Palmas, 20/01/2018

Especial

APA Lago de Palmas

Parceria fortalece a construção da sede da APA Lago de Palmas

  • Esta será a primeira sede própria dentre as 9 APA existentes no estado do Tocantins, beneficiada pela cooperação tripartite (Prefeitura, Naturatins e Associação), que resultou na doação do terreno

Nilza Veronica Amaral

Parceria fortalece a construção da sede da APA Lago de Palmas



Tânia Caldas / Governo do Tocantins

A construção da sede da Área de Proteção Ambiental (APA) Lago de Palmas, no Distrito de Luzimangues, está mais próxima de acontecer, haja vista a assinatura nesta terça-feira, 7, do Aditivo ao Termo de Cooperação Técnica, celebrado entre o Governo do Estado, por meio do Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins) e a Prefeitura de Porto Nacional.

Com o aditivo, o executivo municipal de Porto Nacional oficializou a permissão ao uso público, isto é, a construção da sede administrativa da APA Lago de Palmas em área pertencente aquele município. A área doada pela Prefeitura é de 600 m² e inicialmente a obra terá 200 m² de área construída.

Esta será a primeira sede própria dentre as 9 APA existentes no estado do Tocantins, beneficiada pela cooperação tripartite (Prefeitura, Naturatins e Associação), que resultou na doação do terreno.

O secretário Executivo da Associação da Área de Proteção Ambiental (APA) Lago de Palmas, Abel Cardoso de Andrade, manifestou-se sobre a importância do Aditivo ao Termo de Cooperação Técnica. "Esta assinatura foi muito relevante porque a Associação foi criada justamente para dar apoio à gestão da APA Lago de Palmas", destacou.

Para a arquiteta e membro fundador da APA Lago de Palmas, Nilza Verônica a assinatura do aditivo representa um avanço na gestão de UC estaduais. "Mas ainda estamos num processo de aprendizado com essa experiência. Após sua criação o maior desafio é implementar e garantir sua manutenção. A construção da sede resolverá parte desse desafio", explicou.

Com a construção da sede da APA, o Naturatins possibilitará a gestão da Unidade, planejar atividades que vão monitorar toda a área de preservação ambiental do Lago de Palmas. O local poderá servir de ambiente para alunos realizarem ações educativas, além de ponto de encontro entre a comunidade e as entidades, ligadas à proteção do meio ambiente. A área total da APA abrange 50.370 hectares.


Confira também


Comentários

comments powered by Disqus