Palmas, 17/01/2018

Economia

Telefonia

Oi realiza assembleia geral de credores, no Rio

  • A Oi seguiu todos os ritos processuais legais ao longo do processo de recupera√ß√£o judicial.


Rio de Janeiro, 18 de dezembro de 2017 ‚Äď A Oi realiza amanh√£ no Rio de Janeiro, conforme determina√ß√£o do Ju√≠zo da 7¬™ Vara Empresarial do Rio de Janeiro, a Assembleia Geral de Credores que vai deliberar sobre o Plano de Recupera√ß√£o Judicial protocolado pela companhia na Justi√ßa no dia 12 de dezembro de 2017. O plano foi elaborado de forma a garantir o fortalecimento futuro da Oi, al√©m de manter a equidade entre as partes envolvidas, sendo positivo para todos. No caso dos credores, h√° previs√£o de recupera√ß√£o de cr√©dito mesmo com o corte na d√≠vida; no caso dos acionistas, seu valor patrimonial ser√° preservado mesmo com a dilui√ß√£o de sua participa√ß√£o, tendo a possibilidade inclusive de aumentar o valor de seu patrim√īnio na companhia.

 

A Oi seguiu todos os ritos processuais legais ao longo do processo de recupera√ß√£o judicial. O plano apresentado est√° em conformidade com os mais altos padr√Ķes de governan√ßa e segue o que foi estabelecido por decis√£o judicial de 29 de novembro de 2017. "Ap√≥s mais de 18 meses de negocia√ß√Ķes, chegamos a uma proposta que √© equilibrada para todas as partes e garante o fortalecimento da companhia, que √© o objetivo da recupera√ß√£o judicial", afirma Eurico Teles, presidente e diretor Jur√≠dico da Oi, cujo nome foi ratificado pelo Conselho de Administra√ß√£o para a presid√™ncia da companhia em 27 de novembro de 2017. "Ouvimos todos os envolvidos e entendemos que o plano que constru√≠mos reflete as conversas que tivemos ao longo do processo e √© vi√°vel para todas as partes", afirma.

 

O plano est√° estruturado de uma forma que viabiliza um fluxo de caixa adequado para a Oi, permitindo os pagamentos da d√≠vida remanescente e assegurando um novo patamar de investimentos. O investimento da companhia aumentar√° de uma m√©dia anual de R$ 5 bilh√Ķes para R$ 7 bilh√Ķes nos primeiros tr√™s anos, que ser√£o destinados √† expans√£o da infraestrutura e projetos estrat√©gicos.

 

Os novos recursos com o incremento no patamar de investimento da companhia no pr√≥ximo tri√™nio ser√£o destinados a projetos de expans√£o da fibra √≥tica, aumento da cobertura 4G e projetos de digitaliza√ß√£o. Pelo plano, est√° previsto que o investimento atual, previsto em R$ 5,3 bilh√Ķes ao final de 2017, alcance R$ 7,1 bilh√Ķes em 2018 e se mantenha em R$ 7 bilh√Ķes tanto em 2019 como em 2020. O plano prev√™ que os recursos adicionais para investimentos vir√£o de capitaliza√ß√£o de R$ 4 bilh√Ķes de recursos novos e outros R$ 2,5 bilh√Ķes de recursos adicionais que podem ser buscados no mercado de capitais.


Confira também


Coment√°rios

comments powered by Disqus