TiViNaLili

Lili Bezerra


Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira