Friday, 29 de May de 2020

ECONOMIA


Palmas

Agrotins Brasil 2015 tem início com expectativa de movimentar o agronegócio tocantinense

05 May 2015

A 15ª edição da Feira de Tecnologia Agropecuária do Tocantins (Agrotins Brasil), maior feira de tecnologia agropecuária da região Norte do País, teve início nesta terça-feira, 5, com otimismo por parte  dos organizadores, expositores e participantes, para apresentação e comercialização das inovações tecnológicas do setor agropecuário: maquinários e implementos agrícolas, insumos, animais e vegetais e prestações de serviços. Com o tema "Cadeia Produtiva de Grãos", o evento se estende até sábado, 9, no Centro Agrotecnológico de Palmas, na TO-050, saída para Porto Nacional.
 
Para o secretário de Desenvolvimento da Agricultura e Pecuária, Clemente Barros, as atenções estão voltadas para a realização da Agrotins Brasil 2015 com muito otimismo. "Será mais uma feira de oportunidade e negociações. A cada ano, mostra o potencial de crescimento do agronegócio tocantinense. As expectativas são das melhores, por acreditar na dimensão de produtos agrotecnológicos que a Agrotins oferece aos produtores e participantes", ressaltou.
 
Movimentação
A expectativa de movimentação financeira  (propostas, vendas diretas e negociações futuras) é de R$ 580 milhões, ou seja, R$ 18 milhões a mais em relação aos negócios fechados durante a última edição da Feira, em 2014, que alcançaram R$ 562 milhões. A previsão é de que 95 mil pessoas compareçam ao evento e o número de expositores é de 530 participantes.
 
Agentes financeiros
Os agentes financeiros acreditam na realização de bons negócios em contratos de linhas de créditos rurais. O gerente do Bradesco, Flávio Vasconcelos, disse que vai disponibilizar aos produtores, na Agrotins, diversas linhas de financiamentos direcionadas a compras de máquinas e equipamentos agrícolas, custeios, e ainda, recursos para arrendamento de produtos agropecuários, entre outras. "Participamos desta feira deste o início e, a cada ano, notamos a expansão de geração de negócios. Os produtores terão grandes oportunidades na compra de produtos. Ano passado, fechamos protocolos em torno de R$ 250 milhões", disse.
 
Segundo a gerência da Caixa Econômica Federal, na Agrotins o produtor conhecerá a linha de Crédito Rural - Custeio Antecipado para atender a safra 2015/16. A meta é aplicar, ainda no 1º semestre, cerca de R$ 3,2 bilhões.
De acordo com o gerente da Caixa, Vandeir da Silva Ferreira, para esta safra, que se inicia em julho de 2015, a Caixa prevê alcançar R$ 10 bilhões de reais. "O Banco movimentou mais de R$ 66 milhões na Agrotins 2014 e a meta para a Agrotins 2015 é superar esse número", adiantou. A instituição financeira participa do evento pela terceira vez consecutiva.
 
Já a gerência do Banco da Amazônia, informa que para os produtores rurais, na Agrotins 2015 será a disponibilidade de uma linha de crédito com juros de 4,5% ao ano, com recursos a serem liberados no valor de R$ 100 milhões.
 
Vitrines de grãos 
Com as atenções voltadas para o tema "Cadeia Produtiva de Grãos", os expositores do ramo também depositam otimismo.  Um total de 20 empresas do ramo de produção de sementes, adubos e fertilizantes investem nas inovações tecnológicas, numa área aproximada de 60 mil metros quadrados.
 
A empresa Tocantins Fertilizantes, de Porto Nacional, vai mostrar o que há de novo em adubação. De acordo como o representante Frederico Mota, a empresa apresentará novidades no ramo de adubos e fertilizantes para plantio de grãos, soja, milho, arroz e sorgo, entre outras culturas. "A Agrotins é uma porta aberta para a comercialização de produtos agropecuários, e nossa empresa participa por acreditar no potencial que a feira proporciona para vender nossos produtos", ressaltou.
 
Viviane Kato, gerente comercial da Nativa, empresa baiana do ramo de sementes de soja, milho, sorgo e capim, explica que apresentará na Agrotins uma variedade de sementes de milho, sendo sete híbridos diferentes do grão. "Estamos mais uma vez acreditando no potencial de comercialização da  Agrotins, sabemos que é uma ótima oportunidade. Nosso produto é consolidado no mercado, pois apresenta alta produtividade, adaptada ao clima tocantinense", argumentou.
 
Maquinários
As tecnologias voltadas para o setor agrícola destacam, no cenário das inovações, maquinários e implementos na Agrotins.  O proprietário da empresa Trator Cesar, Cesar Pires de Miranda, expõe na feira desde sua primeira edição, há 15 anos. "A feira, para nós, é uma grande vitrine e os negócios realizados e os pré-firmados na Agrotins duram ao longo dos meses seguintes e vão até o final do ano. Meu negócio tem crescido bastante, juntamente com o crescimento da produção de grãos e do crescimento do próprio Estado", destacou. Cesar Miranda fala ainda que pretende firmar R$ 2,5 milhões em negócios na edição 2015 do evento.
 
Agrotins
A Agrotins Brasil foi criada pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Desenvolvimento da Agricultura e Pecuária (Seagro), com o objetivo de fomentar o agronegócio no Tocantins e proporcionar a troca de informações e inovações tecnológicas aos produtores rurais, técnicos e extensionistas.

COMPARTILHE:


Confira também:


Pandemia

Tocantins chega a 3.611 casos de Covid-19 com 120 hospitalizados

Os dados contidos no boletim são consolidados com resultados de exames realizados no Lacen e notificações recebidas dos municípios até as 23:59h do último dia.


  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira