Monday, 18 de November de 2019

ESPECIAL


Dúvidas com relação ao sexo

24 Jul 2008

Gostaria de saber se o lubrificante masculino pode fazer a mulher engravidar?

Pode engravidar sim!

Não é só o sêmen, na hora da ejaculação, que tem o poder de levar à gravidez. Uma pequena gota desse líquido, que o pênis expele durante a fase da excitação, já contém espermatozóides, o que é suficiente para engravidar.

Ou seja, a dica é: a gente tem de usar camisinha desde o começo da relação sexual (e não só quando ele estiver próximo a chegar ao orgasmo)!Vale também optar por outro método contraceptivo, como pílula anticoncepcional, injeção ou o que o seu médico indicar. Sabe o que eu quero dizer com isso? Que é pra lá de importante dar uma chegada ao ginecologista para ele recomendar o método mais indicado a você.

Aliás, quem tem vida sexual ativa não pode ficar sem visitar o médico com freqüência. Isso é condição básica para garantir nossa saúde. E, claro, garantir que o sexo seja, assim, muito mais bacana!

 

Masturbar muito pode provocar pedras nos mamilos?

Claro que não!!! Onde foi que você ouviu essa besteira??? Não causa pedra nos mamilos, nem faz crescer pêlos nas mãos, nem prejudica a saúde, nem enfraquece a pessoa, nem vicia... Naaaaaaaada disso!

Todos esses mitos fazem parte de uma educação sexual repressora que foi super difundida no século 18. A história é a seguinte: em 1758, um médico suíço renomado, o Dr. Tissot, lançou obras e mais obras pregando os malefícios da masturbação.

O médico dizia que as pessoas adoeciam, ficavam malucas e poderiam até chegar à morte. Coisa de maluco, você não acha? Pois é. Mas muita gente acreditou, inclusive a classe científica da época. E aí surgiu uma verdadeira caça à masturbação.

Foi só no finalzinho do século 19 que as coisas começaram a mudar de figura. Grandes nomes da ciência descobriram que aquelas idéias não passavam de crenças pra lá de equivocadas.

Hoje os estudiosos são unânimes em afirmar: masturbação não faz mal à saúde, de forma alguma. Pelo contrário: é supersaudável, ajuda a gente a perceber melhor o próprio corpo e a descobrir o caminho para o orgasmo e o prazer.

Claro que ninguém é obrigado a se masturbar, né? Faz quem quer. Aliás, quando o assunto é sexo, vale sempre repetir: a gente só deve fazer o que estiver realmente a fim. Assim é muito mais bacana!

 

Já tive a minha primeira relação sexual, mas tenho dúvidas se foi da maneira correta. Há perigo de o pênis perfurar um canal errado? O canal de penetração do pênis na vagina é o único sensível e não tem como se machucar?

Não tem perigo de errar a vagina, não. Quer dizer, a gente tem dois canais possíveis de penetração: o canal vaginal e o ânus. Como a musculatura da vagina é mais elástica do que a do ânus, o pênis penetra com maior facilidade na vagina.

Sobre sensibilidade, toda a região pode despertar sensações de prazer - ou às vezes de incômodo! Tudo depende de seu estado de relaxamento.

Se você estiver muito tensa, preocupada, com medo ou encanada com sei lá o que, pode ser que a relação sexual provoque um certo incômodo ou até mesmo dor. A dica é: relaxe, fique tranqüila e curta o momento! O que não vale é forçar a barra se estiver doendo. A gente precisa ir com muita calma para, aos poucos, descobrir a melhor maneira de manter a relação.

Outra dica: vá ao ginecologista, viu? Sempre que a gente sente inicia a vida sexual é importante visitar o médico para que ele veja se está tudo OK com a região genital.

 

Ouvi falar que o ponto mais sensível da menina se encontra a 3 centímetros da parte externa vagina (valendo aquele ditado de que tamanho não é documento). Gostaria de saber se isso é verdade ou mentira e onde esse ponto realmente se encontra.

Para você entender melhor que história é essa dos 3 centímetros (que eu vivo falando nas colunas, em chats, palestras ou entrevistas na TV), é preciso saber um pouco mais sobre as reações de prazer nos genitais femininos.

Funciona assim: quando a menina está muuuito excitada, a vagina produz um líquido lubrificante e dobra de tamanho para receber o pênis. Isso é uma alteração espontânea do corpo feminino. Nessa hora, o canal vaginal (que é uma espécie de tubo) chega a medir cerca de 16 centímetros de profundidade.

O fundo desse canal geralmente não é tão sensível como a parte que fica perto do orifício da vagina (que é começo dela). Os tais dois ou três centímetros mais externos da vagina são nada mais do que essa área inicial do canal vaginal.

Deu para entender? Não se trata de um ponto X, Y ou Z onde o toque provocará um orgasmo instantâneo. Isso não existe!!! É lenda, invenção, maluquice.

Os benditos três centímetros são apenas uma região de maior sensibilidade. Não é também para sair conferindo a coisa com uma régua, né? Trata-se de uma medida aproximada...

Sobre a questão do pênis, de fato tamanho não é documento. Não faz diferença nem para o seu prazer nem para o dela. Explico: como a parte mais sensível da vagina é a inicial (os tão falados três centímetros), não é necessário ter um pênis enorme para conseguir estimular essa região, você não acha? A mulher pode se excitar até com o toque dos dedos, a língua... Ou seja, tudo bem menor do que o pênis.

A dica é: não se preocupe com tamanho de pênis, muito menos em encontrar pontos de prazer milimetricamente calculados. O melhor é brincar de descobrir todo o corpo um do outro, de um jeito bem descontraído. E, claro, muito prazeroso!

 

Meu namorado insiste em dizer que não sou mais virgem, mas eu sou. Como posso provar a ele?

Que namoradinho desconfiado esse seu, heim? Se você está afirmando uma coisa, o que mais ele quer saber? Está faltando um detalhezinho básico nessa história de vocês: a confiança.

Sabia que o relacionamento fica muito mais legal quando um acredita no outro? Além disso, essa história de ter de provar virgindade é coisa do passado. Tá totalmente fora de moda, você não acha?

Teste de virgindade é coisa de novela das oito da Globo. E essa novela (O Clone) até já acabou... Quero dizer o seguinte: 1. É ficção; 2. Não tem nada a ver querer fazer o mesmo na vida real; 3. Está bem longe da nossa realidade cultural.

Talvez seja melhor ter uma conversa franca com o seu namorado. Há alguns pontos que fazem toda a diferença numa relação bacana. Um deles: não ficar pedindo provas absurdas como essa para o outro. A sinceridade de cada um deveria bastar, você não acha? 

COMPARTILHE:


Confira também:


Economia

Receita paga hoje as restituições do 6º lote do Imposto de Renda

O lote contempla também restituições dos exercícios de 2008 a 2018

Economia

Com Selic em queda, poupança pode passar a render menos que a inflação

Outro fator é a redução de recursos para o financiamento habitacional. Atualmente, 65% dos recursos de poupança são destinados aos financiamentos habitacionais.




  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira