Thursday, 17 de January de 2019

ESTADO


Agricultura

MPE recomenda suspensão nas captações de água nos rios Dueré e Xavante e sistema de rodízio nos rios Urubu e Formoso

19 Jul 2018    15:28
https://central3.to.gov.br/arquivo/358921_1000.jpg MPE recomenda suspensão nas captações de água nos rios Dueré e Xavante e sistema de rodízio nos rios Urubu e Formoso Rio Formoso

Em razão do período de estiagem, Ministério Público Estadual (MPE) expediu, nesta quinta-feira, 19, recomendações a 43 produtores rurais que captam água da bacia do Rio Formoso, a sete empresas agrícolas exportadoras, aos órgãos ambientais do Estado e às instituições bancárias que atuam com crédito rural para que façam cumprir os termos do Plano do Biênio 2018/2019, documento que prevê intervenção nas captações de água desta bacia nos períodos de crise hídrica. 

Segundo o Plano, a captação para irrigação já deve ser suspensa nos rios Dueré e Xavante, tendo em vista que o volume de água atingiu o nível estabelecido como “cota mínima ecológica”. Já no Rio Urubu e na Estação de Projeto Rio Formoso, no Rio Formoso, as captações devem acontecer em sistema de rodízio semanal, por ter sido atingida a “cota ecológica”.

A medição do volume de água que indica a necessidade imediata de intervenção nas captações foi realizada pelo Centro de Apoio Operacional de Urbanismo, Habitação e Meio Ambiente (Caoma) do MPE.

Já o Plano do Biênio 2018/2019, que estabelece as regras de operação para irrigação, foi elaborado por um grupo de trabalho liderado pelo Instituto de Atenção às Cidades (IAC), da Universidade Federal do Tocantins (UFT), que conta com representantes do MPE, Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins), Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Formoso (CBHRF), Secretaria Estadual do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh).

Todas ações do Plano foram submetidas a debates e reuniões técnicas e formalizadas judicialmente, como parte de Ação Cautelar proposta pelo MPE, a qual visa reverter a situação de crise hídrica que acometeu a Bacia do Rio Formoso nas estiagens dos últimos anos.

O Ministério Público atua no processo judicial representado pelo Promotor de Justiça Francisco Brandes Júnior, da Comarca de Cristalândia.

ÓRGÃOS AMBIENTAIS
Ao Naturatins, o MPE recomendou que sejam imediatamente suspensas as outorgas para captação nos rios Dueré e Xavante, bem como suspenda as outorgas do Rio Formoso caso os empreendedores não implementem o sistema de rodízio ou caso as cotas ecológicas emergenciais venham a ser atingidas.

Também é recomendo ao Naturatins que, entre outras ações, adote um cronograma de vistoria às propriedades rurais e que apresente relatórios semanais das vazões das bombas de captação.

Já à Semarh, é recomendado que mantenha em funcionamento adequado as estações de monitoramento que estão sob sua responsabilidade.

PRODUTORES E EMPRESAS
Aos 43 produtores rurais, é recomendado que cumpram integralmente o Plano do Biênio, que iniciem imediatamente o rodízio nas captações do Rio Formoso e Urubu e que mantenham em operação os equipamentos de medição de captação, entre outras medidas.

Às sete empresas exportadores e também às instituições bancárias, o Ministério Público recomenda que adotem as medidas administrativas para acompanhar o cumprimento Plano do Biênio.

Ainda são recomendadas ações complementares ao Comitê de Bacias Hidrográficas do Rio Formoso e ao Instituto de Atenção às Cidades. (Flávio Herculano)

COMPARTILHE:

O que você achou da notícia?

50

PARABÉNS!
PARABÉNS!

34

BOM
BOM

48

AMEI!
AMEI!

37

KKKK
KKKK

54

ENGRAÇADO
ENGRAÇADO

47

Ñ GOSTEI
Ñ GOSTEI

47

CREDO!
CREDO!

Leia por assunto:

Rio formoso captações água rios Dueré Xavante

Comentários

comments powered by Disqus


Confira também:


Tocantins

Presidente da ATM se reúne com comando da Polícia Militar para discutir medidas de segurança aos prefeitos

Gestores relatam à Associação preocupação com falta de segurança após atentados contra prefeitos; Medida é apresentada pela PM

Réu

Justiça de Goiás aceita mais uma denúncia contra João de Deus

A denúncia aceita pela magistrada foi feita terça (15) pelo Ministério Público de Goiás (MP-GO). De acordo com o MP, 13 casos de crimes sexuais ocorreram entre o início de 1990 e meados de 2018.



Prisão

Polícia Civil captura o 17º investigado na operação Nexus

Ozéias Maciel de Azevedo Oliveira foi preso na tarde desta quarta, 16, em Paraíso. Ele é suspeito de intermediar a compra de drogas de Goiânia-GO para o Tocantins


Brasília

Bolsonaro diz a Macri que confia na modernização do Mercosul

O presidente citou ainda que percebe, na união entre Brasil e Argentina, “firme determinação” no combate ao crime organizado, citado por ele como um mal que angustia famílias que há muito não toleram os níveis de violência a que o país chegou.


Defensoria

Luna, a assistente virtual da Defensoria Pública, já realizou mais de 360 atendimentos

O serviço está implantado há apenas 43 dias, alcançando, até o momento, uma média aproximada de nove atendimentos diários desde o próprio lançamento


Pium

Sistema de monitoramento por câmeras é adotado por Cadeia Pública


Seduc

Educação informa período de confirmação de matrículas


Serviço

Marriott International anuncia Bonvoy - o novo nome do seu programa de fidelidade


Síndrome do viajante

Viagens longas podem causar trombose e até embolia pulmonar


Tocantins

Sistema Socioeducativo inicia formação do Cadastro Reserva com foco no avanço da Política Socioeducativa


Educação

Pela primeira vez, estudantes haitianos se formam na UNILA



  Blogs & Colunas


TiViNaLili

Lili Bezerra


Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira