Thursday, 20 de June de 2019

JUSTIÇA


Indígenas

MPF debate questões de saúde indígena com lideranças do povo Krahô e órgãos responsáveis

28 Apr 2019    00:03    alterado em 28/04 às 00:03

 Na última quinta, 25, ocorreu na Câmara Municipal de Goiatins/TO uma reunião com as lideranças indígenas da etnia Krahô e órgãos governamentais para deliberar, junto ao Ministério Público Federal (MPF), sobre temas importantes para as questões indígenas no Estado, especialmente na área da saúde. Entre as pautas debatidas, tratou-se da infraestrutura de instalações físicas e recursos humanos das unidades de saúde de atenção primária voltadas ao atendimento das aldeias Krahô, do sistema de transporte para tratamento fora de domicílio de indígenas Krahô, do fornecimento dos serviços de saneamento básico, energia elétrica e telecomunicações às aldeias e do estado de manutenção do Hospital de Pequeno Porte de Goiatins.

Participaram da reunião os caciques da aldeia Bacuri, Carlito Krahô, Rio Vermelho, Genival Caetano Krahô, Mãkraré, Adão Krahô, Nova, Roberto Kraté Krahô, de Cima, Leosip Krahô, e Capitão do Campo, José Valdo Krahô. Participou também o coordenador substituto do Distrito Sanitário Especial Indígena no Tocantins, Sidney Mariano de Brito, junto da Chefe de Divisão de Atenção à Saúde Indígena, Eva Ferreira da Silva, da responsável técnica pela unidade de saúde indígena Polo Base de Itacajá, Keivy Priscilla Amaral, e do responsável administrativo da unidade, José Ribeiro.

Participaram ainda a coordenadora da unidade de saúde indígena Base de Apoio Goiatins, Graciela Camargo Rosa, acompanhada do auxiliar administrativo Raimundo Nonato Alencar, o coordenador regional Araguaia e Tocantins da FUNAI, Eduardo Márcio Batalha Macedo, acompanhado do chefe de divisão técnica da FUNAI, Antônio Moreira Cabral Neto, os representantes da coordenação técnica local da Fundação Nacional do Índio em Carolina/MA, Maria dos Anjos Rodrigues de Sousa e Alberto Hapyhi Krahô, além da secretária de saúde do município de Goiatins, Cleane Machado Feitosa e da secretária de saúde do município de Itacajá, Rosivânia Freitas Teixeira, acompanhada da presidente e do secretário-executivo do conselho municipal de saúde, Joaquina Ribeiro da Silva e Ricardo Lustosa da Costa Silva.

As lideranças indígenas presentes relataram preocupação com a dificuldade acesso às comunidades, destacando que a melhoria na prestação dos serviços de saúde para as aldeias do povo Krahô depende da construção de novas estradas e de manutenção das já existentes. As lideranças também manifestaram apreensão em relação à destinação das verbas obtidas pelo Governo do Estado e pela Prefeitura Municipal de Goiatins por meio do ICMS Ecológico, e afirmam que sua aplicação em prol das comunidades indígenas pode resolver o problema da falta de recursos para a construção e manutenção de estradas e eletrificação das aldeias.

COMPARTILHE:


Confira também:


Pedofilia

Médico é preso em flagrante pela Polícia Civil por pedofilia na cidade de Peixe

Prisão integra Operação Rede Sombria, desdobramento do Projeto Nacional Luz da Infância de combate à pedofilia.

Tocantins

Incentivos fiscais oferecidos pelo Estado atraem investidores de diferentes regiões do país

Empresários dos setores atacadistas, hospitalar, assessoria empresarial e advocatícia estão com projetos de investimentos a curto e médio prazo no Estado




  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira