Wednesday, 23 de September de 2020

GERAL


Brasil

Ministérios formam subgrupo de comunicadores para dar início à campanha articulada contra a dengue

14 Jan 2011

Sob a coordenação da Secretaria de Comunicação da Presidência da República e do Ministério da Saúde, os assessores de imprensa e de comunicação das 13 pastas que formam o grupo interministerial contra a dengue começaram a trabalhar nas ações integradas de divulgação da campanha contra a doença. Eles serão responsáveis por mobilizar os departamentos de comunicação de entidades parceiras e gestoras de fundações, autarquias e departamentos ligados a cada ministério. Também cuidarão da sinalização dos órgãos públicos federais para que funcionários e visitantes tenham acesso rápido às orientações de cuidados com a doença. Neste começo de ano, há risco muito alto de que 16 estados brasileir os enfrentem epidemia de dengue.
 
Entre as estratégias a serem adotadas está a adoção de mensagem de espera contra a dengue nos sistemas de telefonia dos órgãos públicos; distribuição de material informativo à população atendida, visitantes e servidores; incorporação das informações sobre a dengue no trabalho das equipes de educação ambiental; afixação de cartazes e banners nos prédios sob a responsabilidade de cada pasta; veiculação das peças publicitárias e selos da campanha nos sites dos ministérios, além de informações nos contracheques e extratos encaminhados ao público e a servidores ativos e inativos. As pastas que tiverem rádios e TVs sob suas responsabilidades também trabalharão na divulgação das peças publicitária s criadas pelo Ministério da Saúde, bem como de entrevistas com especialistas no tema que possam orientar a população.
 
O Ministério da Defesa foi um dos primeiros a anunciar as medidas já adotadas. Mensagem encaminhada a todos os comandos do Exército, da Marinha e da Aeronáutica orienta os militares a manterem as instalações das Forças Armadas livres de criadouros do mosquito Aedes aegypti (transmissor da doença) e a repassar as informações sobre prevenção e cuidados com a doença aos seus quadros. A Rádio Verde Oliva, do Exército, também deve incluir em sua programação mensagens e orientações sobre a dengue.
 
O grupo discutiu ainda a inclusão da rede nacional de Superintendências de Proteção e Defesa do Consumidor (PROCONs) na estratégia de mobilização; a criação de um hotsite com subsídios para que comunicadores de órgãos federais, estaduais e municipais em todo o país possam replicar as informações sobre a doença; a sinalização de elevadores públicos e privados nos prédios federais, bem como de pontos de descanso de caminhoneiros e paradas de ônibus interestaduais. Caberá ao Ministério da Saúde ajudar na produção das peças, em diferentes mídias, a serem utilizadas pelas pastas parceiras.


 
Esforço conjunto

O subgrupo de comunicadores é o reflexo do grupo ministerial criado, por determinação da presidenta Dilma Rousseff, para integrar às ações de saúde esforços em áreas como educação, turismo, saneamentos básico e ambiental.
 
Segundo o ministro da Saúde Alexandre Padilha, responsável pela coordenação deste trabalho, a dengue não será vencida se não contar com a proatividade de todos os setores. “Cada pasta trabalhará dentro de sua área de atuação, mas de forma articulada, pois a dengue não é só um desafio para o setor saúde. A ideia é dar visibilidade aos métodos de prevenção e controle, de forma a garantir a mudança nos hábitos da população e o atendimento rápido e de qualidade às pessoas que desenvolverem a doença”, explica.
 
Estão ao lado da Saúde neste esforço concentrado a Casa Civil e a Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República e os ministérios das Cidades, Defesa, Educação, Integração Nacional, Justiça, Meio Ambiente, Turismo, Transportes, Previdência Social e Desenvolvimento Social. (Informações da Agência Saúde)

COMPARTILHE:


Confira também:


Orçamento

LDO é encaminhada à Comissão de Finanças

Na proposta, o governo salienta que a LDO foi eloborada durante a pandemia do novo coronavírus (COVID -19), período de decretação do Estado de Calamidade Pública em todo o território do Tocantins.

Saúde

Tocantins registra 786 novos casos da Covid-19

Atualmente, o Tocantins contabiliza 195.370 pessoas notificadas com a Covid-19 e acumula 64.273 casos confirmados. Destes, 46.843 pacientes estão recuperados, 16.553 pacientes seguem em isolamento domiciliar ou hospitalar e 877 pacientes foram a óbito.



Ações

Vice-governador apresenta ações de combate à pandemia e incêndios florestais no 21° Fórum de Governadores da Amazônia Legal

21ª edição do Fórum de Governadores começou nesta terça, 22, em formato virtual


Saúde

Câmara de Palmas convoca Audiência Pública para prestação de contas da saúde

Para a ocasião, a mesa diretora da Câmara convocou todos os vereadores, os integrantes do Conselho Municipal de Saúde e o Secretário Municipal de Saúde responsável pela Gestão do SUS.


Convênio

Vice-governador Wanderlei Barbosa e ministro Onyx Lorenzoni assinam convênio de R$ 2,5 milhões para Programa de Aquisição de Alimentos

O recurso vai beneficiar cerca de 6 mil pequenos agricultores vinculados na proposta vigente a comercializarem seus produtos ao Programa, fortalecendo assim a agricultura familiar e contribuindo para a retomada econômica do pequeno produtor.


Conscientização

Governo do Tocantins lança campanha para consumo consciente de água


Prevenção

Neurocientista alerta que apenas conversar não resolve o problema de quem pensa em cometer suicídio


Economia

Vice-governador articula relação do Basa com Governo para prorrogação de decreto que garante crédito especial às empresas afetadas pela pandemia


Justiça

Magistrado Pedro Nelson de Miranda Coutinho é o mais novo desembargador do Judiciário tocantinense


Obras

Governador Carlesse assina Ordem de Serviço para recuperação de estradas vicinais em três municípios


Justiça

Ministério Público expede parecer favorável a Delegados após Corregedoria instaurar sindicâncias



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira