Tuesday, 18 de June de 2019

ESTADO


Naturatins

Naturatins realiza queima controlada com apoio da comunidade

04 Jul 2018    18:21    alterado em 04/07 às 18:22
SECOM Naturatins realiza queima controlada com apoio da comunidade As queimas prescritas ocorrem conforme calendário elaborado pela comunidade com o Naturatins - Governo do Tocantins

A equipe da Área de Proteção Ambiental (APA) Ilha do Bananal/Cantão, unidade de gestão do Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins), em parceria com a comunidade do Assentamento Nova Canaã e do Distrito do Senhor do Bonfim, finalizou no dia 2 de julho, diversas queimas conforme o calendário prescrito, elaborado em abril. As atividades, que iniciaram no mês de junho, tiveram a participação de moradores da região; eles participaram de todo processo que constituiu o planejamento, a implementação, o monitoramento e a avaliação.

O supervisor da APA Ilha do Bananal/Cantão, Jovane Pereira Ferreira, explicou que a queima com fogo de baixa intensidade neste período tem como objetivo diminuir o material propício a incêndios entre os meses de agosto e setembro, quando há riscos da ocorrência de queimadas com fogo de alta intensidade. “Desta forma, causa prejuízos à biodiversidade, tanto em relação à fauna quanto à flora; à saúde dos moradores da região, que sofrem com a redução da qualidade do ar; além de perdas de animais domésticos e materiais, como cercas e outras estruturas”, destacou. 

O gestor ressaltou ainda que as queimas prescritas tiveram como objetivos proteger as reservas, aceirar alguns pontos críticos por meio das queimas de beira de estrada e também nas divisas do Projeto de Assentamento (PA) Canaã e do povoado do Senhor do Bonfim, com algumas fazendas.

As ações de queimas prescritas fazem parte do Projeto Manejo Integrado do Fogo (MIF), que tem como objetivo assegurar que o uso do fogo seja realizado de forma controlada, na época certa e com a frequência e intensidade adequadas, o que consequentemente diminui os incêndios provocados acidentalmente ou criminosamente pelo fogo de alta intensidade.

Participaram das implementações das queimas prescritas, os servidores da APA Ilha do Bananal/Cantão, as comunidades do PA Nova Canaã, do Distrito do Senhor do Bonfim e alguns chacareiros de propriedades que fazem divisa com o referido assentamento.

Segundo o presidente da Associação dos Pequenos Produtores do Assentamento Nova Canaã, Darci Reis, um dos participantes das queimas, a utilização do fogo pelas comunidades rurais faz parte da cultura dos agricultores. “Vem dos pais, avós, bisavós que utilizavam o fogo para limpeza do terreno, plantio como as roças de toco, renovação das pastagens, combate às pragas e na proteção de sua propriedade com aceiros. O MIF busca assegurar que o uso do fogo seja realizado pelos agricultores de forma controlada e segura”, enfatizou.


COMPARTILHE:


Confira também:


Vacinação Antiaftosa

Tocantins discute retirada da vacinação antiaftosa com estados que fazem parte do seu bloco

A previsão é de que a retirada da vacinação contra a enfermidade ocorra em 2021 para todo bloco IV

Drogas

Maconha é a droga mais apreendida no Tocantins, revela estatística

O ranking aponta ainda um crescimento das ocorrências registradas no órgão em relação às apreensões de crack. Enquanto em 2017 foram 319 registros, em 2018, este número subiu para 432.




  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira