Tuesday, 16 de July de 2019

GERAL


Segurança

Para conter criminalidade, MPE terá acesso ao sistema de monitoramento de câmeras de segurança da capital

04 Sep 2018    22:48    alterado em 05/09 às 12:07
Divulgação Para conter criminalidade, MPE terá acesso ao sistema de monitoramento de câmeras de segurança da capital

Uma parceria para reforçar a segurança em Palmas foi o assunto do encontro entre o Procurador-Geral de Justiça (PGJ), José Omar de Almeida Júnior, os membros do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), Promotores de Justiça Marcelo Sampaio e Rodrigo Barcellos, e a prefeita de Palmas, Cinthia Ribeiro, ocorrido na tarde desta terça-feira, 04. A reunião teve como finalidade o estabelecimento de um Termo de Cooperação com a administração municipal, a fim de que o Ministério Público Estadual (MPE) possa compartilhar do Sistema de Monitoramento das Câmeras de Segurança espalhadas pela cidade.


O PGJ explicou que há preocupação do Ministério Público com o crescente aumento da violência e que a Instituição pode contribuir com o combate à criminalidade em Palmas. Segundo ele, o compartilhamento das imagens vai auxiliar o serviço de inteligência do Gaeco, principalmente quanto à identificação de indivíduos integrantes de facções criminosas, responsáveis em sua maioria pelos alarmantes índices de violência.


Outro apontamento do chefe do MP foi quanto ao aprimoramento na tecnologia desses equipamentos, pois há um atraso no tempo das imagens, conhecido como delay, devendo a tecnologia proporcionar imagens em tempo real. “Há um delay de pelo menos uma hora nas imagens, o que dificulta a atuação da polícia no momento do fato”, explicou.


Na ocasião, o coordenador do Gaeco, Marcelo Sampaio, apresentou um relatório de monitoramento de veículos, realizado no dia 27 de agosto, na Ponte Fernando Henrique Cardoso, segundo o qual, em um período de apenas duas horas, foram identificados 70 veículos roubados ou furtados. “Uma das fontes de renda das facções criminosas são os roubos de veículos, em especial as caminhonetes”, disse Sampaio, ao reforçar a necessidade de melhoria na tecnologia dos equipamentos de segurança.


O Promotor de Justiça Rodrigo Barcellos pontuou ainda que estes mesmos veículos são usados pelas facções para o transporte de armas de fogo e drogas. Ele ainda traçou um paralelo sobre o comércio de drogas na cidade. “Há cerca de dois anos e meio, a promotoria de Justiça com atuação no combate ao tráfico realizava três audiências por semana; atualmente, são uma média de três por dia”, expôs.


A prefeita se sensibilizou com os números apresentados e colocou a administração à disposição para que seja formada uma força-tarefa, a ser integrada pelo Ministério Público Estadual. “Palmas ganha com a integração das forças de segurança e ganha mais ainda com a proposta do Ministério Público de ser parceiro efetivo para coibir práticas delituosas que acontecem dentro do município”, declarou.


Cinthia ainda determinou à Secretária de Segurança e Mobilidade Urbana, Coronel Welere Gomes Barbosa, que participou da reunião, que haja contato com a empresa responsável pelo monitoramento das câmeras, no sentido de providenciar medidas voltadas à melhoria do sistema o quanto antes.


Iluminação


O PGJ ainda solicitou à Prefeita a instalação de iluminação nas proximidades do Ministério Público, mais especificamente na região em que está sendo construído um anexo da Instituição, a ser inaugurado até o fim de outubro. Cinthia  determinou providências à equipe com o intuito de atender ao pedido e ainda explicou que esta obra possivelmente está no cronograma de obras de duplicação da NS-04.(Denise Soares)

COMPARTILHE:


Confira também:


Raio X

Inadimplência do consumidor cresce 0,9% no primeiro semestre de 2019

De acordo com o indicador do SPC Brasil, mais da metade das dívidas pendentes (53%) de pessoas físicas no país têm como credor algum banco ou instituição financeira

Turismo

Abrajet leva jornalistas para o Rally das Águas em Itacajá nesta sexta-feira

Com poucas vagas, as inscrições para participação estão sendo feitas pelo fone 63 99974-2116 com Suzana Barros, sócio fundadora da Abrajet-TO.



Cidades criativas

Quatro cidades do Brasil concorrem a títulos na Unesco

As regiões pretendem integrar a Rede de Cidades Criativas da entidade. Atualmente, o país conta com oito selos; resultado sai até fim de outubro


Grupo Record

Portal R7 ganha novas cores em ação dia e noite da Benegrip

Benegrip Multi Dia e Noite terá ação digital integrada em multiplataformas do Grupo Record


Tocantins

Grupos de Ajuda Mútua dão apoio a dependentes químicos e familiares durante e após recuperação

A Seciju, por meio da Gerência de Prevenção contra as Drogas e Núcleo Acolher, orienta dependentes e co-dependentes a procurar o serviço desenvolvido pelos grupos de ajuda mútua, como Alcóolicos Anônimos (AA), Narcóticos Anônimos (NA) e Amor- Exigente.


Reforma

Damaso vota por regra de transição diferenciada para professores e policiais


Influencer

Gabriel Farhat comanda direção artística de novo projeto musical


Defensoria

DPE-TO defende criação de ambulatório trans no Tocantins


Palmas

Cine Cultura renova parceria com Sessão Vitrine e promove encontro com o premiado produtor João Vieira na terça, 16


Em Palmas

Membro de grupo estratégico da Embrapa apresentará dados sobre produção e preservação no cerrado e Matopiba


Interior

Polícia Civil prende suspeito de estupro de vulnerável em Itacajá



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira