Sunday, 05 de April de 2020

ECONOMIA


Tocantins

TCE recomenda que prefeituras não assumam dívidas com carnaval e priorizem serviços essenciais

07 Feb 2020
TCE recomenda que prefeituras não assumam dívidas com carnaval e priorizem serviços essenciais

O Tribunal de Contas do Estado do Tocantins (TCE) veio com a Recomendação nº 001/2020, nesta quinta-feira, 6, alertando os gestores das prefeituras municipais para que evitem quaisquer despesas, repasses ou assumir dívidas relativas à realização do carnaval, “atividades carnavalescas ou pré-carnavalescas, shows e festas populares referentes a essa época, no exercício de 2020”, recomendou a edição nº 2481 do Boletim Oficial.

Em Guaraí, quando a prefeita Lires Ferneda assumiu a gestão, em 2017, encontrou uma situação de descontrole financeiro e orçamentário que comprometia a capacidade de investimento do município e a prestação de serviços públicos essenciais à população. Na época, a atual gestora assumiu mais de 11,5 milhões em dívidas com Ibama, INSS, Pasep, Guaraí-Prev, além de pagamento dos servidores em atraso, e muitas outras despesas.

Todo esse descontrole financeiro, deixado pela gestão anterior, pode ter sido consequências de investimentos em áreas não prioritárias e que não atendiam os serviços essenciais à população. Porém, são novos tempos, de maneira que a recomendação do TCE já é adotada pela gestão atual desde os primeiros dias do mandato.


Resgate da credibilidade e reação econômica para Guaraí

Ainda em 2017, segundo a prefeita Lires, os mais de 11 milhões de dívidas foram renegociadas e a gestão conseguiu impulsionar o crescimento significativo das ações da Prefeitura. A gestora buscou investimentos, reduziu gastos, controlou as contas e acertou no planejamento.

Tudo isso resultou no resgate do poder de investimentos no desenvolvimento social e o bem-estar da população, como escolas com melhores equipamentos e alimentação de qualidade, cidade limpa, saúde de qualidade, reformas das Unidades Básicas de Saúde (UBS´s), o zelo pela manutenção dos espaços públicos, pontes estruturadas em regiões rurais, pavimentação de ruas e avenidas, construção de quadras esportivas, programas sociais que voltaram a funcionar, entre outras ações que fizeram a atual administração ser destaque e referência de gestão no Tocantins, mesmo em tempos de crise econômica.

“Essa dívida de mais de 11,5 milhões, se não fosse gerada pela gestão anterior, poderia ser um recurso a mais para benefícios à população de Guaraí. Quantas quadras teríamos asfaltado com o dinheiro dessa dívida? Certamente seria investido na aquisição de bens para qualidade dos serviços essenciais à população”, questionou, a prefeita Lires Ferneda .

COMPARTILHE:


Confira também:


Pandemia

Tocantins tem agora 16 casos confirmados da Covid-19

De acordo com último boletim divulgado pela Secretaria de Saúde agora são confirmados 16 casos de Covid-19 no Tocantins.

Saúde

Home Care Renascer oferece atendimento em saúde personalizado em Palmas

Composta por profissionais qualificados, o trabalho é voltado para preservar a saúde e segurança dos pacientes em suas residências, com os mesmos cuidados e critérios da internação hospitalar.




  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira