Palmas, 23/01/2018

Geral

Ceulp/Ulbra

Ceulp/Ulbra é destaque no Enade 2016

  • Sete cursos foram avaliados nesta edição do Exame

Ceulp/Ulbra é destaque no Enade 2016



O Ministério da Educação (MEC) e o Instituto Nacional de Pesquisas e Estudos Educacionais Anísio Teixeira (Inep) divulgaram no último mês o resultado do Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade) 2016 que avaliou cursos bacharelados e licenciaturas de saúde, ciências agrárias e áreas afins, além de cursos tecnológicos de ambiente e saúde, produção alimentícia, recursos naturais, militar e segurança. No Centro Universitário Luterano de Palmas acadêmicos de sete cursos realizaram o exame.

A cada ano são definidas as áreas que serão avaliados pelo Enade, de tal forma que cada curso seja convocado de 3 em 3 anos a participar. No Ceulp/Ulbra seis cursos foram apontados como os melhores do Tocantins na edição de 2016 e sete cursos foram avaliados com notas 3 e 4, que são  Biomedicina (nota 4 – melhor curso do Tocantins), Educação Física (bacharelado/ nota 4 e melhor da região Norte), Farmácia (nota 4 e melhor curso do TO), Serviço Social (nota 4 – melhor curso do TO), Curso Superior de Tecnologia em Estética e Cosmética (nota 3 – melhor curso do TO), Fisioterapia (nota 3 – melhor curso do TO) e Enfermagem (nota 3). 

Para a diretora acadêmica do Ceulp/Ulbra, Parcilene Fernandes de Brito, "os bons resultados no Enade 2016 são decorrentes de um trabalho conjunto com professores, gestores acadêmicos e, especialmente, alunos. O comprometimento de todos com um ensino de qualidade reflete em boas notas em quaisquer circunstâncias avaliativas, mas, principalmente, forma um profissional competente, ético e preparado para novos desafios", relata Parcilene.

Enade

O Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade) avalia o rendimento dos concluintes dos cursos de graduação, em relação aos conteúdos programáticos dos cursos em que estão matriculados. O exame é obrigatório para os alunos selecionados e condição indispensável para a emissão do histórico escolar.


Confira também


Comentários

comments powered by Disqus