Sunday, 23 de September de 2018

Sunday, 23 de September de 2018

GERAL


Especial 3

Tocantins é referência no quesito qualidade em saúde pública

03 Jun 2008

O Tocantins tem registrado conquistas na gestão em saúde. O Hospital Geral de Palmas e o Dona Regina são referencia em atendimento médico na região norte do país. Os equipamentos de tomografia do HGP, a unidade integrada de hemodiálises do Hospital de Gurupi, e os atendimentos obstetras do Dona Regina, com sua nova UTI – neonatal, fazem da saúde tocantinense um referencial a ser seguindo por outros Estados. Para a doméstica Maria Luiza Pacheco, que conseguiu realizar uma cirurgia de hérnia inguinal pelo SUS, há um ano, faltam profissionais que atendam as mais diversas especialidades da patologia clínica. Mas não descarta a satisfação de ter conseguido a cirurgia dentro da rede pública de saúde. “Eu não teria esperança nenhuma de me tratar se não fosse em hospital público”, explica.

Para o secretário de Saúde, Eugênio Pacceli, é natural que a rede pública não atenda a alguns procedimentos médicos, devido à carência de especialistas no quadro, mas garante que o sistema possibilita a emissão de pacientes a outras unidades do SUS no País. “É natural que nem todos os serviços de saúde o Estado fornece e isso ocorre, também, em outros Estados. È por isso que há esta integração do Sistema Único de Saúde. Por exemplo: se tem uma criança que precisa realizar uma cirurgia cardíaca, estamos aptos a encaminhá-la a Goiânia, ou onde houver especialistas na área. O mesmo ocorre com os Estados do Norte e Nordeste que mandam pacientes pra cá”, explana o secretário.

A SESAU dispõe de uma Central de Regulação, que atua na emissão e recepção de pacientes que necessitam de atendimento. Para o secretário é importante haver esta integração entre os Estados para o melhor desempenho do SUS. Sobre os recursos públicos da gestão, ele explanou que foram gastos no ano passado cerca de 500 milhões, em suprimentos de saúde pública. Este ano está previsto cerca de 700 milhões no planejamento orçamentário da pasta, para serem investidos no Estado. O secretário enfatizou a criação do PPI - Programação de Pactuaçao Integrada, um programa que visa à distribuição imparcial dos recursos em saúde, por todo o estado, com vistas à aplicação ordenada dos recursos públicos.

 

 

Saiba mais sobre o SUS


Considerado o maior programa de saúde pública do mundo, o SUS vem se destacando em políticas de prevenção, erradicação e tratamento de doenças no Brasil. Controlando a difusão do vírus da AIDS, na distribuição de preservativos gratuitos nos postos de saúde. Erradicando a doença de chagas, com a difusão de projetos através de programas habitacionais. Promovendo a vacinação contra doenças epidêmicas como a febre amarela. Combatendo a dengue, capacitando os agentes de saúde, no controle da doença e inúmeras funções do SUS que atuam diretamente na vida dos brasileiros, inclusive daqueles que gozam de planos de saúde privados, e dizem não precisar da rede pública de saúde.

Atualmente, o SUS é formado por 6.796 hospitais, 368.896 leitos e 27.300 equipes de saúde da família implantadas em 5.124 municípios brasileiros. Com mais reclamações do que elogios, o SUS, vêm tentando provar aos brasileiros que sabe fazer saúde de qualidade priorizando o desenvolvimento humano do país.

COMPARTILHE:

O que você achou da notícia?

10

PARABÉNS!
PARABÉNS!

10

BOM
BOM

10

AMEI!
AMEI!

9

KKKK
KKKK

8

ENGRAÇADO
ENGRAÇADO

4

Ñ GOSTEI
Ñ GOSTEI

8

CREDO!
CREDO!

Comentários

comments powered by Disqus


Confira também:


Eleições 2018

Carlesse está entre os 6 governadores que podem ser reeleitos em 1º turno, aponta UOL

Além do chefe do Executivo do Tocantins, o portal cita como candidatos que “lideram com folga” as pesquisas Renan Filho (MDB), em Alagoas; Rui Costa (PT), na Bahia; Camilo Santana (PT), no Ceará; Flávio Dino (PCdoB), no Maranhão; e Wellington Dias (PT), no


  Blogs & Colunas


TiViNaLili

Lili Bezerra


Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira