Monday, 27 de May de 2019

JUSTIÇA


Tocantins

Fábrica de blocos e artefatos de concreto é inaugurada na Casa de Prisão Provisória de Porto Nacional

15 Nov 2018    13:33    alterado em 15/11 às 13:33
Fábrica de blocos e artefatos de concreto é inaugurada na Casa de Prisão Provisória de Porto Nacional

No sentido de intensificar o acesso à educação, à capacitação e ao trabalho e renda, a Secretaria Estadual de Cidadania e Justiça (SECIJU), por meio da Superintendência do Sistema Penitenciário Prisional (Sispen) do Tocantins, inaugurou nesta terça-feira, 14, mais uma fábrica de artefatos e blocos de concreto na Casa de Prisão Provisória de Porto Nacional (CPP Porto). Essa é a terceira fábrica do tipo inaugurada pela Secretaria e ainda há previsão para inauguração de mais cinco.

A iniciativa é uma das ações da Gerência de Reintegração Social, Trabalho e Renda do Preso e do Egresso do Sispen, juntamente com o Departamento Penitenciário Nacional (Depen) e com recursos oriundos do Governo Federal, que visa à educação, a profissionalização e o trabalho aos reeducandos do regime semiaberto e egressos. Para trabalhar no local, 60 reeducandos realizaram curso com duração de 60 horas de como fabricar artefatos e blocos de concretos.

O diretor da unidade prisional, Abrão Valença, se mostrou muito otimista com a implantação da fábrica e declarou que vai lutar para que a ressocialização se torne cada vez mais efetiva na unidade. “Esse tipo de projeto é importantíssimo para as rotinas da unidade, ocupa o tempo dos detentos e diminui o estresse da cadeia. Além disso, prepara o reeducando com uma profissão e oportuniza a possibilidade de remir a pena. Hoje temos mais de 50% dos detentos realizando algum tipo de trabalho de remição e queremos ampliar esse número com essa fábrica e com outros projetos que vamos implementar no futuro”, declarou.

O Juiz de Direito da Comarca de Porto Nacional, doutor Allan Martins, falou sobre o potencial de produção da fábrica e como o trabalho desenvolvido auxiliará na remição da pena dos reeducandos. “É uma mini fábrica, mas tem uma capacidade muito grande e a produção poderá ser vendida na cidade ou utilizada nas obras públicas e se utilizada em obras públicas podemos até pensar em uma forma de remissão mais favorecida para o reeducando”, salientou o juiz.

O detento Audimar Figueira elogiou a iniciativa. “Estou muito satisfeito pelo estado ter nos dado essa oportunidade. Fiz o curso para fabricar tijolos, gostei e agora vou trabalhar para poder pagar a minha pena da melhor forma possível. E profissionalmente esse projeto vai ajudar não somente a mim, mas todos os detentos da unidade”, disse.

A inauguração contou ainda com a presença do prefeito de Porto Nacional, Joaquim Maia, entre outras autoridades estaduais e municipais.

COMPARTILHE:


Confira também:


Senado

Avança relatório de Kátia Abreu que facilita regularização de dívidas de crédito rural

Famílias com financiamento no Banco da Terra e na Cédula da Terra poderão ter contratos individualizados

Política

Atos em apoio ao governo ocorrem em diversas cidades do país

Na rede social Twitter, o presidente postou cenas de atos que ocorrem em outras cidades do país.



Campo

Agricultura e Fundação divulgam projetos de pesquisa selecionados para cadeia produtiva do mel no Tocantins

Foram aprovados cinco projetos de pesquisa para concessão de materiais e equipamentos de insumos para projetos de pesquisa com apicultura e meliponiculutura no Tocantins.


AL

Deputado propõe que o governo do Estado monte Casa de Apoio em Barretos

A proposta foi apresentada na sessão matutina desta quarta-feira, 22


IPVA

Inadimplência do IPVA chega a 36% da frota no Tocantins

Inadimplência gera déficit de mais de R$ 48,9 milhões aos cofres públicos do Estado e dos municípios


Pavimentação

Wanderlei Barbosa pede a ministro que priorize pavimentação da BR-010, eixo de integração da Amazônia


Paulo Ziulkoski, é homenageado pela ATM durante evento técni

Paulo Ziulkoski é homenageado pela ATM durante evento técnico em Palmas


Prof. Júnior Geo apresenta Projetos que visam garantir o bem-estar e a dignidade dos idosos


Sisu

Estudantes podem consultar vagas do Sisu


CPI do PreviPalmas

Max Fleury é ouvido na CPI do PreviPalmas


Fenelon Barbosa

Primeiro prefeito acredita que Palmas será uma das maiores e melhores cidades do Brasil



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira