Thursday, 24 de October de 2019

ESPECIAL


Solidariedade

Casa de Apoio Vera Lúcia recebe doações de alimentos não perecíveis

24 Mar 2019    15:09
Casa de Apoio Vera Lúcia recebe doações de alimentos não perecíveis

Os alimentos foram arrecadados na cerimônia de premiação dos vencedores do “1º Prêmio para Estudantes de Arquitetura e Urbanismo do Tocantins”, realizado pelo Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Tocantins (CAU/TO). A entrega das doações, que totalizaram 75kg de alimentos não perecíveis, ocorreu na manhã desta sexta-feira, 22, na Casa de Apoio Vera Lúcia.

Para o presidente do Conselho, Silenio Camargo, entidades de classe e empresas precisam entender a responsabilidade delas na comunidade e programar ações em que possam contribuir para uma sociedade mais igualitária. “Sempre quando realizamos ações de reciclagem com os profissionais da área propomos as arrecadações de alimentos não perecíveis por entender a responsabilidade social que nós temos, enquanto entidade de classe. Chamar atenção para essa causa, estar contribuindo ao longo do ano, entender as necessidades das casas de acolhimento e, sobretudo, conseguir organizar uma forma para melhorar a qualidade de vida de quem precisa estar nesses locais é gratificante para todos”, disse o presidente.

A gerente da Casa de Apoio Vera Lúcia, Elisangela Cardoso, destacou a importância das doações acontecerem durante todo ano. Só em 2018, passaram pela Casa 22 mil pessoas “Nós recebemos acompanhantes e pacientes da oncologia, cardiopatas e trabalhamos com serviço social ligado à Secretaria de Estado de Trabalho e Assistência Social, a Setas. Todos aqui precisam de algo específico, uma particularidade, desde um alimento a roupas e kit de higiene. O almoço e o jantar são fornecidos pela Setas, mas o café da manhã e o lanche da tarde é 100% através da doação. Temos parcerias com supermercados, o Mesa Brasil e entidades como o CAU/TO. A chama da doação tem que estar sempre acesa. Somos supridos em datas comemorativas, mas a casa não fecha, de domingo a domingo. A Secretaria já faz um bom trabalho, mas ainda assim precisamos dessas parcerias. A demanda é grande, são 126 pessoas diariamente”, reforçou.

A coordenadora do programa Mesa Brasil de Palmas, Any Mendonça, auxiliou o CAU/TO na escolha do local e no processo da entrega dos alimentos. “Agradecemos o Conselho pela parceria com o Mesa Brasil na arrecadação de alimentos não perecíveis, que são muito importantes para atender as pessoas que estão em situação de vulnerabilidade social. Todas as pessoas podem contribuir de alguma forma, seja doando alimentos, roupas, produtos de limpeza, como também uma visita para conversar com as pessoas, uma palavra amiga, todo mundo pode ajudar um pouquinho”, disse.


Os interessados em apoiar o Mesa Brasil com doações podem entrar em contato pelo telefone 0800 646 7878 ou entregar na unidade de Palmas localizada na 103 norte rua NO 07 lote 39.

O Mesa Brasil SESC
O Mesa Brasil SESC é uma rede nacional de bancos de alimentos contra a fome e o desperdício. Seu objetivo é contribuir para a promoção da cidadania e a melhoria da qualidade de vida de pessoas em situação de pobreza, em uma perspectiva de inclusão social. Trata-se essencialmente de um Programa de Segurança Alimentar e Nutricional, baseado em ações educativas e de distribuição de alimentos excedentes ou fora dos padrões de comercialização, mas que ainda podem ser consumidos.

Assim, o Mesa Brasil SESC busca onde sobra e entrega onde falta. De um lado, contribui para a diminuição do desperdício e, de outro, reduz a condição de insegurança alimentar de crianças, jovens, adultos e idosos. Em ambos os polos desse percurso, as estratégias de mobilização e as ações educativas incentivam a solidariedade e o desenvolvimento comunitário.

COMPARTILHE:


Confira também:


Rodovia no Jalapão

Governador e Ministro do Turismo discutem construção de rodovia no Jalapão em parceria com a iniciativa privada

Carlesse reforçou a necessidade da pavimentação do acesso ao Jalapão e apresentou dados do crescimento do Turismo no Estado

Prorrogado Refis 2019

Refis 2019 já negociou mais de R$ 110 milhões em dívidas; pagamentos à vista superaram os R$ 20 milhões

O programa, que terminaria no domingo, 31, foi prorrogado até o dia 31 de novembro e o atendimento é feito nas unidades do Resolve Palmas




  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira