Wednesday, 23 de September de 2020

ESPORTE


Assembleia

Novas escolas militares para Ananás e Caseara são solicitadas no Parlamento

07 Nov 2019
Clayton Cristus Novas escolas militares para Ananás e Caseara são solicitadas no Parlamento

A implantação de novas escolas militares foram solicitadas pelo presidente da Assembleia Legislativa, deputado Antonio Andrade (PTB) na
ordem do dia da sessão vespertina desta quarta-feira, 6. As matérias foram aprovadas na sessão vespertina juntamente com outros requerimentos
com propostas para a área da Educação, Segurança Pública e Infraestrutura.

O presidente do Parlamento sugere a implantação de Unidade do Colégio Militar no município de Ananás e a transformação da Escola Estadual José
Alves de Assis em uma Unidade do Colégio Militar no município de Caseara. Também foi solicitada a construção de Escola Estadual no Setor
Santa Bárbara, em Palmas.

O deputado Jorge Frederico (MDB) solicitou a implantação de Unidade do Colégio Cívico-Militar em Araguaína, Já Leo Barbosa (SD) requer a
construção de quadra poliesportiva no Colégio Batista Professora Beatriz Rodrigues da Silva, no munícipio de Tocantínia e a reforma geral da
quadra poliesportiva no Colégio Estadual de Itacajá.

Na área da Segurança Pública foram sugeridas por Jorge Frederico a instalação de Delegacia da Mulher com atendimento 24 horas por dia, em
Araguaína e o reforço no policiamento no aeroporto de Araguaína e também nas escolas em todo o Estado.

Outros parlamentares que tiveram requerimentos aprovados foram os deputados Junior Geo (PROS), Amália Santana (PT), Delegado Rerisson
(DC), Elenil da Penha (MDB), Gleydson Nato (PHS), Ivan Vaqueiro (PPS), Jair Farias (MDB), Luana Ribeiro (PSDB), Nilton Franco (MDB), Olyntho
Neto (PSDB), Valdemar Júnior (MDB), Valderez Castelo Branco (PP) e Zé Roberto (PT).

COMPARTILHE:


Confira também:


Economia

Receita Federal abre nesta quarta-feira consulta ao 5º lote do IRPF

A consulta pode ser feita a partir das 9h no Portal e-CAC na internet

Orçamento

LDO é encaminhada à Comissão de Finanças

Na proposta, o governo salienta que a LDO foi eloborada durante a pandemia do novo coronavírus (COVID -19), período de decretação do Estado de Calamidade Pública em todo o território do Tocantins.




  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira