Sunday, 18 de August de 2019

GERAL


Atuação

César Halum lança obra sobre origem das cidades tocantinenses

12 Jun 2008

Estava previsto para acontecer na quarta feira, 11, o lançamento do livro “Municípios Tocantinenses, suas origens, seus nomes”, do deputado estadual César Halum (DEM), no auditório do Palácio Araguaia em Palmas. Ex-professor e médico veterinário, Halum descreveu em forma de almanaque a história de 139 municípios, sendo que destes, em 20 ele esteve pessoalmente, e passou a compilar informações acerca de suas origens. Há quem diga que a obra trata-se de um guia informativo sobre as curiosidades das remotas cidades do Estado, pois traça um panorama sobre a fundação, até a eleição do primeiro prefeito, em seguida explica a origem do nome, do gentílico para os habitantes do lugar, além de telefones para contato e endereço eletrônico. No livro também constam outros dados como pontos turísticos e distância geográfica da capital. Dados estes que nem mesmo o próprio Estado possui.

O autor de “Municípios Tocantinenses, suas origens, seus nomes”, buscou na vida profissional, ainda na condição de médico veterinário, o estímulo para compor a obra e ingressar na vida política, a fim de conhecer mais o Estado. Vereador eleito em 1988, depois suplente de deputado, prefeito em Araguaína e deputado estadual desde 2002, Halum afirma que começou a compor a obra em agosto do ano passado, e veio a lançar este ano devido a extensão do processo de pesquisa que, segundo ele, contou com a ajuda de seus amigos e colegas de seu gabinete.

O autor afirma que em alguns casos havia problemas para checar dados como as datas de comemorações de aniversários, pois esta poderia divergir da data da lei que a criou, para isso bastava pesquisa e checagem dos dados na íntegra. O autor ouviu diversos moradores antigos das cidades para compor esta que pretende ser uma obra que guiará os curiosos acerca da origem do Estado.

O prefácio, assinado pelo professor Ruy Rodrigues, uma das personagens que lutaram pela criação do Tocantins e um dos fundadores da Casa do Estudante do Norte Goiano (Cenog) na década de 70 e 80, chama a atenção para a questão da formação de uma identidade como a principal contribuição do livro. Segundo Halum, o livro é uma compilação de dados obtidos na internet, enciclopédia, dos sites governamentais e de fontes orais de moradores antigos.

COMPARTILHE:


Confira também:


Brasília

PGR pede acesso a inquérito sobre investigação do caso Marielle

Raquel Dodge vai analisar pedido de federalização

Jalapão

Carlesse apresenta o Jalapão ao Ministro do Turismo e solicita parceria para melhorar infraestrutura

O governador do Estado do Tocantins, Mauro Carlesse, e o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, estiveram na manhã desta sexta-feira, 16, visitando a região do Jalapão. Durante a visita, além de conhecer os principais pontos atrativos e serviços ofer




  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira