Saturday, 16 de February de 2019

CONCURSOS


Imbróglio

TCE suspende contração da Fundação Aroeira; concurso da PC está suspenso

08 Apr 2014

O Tribunal de Contas do Estado (TCE) determinou a suspensão cautelar do concurso público da Polícia Civil do Tocantins ao suspender a execução do contrato do Estado com a Fundação Aroeira. As informações são do site T1 Notícias.

A Secretaria da Administração (Secad) não pode dar prosseguimento ao ato, inclusive ao pagamento do contrato com a Fundação Aroeira, até o julgamento final do processo, sob pena de multa. O secretário Lucio Mascarenhas e o secretário de Segurança Pública (SSP), Eliu Jurubeba, foram intimados a comprovarem a suspensão do concurso no prazo de cinco dias e a prestarem esclarecimentos no prazo de 15 dias sobre a contratação da empresa.

Os secretários devem, em especial, comprovar a capacidade técnica da empresa contratada para realizar o concurso público, através de documentação que comprove a experiência em realizar concursos de grande complexidade e na área afeta ao certame da Polícia Civil do Tocantins. Também devem comprovar os critérios utilizados para estimar o custo e preço da contratação. A Fundação Aroeira também foi intimada, caso queira, ingressar nos autos.

A decisão é da relatora do processo em questão, Conselheira Doris de Miranda Coutinho e foi publicada no Boletim Oficial do TCE desta segunda-feira, 7. Trata-se do exame da documentação apresentada pela Administração Pública para dispensa de licitação para contratação da empresa responsável pelo concurso público.

A conselheira verificou, de acordo com os atos, que a Administração não apresentou documentos que mostram qual o parâmetro utilizado na fixação do valor inicial da taxa de inscrição, com relação a compatibilidade dos valores aos praticados no mercado. A conselheira destacou que "a taxa de inscrição não deve ser muito além do necessário para a consecução dos seus fins".

Doris de Miranda entendeu que não ficou demonstrado que a instituição detém "inquestionável reputação ético-profissional", uma das alegações usadas pelo Estado para justificar a dispensa de licitação. A conselheira também entendeu que os documentos não comprovam a notória especialização da Fundação Aroeira e nem que a instituição é vocacionada para a realização de concursos.

Para a Conselheira, "não basta, para a caracterização de dispensa de licitação" que a fundação seja uma instituição de ensino e pesquisa. "É preciso que seja inconteste a notória especialização na área de concursos públicos para cargos ligados a mesma área de conhecimento".

A relatora argumenta que mesmo com as dificuldades vividas pela Polícia Civil do Estado, acerca do pouco efetivo e sua repercussão negativa na sociedade, "não devo deixar que a continuidade da execução do contrato sem a comprovação da notória especialização da instituição contratada possa acarretar dúvidas sobre um certame de tamanha importância e complexidade".

Conforme a assessoria do TCE explicou, a decisão é monocrática e seguirá para apreciação do pleno na sessão desta quarta-feira, 9. No entanto, a assessoria explicou ainda que a suspensão cautelar determinada pela conselheira Doris já está em vigor e mesmo que o Estado ingresse com defesa, a execução do certame está suspensa até que haja uma decisão definitiva do processo ou uma decisão suspendendo a cautelar. (Fonte: T1 Notícias)

COMPARTILHE:


Confira também:


Operação Paz e Sossego

Forças de Segurança estaduais participam de mais uma fase da Operação Paz e Sossego na Capital

Para o delegado Túlio Mota, a participação do efetivo da Polícia Civil reforça a integração das forças de segurança no cumprimento de ações que visem garantir o bem-estar dos usuários de estabelecimentos comerciais na Capital.

Porto Nacional

Travessia do Rio Tocantins com voadeiras inicia nesta sexta em Porto Nacional

A ponte continua aberta para pedestres, ciclistas, motociclistas e veículos de urgência e emergência. Técnicos atuam na realização da inspeção da estrutura. Os dados coletados embasará o relatório sobre as condições da via.



Incentivos Fiscais

Empresários aprovam medida do Governo para avaliação dos incentivos fiscais

O decreto publicado, pelo Governo do Tocantins, na terça-feira, 12, que visa fazer um levantamento sobre os incentivos fiscais concedidos pelo Estado, agradou a classe empresarial.


Cirurgias Eletivas

Tocantins cumpre meta e garante mais recursos para realização de cirurgias eletivas em 2019

O cumprimento da meta, segundo o secretário de Estado da Saúde, Renato Jayme, se deu pelo comprometimento de todos os profissionais envolvidos.


Comerciantes

Agtur realiza sorteio dos espaços da Praça de Alimentação do Capital da Fé 2019 nesta sexta, 15

A Agtur oferecerá um curso de manipulação de alimentos e práticas em data a ser definida.


Foco na Humanização

Cinthia reúne secretariado e determina foco na humanização e qualidade dos serviços públicos


Operação Fragmentos

Polícia Civil realiza Operação Fragmentos no Sudeste do Estado


Vistorias no HGP

Defensoria e MPE encontram desassistência a pacientes e falta de 177 medicamentos


Setor Santo Amaro

Prefeitura inaugura praça do setor Santo Amaro nesta quarta, 13


Tarifa de Protesto

Protestar em cartório agora não tem custo para quem cobra dívidas


Saúde

Quantidade de profissionais da saúde ainda é insuficiente, afirmam DPE-TO e MPE em ação civil pública



  Blogs & Colunas


TiViNaLili

Lili Bezerra


Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira