Thursday, 18 de April de 2019

ECONOMIA


Seu bolso

Endividamento em Palmas cai em novembro, aponta dados do PEIC

11 Dec 2018    12:43    alterado em 11/12 às 12:43
Endividamento em Palmas cai em novembro, aponta dados do PEIC

A pesquisa que mede o Índice de Endividamento e Inadimplência dos consumidores de Palmas (PEIC) registrou no mês de novembro nova queda, mesmo comparado ao mês anterior quanto ao mesmo período do ano passado. Mas a boa notícia é que o porcentual de endividados com contas em atraso também caiu, de 13,1% para 11, 5% comparado a outubro de 2018. O índice geral da pesquisa registrou 67,7% de endividados em Palmas, que equivale a 55.133 mil consumidores.

Do total de endividados, 58% consideram-se pouco endividados. A média de comprometimento da renda familiar com dívidas no mês ficou em 33%, sendo que grande parte (72,5%) disse que usa de 11 a 50% de sua renda para o pagamento de dívidas. O ranking das dívidas mais comuns continua com o cartão de crédito na liderança, seguidos de financiamento de carro e carnês.

Dentre os que disseram ter dívidas em atraso (11,5%), 45,4% tem contas com vencimentos em atraso em até 30 dias. O tempo médio do atraso é de 46,1 dias. Já com relação ao tempo do endividamento, a maioria (42,6%) disse que está comprometida por mais de ano com essas dívidas. A média do comprometimento ficou em 7,9 meses. 

A assessora econômica da Fecomércio, Fabiane Cappellesso, comenta que essa média pode ser explicada pelo tipo de dívidas. “Foi visto na pesquisa que os consumidores tem o financiamento de carro como segunda dívida mais frequente, e geralmente, este tipo de dívida é de longo prazo, chegando até as 60 meses. Mas os consumidores devem ficar atentos a este tipo de dívida, pois o financiamento não é o único gasto, temos o IPVA, seguro, manutenção e o próprio combustível que vem sofrendo muita variação este ano”, ressaltou.

A pesquisa é realizada mensalmente pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) em parceria com a Fecomércio Tocantins e foram ouvidas 500 famílias na Capital nos últimos dez dias de outubro.

COMPARTILHE:


Confira também:


Feriado

PRF faz operação especial nas rodovias para feriado de Semana Santa

Segundo a PRF, as maiores preocupações dos agentes são com a embriaguez ao volante, o uso de cinto de segurança e do assento especial para crianças.

Recursos em Brasília

Carlesse solicita ao presidente Bolsonaro a construção da TO 500, recursos para ponte de Porto e apresenta plano de recuperação do Estado

Outro projeto estruturante importante para o Tocantins apresentado pelo Governador, foi o da revitalização do Projeto Rio Formoso, em Formoso do Araguaia. A solicitação do Governo do Tocantins é de um aporte de R$ 400 milhões.




  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira