Thursday, 24 de October de 2019

GERAL


Carta do Leitor

24 Mar 2010

“Prezados senhores, graças à notícia veiculada por esse jornal pudemos tomar conhecimento do HOLOCAUSTO ANIMAL que está ocorrendo em Palmas. Fiz a denúncia de n. 947 ao Ministério Público do Tocantins. A mídia tem um papel importantíssimo: não deixar que caia no esquecimento. Parabéns pelo trabalho digno de todos vocês.”

Ana Maria de Morais - Ativista e Protetora Independente (Goiânia – Goiás)

amm13@uol.com.br
 


“Excelente reportagem sobre o CCZ de Palmas, que mata 400 animais por mês! Aterrorizante a prática arcaica deste órgão. Uma vergonha o que o poder público desse Estado do Tocantins e dessa cidade de Palmas promove aos animais indefesos e inocentes jogados nesse ‘campo de concentração’. Repassei para o pessoal do RJ que também está indignado.

Tentei entrar em contato via internet no site da Prefeitura de Palmas, mas não encontrei nenhum campo para denúncias/sugestões ou algo do tipo.

Obrigada e Parabéns!”


Juliana Bueno do Amaral

jullibueno2@yahoo.com.br
 


“Parabéns pela reportagem - séria e bem fundamentada. A população deve ter a noção correta do descaso do poder público com animais abandonados, ainda mais numa cidade que tem a petulância de se auto-intitular "Capital Ecológica".

Temos a noção errônea de associar o termo "Meio Ambiente" apenas à  fauna e flora silvestres ou em extinção. Meio Ambiente é tudo que nos cerca: florestas, mares e geleiras sim, mas, também nossa cidade, nosso bairro, nossa rua... E os animais que compartilham conosco esse meio. Como queremos salvar o mundo se não conseguimos cuidar de quem está logo ali ao nosso lado?”.


Allan Cheque Chaudar

miaaudote@gmail.com

COMPARTILHE:


Confira também:


Rodovia no Jalapão

Governador e Ministro do Turismo discutem construção de rodovia no Jalapão em parceria com a iniciativa privada

Carlesse reforçou a necessidade da pavimentação do acesso ao Jalapão e apresentou dados do crescimento do Turismo no Estado

Prorrogado Refis 2019

Refis 2019 já negociou mais de R$ 110 milhões em dívidas; pagamentos à vista superaram os R$ 20 milhões

O programa, que terminaria no domingo, 31, foi prorrogado até o dia 31 de novembro e o atendimento é feito nas unidades do Resolve Palmas




  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira