Saturday, 20 de October de 2018

ESPORTE


CBJ

Tocantins tem três novos árbitros promovidos no quadro nacional da CBJ

06 Jun 2017

Durante o último final de semana, na cidade de Anápolis, no Goiás, a Confederação Brasileira de Judô (CBJ) realizou o Exame Nacional de Arbitragem, atividade que avalia os árbitros da modalidade, selecionando os aprovados para o quadro nacional da entidade. Na ocasião, os representantes da Federação de Judô do Estado do Tocantins (Fejet), José Victor Vilardo e Marcus Mesquita foram promovidos de árbitros estaduais para Nacional C; enquanto Elionaiky Pires foi graduado como árbitro Nacional B.
 
Ao todo, são nove as classificações de árbitros na carreira de um judoca, sendo elas Aspirante a Estadual; Estadual; Nacional C; Nacional B; Nacional A; Aspirante a FIJ (Federação Internacional de Judô); FIJ C; FIJ B; e FIJ A. Diretor de Arbitragem da Fejet, o faixa preta 5º Dan e Aspirante a FIJ Luiz Sérgio Papa comemora o desenvolvimento da arbitragem no estado. "Nós batemos um recorde em 2017, incluindo em nosso corpo de arbitragem sete árbitros promovidos em nível nacional, sendo três no Nacional B e quatro no Nacional C. Além destes, já temos outros que se preparam para entrar nesta seleta lista a partir do ano que vem", conta o Sensei Papa.
 
Ainda de acordo com o Diretor de Arbitragem da Fejet, a qualificação dos árbitros tocantinenses reflete diretamente na qualidade das disputas realizadas no Tocantins. "É importante a nossa arbitragem seguir em evolução, adentrando o cenário nacional e galgando os degraus necessários para elevar a qualidade técnica das competições estaduais, porque esta melhoria no nível de arbitragem acarreta em um menor índice de erros, minimizando as possíveis injustiças durante os campeonatos, fazendo prevalecer o Judô positivo", explica Sérgio Papa.
 
Árbitros da Fejet

No Tocantins, atualmente, compõem o quadro de arbitragem ativa da Fejet 24 árbitros, sendo um Aspirante a FIJ; três Nacional B; cinco Nacional C; nove Estadual; e seis faixas marrons Aspirantes a Estadual. Outros sete, de diferentes níveis, não têm atuado em eventos oficiais.
 
Segundo o Sensei Sérgio Papa, a seleção dos árbitros é muito criteriosa e exige dedicação constante à função. "A formação do árbitro é difícil e demorada. Primeiro, porque o árbitro de Judô tem que ser faixa preta, o que, por si só, já demanda uma seleção natural muito grande. Por fim, após esta formação, a pessoa tem que se sentir à vontade para se um julgador, assumindo todas as responsabilidades que o cargo exige. Além disto tudo, tem que gostar, e muito, do que faz, se mantendo preparado e em constante atualização", ressalta o árbitro Aspirante a FIJ. [Ascom Total / Fotos: Tatiana Neiva (Federação Goiana de Judô/Fegoju)]

COMPARTILHE:

O que você achou da notícia?

20

PARABÉNS!
PARABÉNS!

23

BOM
BOM

31

AMEI!
AMEI!

17

KKKK
KKKK

21

ENGRAÇADO
ENGRAÇADO

32

Ñ GOSTEI
Ñ GOSTEI

62

CREDO!
CREDO!

Comentários

comments powered by Disqus


Confira também:


Economia

Mauro Carlesse recebe empresários interessados em investir no Estado

Grupo de empresários vão investir na produção de ovos no Estado; Gurupi e Paraíso são cidades estudadas para receber o empreendimento

Cinoterapia

Projeto com cães no HGP e Infantil comemora um ano

De acordo com a psicóloga do HGP, Jaqueline Monteiro o projeto vem beneficiando pacientes adultos e crianças.


Serviço

Inscrições abertas para o Curso de Supervisão em Serviço Social

Dos 12 módulos, três ocorrerão em Miracema (UFT) e os outros nove em Palmas, nos locais junto às unidade de Ensino (Unip, Unitins, Unopar, Itop) conforme programação disponibilizada no site do conselho.


Sanidade

Tocantins se prepara para vacinação de rebanho contra febre aftosa a partir de 1º de novembro

Após a vacinação, o produtor tem até 10 dias para fazer a declaração em qualquer uma das 139 unidades da Adapec no Estado,


Tocantins

Ligados: projeto itinerante da Energisa está ouvindo a população


Tocantins

Visando concorrência legal Metrologia Estadual verifica taxímetros em Palmas


Sermão aos Peixes

PF apura desvios na área da saúde


Segurança

Forças de segurança do Tocantins recebem a visita do ministro Raul Jungmann em Palmas


Economia

Estimativa do PIB Industrial do Tocantins aponta leve recuperação em 2017


Meio Ambiente

População de Palmas gasta o dobro de água recomendado pela ONU



  Blogs & Colunas


TiViNaLili

Lili Bezerra


Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira