Thursday, 06 de August de 2020

GERAL


A Revolução dos Tablets

27 Jan 2011

Uma grande aposta dos empresários do mundo virtual ganhou força no mercado mundial em 2010. Os tablets, um computador em forma de prancheta eletrônica, sem teclado e com tela sensível ao toque, começa a ganhar assustadoramente (no bom sentido) as casas brasileiras.
 
Com essa invasão de internet móvel, passa a ser ainda mais possível, aliás, mais do que nunca, a propaganda online ou o marketing digital. Por seu tamanho e praticidade, o tablet traz à tona a possibilidade do internauta permanecer conectado 24h por dia, em qualquer lugar do mundo.
 
Os recursos de mídias, apesar de ainda limitados, já começam a abrir as portas para a exploração de investimentos em marketing e mídia neste novo setor. Em um primeiro momento, o tablet traz a possibilidade de seu usuário assistir filmes, ver fotos e escutar músicas.
 
No entanto, a grande jogada (e é neste ponto que mora o grande lucro) passa a ser a substituição dos jornais de papel pela nova tecnologia. A tradicional mídia impressa sempre sofreu ameaças e acenos de parar no mundo virtual e deixar de rodar em gráficas. Fato que está cada vez mais perto de acontecer. Nas últimas semanas, um dos principais jornais do mundo, The New York Times, anunciou a sua migração total para a internet.
 
No Brasil já temos casos parecidos, como a Gazeta Esportiva e o Jornal do Brasil. São portas se abrindo para uma nova opção de propaganda. Porém, poucos enxergam essa possibilidade como um investimento, como mais uma forma de conseguir gerar renda e difusão para a sua empresa.
 
Tanto que há uma lacuna, uma incógnita de como será explorada a propaganda neste tipo de mídia que antes era impressa. O receio e o medo de deixar o tradicional, o que é palpável, parece ainda maior que a ansiedade de fazer com que esse projeto dê certo.
 
Algum tempo atrás era até compreensível essa apreensão de empresários em migrar o jornal de papel para o digital. Afinal, nem todos tinham acesso fácil à internet como vemos hoje em dia. A mudança de comportamento é tão grande, que uma amiga minha garante que usa seu Ipad até mesmo quando está em sua banheira de hidromassagem.
 
Pois bem, a inclusão digital, depois de transpor idades e classes sociais, passa a ser ainda mais difundida, principalmente em escolas. Nos Estados Unidos, por exemplo, uma instituição de ensino privada está obrigando seus alunos a ter um Ipad para os estudos.
 
Além da praticidade em si, os diretores apontam a decisão como uma questão de preservar a saúde de seus alunos, que deixarão de carregar livros e mochilas. Juntos, eles chegam a pesar mais de 20 quilos.
 
 E quanto mais jovens com acesso à Internet através de um tablet, mais a possibilidade de mídia e difusão de ideias. Ou seja, o jornal impresso já pode começar a pensar em pendurar as chuteiras. Sabendo disso, as principais mídias do país estão dispondo a sua versão impressa de cada Diana internet. Folhas digitais que se assemelham ao costume que temos de “folhar” a página e que tentam trazer o mesmo conforto de leitura.
 
Na vertente comercial, a mídia impressa abrirá novos espaços para banners e links patrocinados, quebrando ainda mais a barreira e o paradigma de que a propaganda na internet não gera renda, não gera lucro.
 
E, como sempre, sai na frente quem já tem um projeto de marketing digital projeto por um SEO e uma campanha de link patrocinado e busca orgânica bem feita. Mesmo que você resista ao mundo virtual é necessário arriscar, é necessário dar esse primeiro passo e colocar sua empresa, nem que seja aos poucos, dentro do computador. Você terá a expansão de sua marca e possibilidade de sentir o grau de concorrência que terá pela frente. Ou seja, só contribuirá para seu crescimento profissional e empresarial.
 
E você? Qual sua opinião sobre o assunto? Entre em meu site ou blog e dê sua opinião: www.fabiogrinberg.com.br e www.topgoogle.com.br.

COMPARTILHE:


Confira também:


Auxílio Emergencial

Governo do Tocantins orienta sobre o calendário da 5ª parcela do Auxílio Emergencial para o Bolsa Família

O Auxilio Emergencial para o Bolsa Família segue o cronograma padrão do benefício e o pagamento inicia em 20 de agosto e termina no dia 31.

Covid-19

Tocantins registra 1.230 novos casos da Covid-19

Atualmente, o Tocantins apresenta 29.539 casos no total, destes, 17.868 pacientes estão recuperados, 11.243 pacientes estão ainda em isolamento domiciliar ou hospitalar e 428 pacientes foram a óbito.




  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira