Saturday, 16 de February de 2019

ESTADO


Tocantins

Pecuárias na luta contra violência sexual e trabalho infanto-juvenil

02 Sep 2018    22:22
Pecuárias na luta contra violência sexual e trabalho infanto-juvenil

O Projeto Proteja – Faça Bonito, em articulação com a Rede Estadual de Proteção à Criança e ao Adolescente, ampliará sua área de atuação no enfrentamento à violência sexual e ao trabalho infanto-juvenil, com foco também nas feiras e exposições agropecuárias, como já ocorre durante o Carnaval, as temporadas de praias e as festas juninas. O projeto é desenvolvido pela Gerência de Promoção dos Direitos da Criança e do Adolescente da Secretaria de Estado da Cidadania e Justiça (Seciju).
 
Nesta quinta-feira, 31, equipes de Conselhos Tutelares, Conselhos Municipais da Assistência Social, Centros de Referência Especializados de Assistência Social (Creas) e Centros de Referência de Assistência Social (Cras) de Gurupi, Dueré e Cristalândia reuniram com profissionais da Diretoria de Proteção dos Direitos da Criança e do Adolescente da Seciju para traçar o desenvolvimento do projeto durante suas feiras pecuárias.
 
O projeto visa despertar a atenção da sociedade em geral para assumir a responsabilidade de prevenir e enfrentar o problema da violência sexual e do trabalho infanto-juvenil praticados contra crianças e adolescentes. Seu símbolo é uma flor, como uma lembrança dos desenhos da primeira infância, além de associar a fragilidade de uma flor com a de uma criança. A sensibilização popular é feita por meio da distribuição de material informativo e abordagens durante os eventos, considerando que ambientes festivos e os comércios locais têm grande alcance da comunidade em geral, atingindo assim o objetivo de tornar conhecido este tão importante tema.
 
Praias
No mês de julho, o projeto foi levado às praias do estado, alertando para abusos sexuais, violências e trabalho infantil. De acordo com o gerente de Promoção dos Direitos da Criança e do Adolescente, Robson Ferreira, a expectativa é que com ações permanentes e pontuais possam diminuir índices de violência e fortalecer a rede de proteção aos direitos das crianças e adolescentes. “No Tocantins, mais de dez mil crianças desenvolvem algum tipo de trabalho. Somente neste ano, foram identificados mais de 350 casos de violência e exploração sexual. Então, é preciso o envolvimento de toda a rede de proteção”, explica.

COMPARTILHE:


Confira também:


Operação Paz e Sossego

Forças de Segurança estaduais participam de mais uma fase da Operação Paz e Sossego na Capital

Para o delegado Túlio Mota, a participação do efetivo da Polícia Civil reforça a integração das forças de segurança no cumprimento de ações que visem garantir o bem-estar dos usuários de estabelecimentos comerciais na Capital.

Porto Nacional

Travessia do Rio Tocantins com voadeiras inicia nesta sexta em Porto Nacional

A ponte continua aberta para pedestres, ciclistas, motociclistas e veículos de urgência e emergência. Técnicos atuam na realização da inspeção da estrutura. Os dados coletados embasará o relatório sobre as condições da via.



Incentivos Fiscais

Empresários aprovam medida do Governo para avaliação dos incentivos fiscais

O decreto publicado, pelo Governo do Tocantins, na terça-feira, 12, que visa fazer um levantamento sobre os incentivos fiscais concedidos pelo Estado, agradou a classe empresarial.


Cirurgias Eletivas

Tocantins cumpre meta e garante mais recursos para realização de cirurgias eletivas em 2019

O cumprimento da meta, segundo o secretário de Estado da Saúde, Renato Jayme, se deu pelo comprometimento de todos os profissionais envolvidos.


Comerciantes

Agtur realiza sorteio dos espaços da Praça de Alimentação do Capital da Fé 2019 nesta sexta, 15

A Agtur oferecerá um curso de manipulação de alimentos e práticas em data a ser definida.


Foco na Humanização

Cinthia reúne secretariado e determina foco na humanização e qualidade dos serviços públicos


Operação Fragmentos

Polícia Civil realiza Operação Fragmentos no Sudeste do Estado


Vistorias no HGP

Defensoria e MPE encontram desassistência a pacientes e falta de 177 medicamentos


Setor Santo Amaro

Prefeitura inaugura praça do setor Santo Amaro nesta quarta, 13


Tarifa de Protesto

Protestar em cartório agora não tem custo para quem cobra dívidas


Saúde

Quantidade de profissionais da saúde ainda é insuficiente, afirmam DPE-TO e MPE em ação civil pública



  Blogs & Colunas


TiViNaLili

Lili Bezerra


Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira