Sunday, 20 de October de 2019

GERAL


Compras de Páscoa

Procon dá dicas e alerta consumidores

31 Mar 2010

Atenção na hora de colocar o produto no carrinho é a principal dica dada pelo órgão de Proteção e Defesa do Consumidor - Procon/TO, aos consumidores que vão as compras no feriado da Páscoa. É preciso constatar as condições de consumo dos ovos de chocolate, dos pescados e dos frutos do mar, para evitar problemas no bolso e na saúde, conforme explica o superintendente do órgão, Tenente Célio Carmo de Sousa. “Tem que estar de olho, principalmente quem vai comprar frutos do mar. Esses produtos se deterioram muito rápido. Precisamos lembrar que estamos no centro do Brasil”, alerta o superintendente.,

Quanto aos ovos de páscoa, é necessário que o consumidor constate as condições de consumo do produto, verificando a data de validade; se a embalagem encontra-se intacta, sem violação e, também, se o produto está exposto em local fresco e arejado, para evitar que se estrague facilmente.

Outra dica (ver box) ao pesquisar o tamanho dos ovos de páscoa, é observar a indicação quantitativa de seu peso líquido. Quando os ovos de chocolate contiverem brindes, ou seja, brinquedo que acompanha o respectivo produto, é preciso verificar a faixa etária indicada e, também, se está acompanhado o selo do INMETRO.

A Páscoa é uma das datas comemorativas que mais movimenta o comércio. No entanto, pesquisa realizada pela Associação Brasileira de Supermercados (Abras), mostra que as compras de chocolates e ingredientes para refeições suculentas estão mais caras. De acordo com o levantamento, os preços praticados pelos supermercadistas estão, em média, 5,2% mais caros do que em 2009, conseqüência do valor que eles pagam para os fornecedores, que também aumentou 6,8%. Entre os produtos mais procurados neste período está o bacalhau, que  teve o preço aumentado em 3,5% em média.

Porém, em Palmas, a expectativa é que os preços estejam mais em conta. “A chegada de novos empreendimentos fez com que a concorrência abaixasse os preços”, diz Tenente Célio.

De acordo com o Tenente Célio, o Procon está de olho na variação de preços e nos exageros que alguns comerciantes possam vir a praticar nesta reta final do período de páscoa. “Muita gente deixa pra comprar produtos de última hora e na pressa, corre o risco de pagar a mais por produtos com pesos abaixo do estabelecido nas embalagens”, alerta.
 O editor de vídeo Raniere Vieira adiantou as compras e decidiu fazer uma pesquisa dos produtos que irão compor a cesta de chocolates que dará para sua filha. “Planejo gastar em média R$ 130. Por enquanto tenho como critério o gosto dela, pois ela é filha única”, conta Raniere.

O Procon está nas ruas fazendo as pesquisas de preços dos principais produtos que compõem a mesa na Páscoa. O resultado das principais cidades do Estado estará disponível na quinta-feira, na página do órgão: www.procon.to.gov.br

Produtos perecíveis

A Secretaria de Direito Econômico, através do Procon, expediu nota técnica sobre os cuidados que se deve ter com os produtos derivados do cacau como o chocolate de vários tipos, incluindo os ovos de páscoa e os pescados são produtos altamente perecíveis.

No caso dos chocolates, por apresentar recheios como frutas, massa ou licor de cacau, podem se tornar perecíveis causando danos à saúde. A Anvisa – Agência Nacional de Vigilância Sanitária, indica que o chocolate é o produto obtido a partir da mistura de derivados de cacau, da massa ou pasta de licor de cacau, do cacau em pó e ou manteiga de cacau com outros ingredientes que contêm no mínimo 25% (cerca de 100g de sólidos totais de cacau). Estes produtos podem apresentar recheio, cobertura, formato e consistência variados. Já o chocolate branco é obtido a partir da mistura da manteiga de cacau, podendo apresentar recheio, cobertura, formato e consistência variada. É preciso ficar atento às datas de fabricação e validade antes de consumir tais produtos.

Sobre os pescados, Tenente Célio ensina que o peixe deve estar com as guelras vermelhas, os olhos salientes e brilhantes, o corpo deve estar rijo e as escamas não devem se desprender com facilidade. Também é importante que o consumidor observe os tons avermelhados da guelra, que pode ser alterada com um corante aplicado para confundir o comprador.
 

Informações

1. Conheça todas as marcas e produtos– A maioria das pessoas acaba comprando os ovos de chocolate pela marca. Existem chocolates excelentes, de marcas não tão conhecidas, ou até mesmo caseiros, que têm boa qualidade e valor acessível.

2. Quantidade de ovos – Pense bem, quantos ovos você precisa realmente comprar? Algumas pessoas acabam não fazendo as contas, e comprando mais do que precisam para presentear e até mesmo para consumir.

3. Tamanho dos ovos – Pouca gente sabe, mas hoje em dia há uma variedade de tamanhos inferiores a 300g que apresentam preços mais acessíveis. Para quem está com as contas apertadas e não pode deixar de presentear na data, é uma ótima opção.

4. Faça seus próprios ovos – Aproveite a época da Páscoa e empreenda. Uma boa alternativa é fazer os próprios ovos não só para consumo ou presentes de parente e amigos, mas para comercialização. Dessa maneira, você aproveita o período da Páscoa para ganhar uma renda extra.

5. Compre on-line só em sites de sua confiança – Verifique se o site apresenta boa infra-estrutura de segurança, uma vez que será preciso compartilhar nome, número do seu cartão, seu endereço e telefone.

7. Guarde os comprovantes da operação - Isto pode ser importante para o caso de precisar deles para resolver possíveis dúvidas. (Por Leilane Marinho)

COMPARTILHE:


Confira também:


Criminalidade

Polícia Civil deflagra operação de combate à criminalidade no interior do Estado

No total foram cumpridos cinco mandados de busca e apreensão em locais previamente mapeados pela Polícia Civil e que poderiam estar sendo utilizados para práticas criminosas.


  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira