Friday, 23 de August de 2019

GERAL


Inclusão

CPP de Palmas abre duas novas turmas do curso de panificação

15 May 2019    21:18    alterado em 15/05 às 21:18
CPP de Palmas abre duas novas turmas do curso de panificação

Vinte e quatro reeducandos da Casa de Prisão Provisória de Palmas (CPP), no Tocantins, participarão de um dos projetos de ressocialização mais disputados da instituição, o “Fermento da Liberdade”. As duas novas turmas do curso técnico de panificação e confeitaria, com carga horária de 180 horas/aula, devem começar na quarta-feira (15). Das primeiras turmas, concluídas em 2018, vieram os cinco padeiros que hoje produzem os lanches para todos os reeducandos da CPP Palmas.

Além de proporcionar uma qualificação profissional aos reeducandos, a terceira turma do projeto “Fermento da Liberdade” – uma iniciativa da Embrasil Serviços, empresa cogestora da unidade prisional, em parceria com a Secretaria de Estado da Cidadania e Justiça do Tocantins (Seciju) – garante remição de um dia da pena a cada 12 horas de aprendizado (o equivalente a três dias de aula). Os 24 reeducandos foram escolhidos por uma equipe multidisciplinar, composta por chefe de segurança, psicólogos e assistentes sociais, seguindo critérios como grau de periculosidade e alfabetização.

Em abril, cinco reeducandos – dos 30 que participaram dos dois primeiros cursos ano passado - foram selecionados pela direção da unidade prisional e começaram a prestar serviços para a Panificadora Pão Quentinho, responsável pelo fornecimento de pães, bolos e salgados para consumo interno. A cada mês trabalhado, cada reeducando tem a remição de 10 dias em suas penas. Uma quarta turma do curso de panificação e confeitaria deve acontecer ainda em 2019.

COMPARTILHE:


Confira também:


Saúde

Sarampo: Começa vacinação preventiva

Crianças de seis meses a menores de 1 ano devem ser vacinadas

Assembleia

Deputados requerem ao Governo obras de recuperação asfáltica

Na mesma sessão, foram aprovados em primeira fase de votação projetos como os que concedem título de cidadania tocantinense ao senador Eduardo Gomes e ao presidente do Sindicato Rural de Araguaína, Roberto Paulino da Silva.




  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira