Palmas, 20/10/2017

Geral

MIF

Naturatins promove curso de Manejo Integrado do Fogo para multiplicadores

  • Presente na abertura do evento, o vice-presidente do Naturatins, Edson Cabral, considera que a realiza√ß√£o das capacita√ß√Ķes do MIF representa a contextualiza√ß√£o e a confirma√ß√£o de mudan√ßa de paradigma muito forte

Naturatins promove curso de Manejo Integrado do Fogo para multiplicadores



T√Ęnia Caldas / Governo do Tocantins 
 
Com o objetivo de evitar e reduzir a propagação dos focos de calor no Estado do Tocantins, bem como melhorar a posição do Tocantins no ranking de queimadas, o Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins), está realizando no Parque Estadual do Cantão, localizado no município de Caseara, no período de 03 a 07, o curso para multiplicadores Manejo Integrado do Fogo (MIF).
 
A capacita√ß√£o tem como p√ļblico-alvo, servidores do Naturatins, Secretaria de Meio Ambiente e Recursos H√≠dricos (Semarh), Instituto de Desenvolvimento Rural do Tocantins (Ruraltins), Universidade Federal do Tocantins por meio do Centro de Monitoramento Ambiental de Manejo do Fogo (Cemaf), dentre outros.
 
O treinamento faz parte do Projeto Cerrado-Jalap√£o, que prop√Ķe o desenvolvimento de atividades do Manejo Integrado do Fogo e visa o aprimoramento de estrat√©gias de preven√ß√£o controle e monitoramento dos inc√™ndios florestais e queimadas irregulares na sua √°rea de abrang√™ncia. Neste caso especialmente com aulas em campo nas √°reas do Parque Estadual do Cant√£o, em assentamentos rurais da √Ārea de Prote√ß√£o Ambiental (APA), Ilha do Bananal/Cant√£o.
 
Presente na abertura do evento, o vice-presidente do Naturatins, Edson Cabral, considera que a realiza√ß√£o das capacita√ß√Ķes do MIF representa a contextualiza√ß√£o e a confirma√ß√£o de mudan√ßa de paradigma muito forte. "Com o MIF os √≥rg√£os ambientais saem do fogo zero, para o manejo integrado do fogo. Que √© utilizar o fogo como um elemento amigo de preserva√ß√£o ambiental. Fazendo com que atrav√©s do fogo controlado e integrado, junto com os produtores rurais das √°reas pr√≥ximas das Unidades de Conserva√ß√£o e dentro das pr√≥prias unidades, usem esse manejo para evitar os inc√™ndios florestais", destacou o vice-presidente.
 
Conforme o respons√°vel t√©cnico pelo MIF no Naturatins, Maur√≠cio Ara√ļjo, o curso, contempla o plano de expans√£o do Programa no Estado. "O nosso prop√≥sito √© que as a√ß√Ķes do Manejo Integrado do Fogo alcancem todas as Unidades de Conserva√ß√£o estaduais (UCs) e regionais do Naturatins, e tamb√©m √≥rg√£os como o Ruraltins que vai trabalhar esse tema com os pequenos produtores rurais", declarou.
 
Na programa√ß√£o do curso constam palestras sobre preven√ß√£o de inc√™ndios atrav√©s do manejo do fogo de base comunit√°ria, prepara√ß√£o e supress√£o, obten√ß√£o de informa√ß√Ķes baseadas em dados de sat√©lites, al√©m da pesquisa em ecologia do fogo. A capacita√ß√£o ainda tem a finalidade de desenvolver e praticar t√©cnicas de queima prescrita e de metodologias participativas para a gest√£o integrada do fogo.
 
Para Maur√≠cio Ara√ļjo o treinamento vai auxiliar os agentes a terem atitudes como, por exemplo, saber que o manejo deve ser feito quando a vegeta√ß√£o est√° mais baixa e ainda verde e quando a temperatura e umidade do ar estiverem mais favor√°veis. "Como na regi√£o do Cant√£o h√° predomin√Ęncia de √°reas alagadas, vamos aproveitar o solo ainda um pouco √ļmido para realizar as pr√°ticas controladas", adiantou.
 
Na visão do supervisor do Parque Estadual do Cantão, Adailton Glória, a implantação do MIF no Cantão está tendo muita receptividade pelos participantes, que anualmente sofrem com os efeitos dos incêndios florestais. "Isso acontece porque o combustível (vegetação) está alto e ainda em razão da quantidade de visitantes nas margens dos rios, além dos que ocupam os acampamentos nas praias", frisou.
 
O gestor explica que atualmente é possível realizar o manejo do fogo como forma de prevenir grandes incêndios que geralmente acontecem durante o verão. "O Cantão conta hoje com 15 brigadistas que atuam diariamente com o objetivo de reduzir as queimadas, mas, sobretudo para proteger o nosso Parque", salientou.
 
Participantes

Tamb√©m est√£o participando ou colaborando com o curso representantes da, Defensa Civil do Estado, a empresa 321 Fire, al√©m de Ag√™ncia Alem√£ de Coopera√ß√£o T√©cnica ‚Äď GIZ - Deutsche Gesellschaft f√ľr Internationale Zusammenarbeit.
 
Projeto Cerrado-Jalap√£o
 
O Projeto "Preven√ß√£o, Controle e Monitoramento de Queimadas Irregulares e Inc√™ndios Florestais no Cerrado", conhecido como Projeto Cerrado-Jalap√£o, √© fruto da coopera√ß√£o entre Brasil e Alemanha e visa aprimorar o Manejo Integrado do Fogo (MIF) no Cerrado, contribuindo para a conserva√ß√£o da biodiversidade, para a manuten√ß√£o do bioma como um sumidouro de carbono de relev√Ęncia global e para a redu√ß√£o de emiss√Ķes de gases de efeito estufa.


Confira também


Coment√°rios

comments powered by Disqus