Monday, 19 de August de 2019

JUSTIÇA


MPF

MPF/TO pede a suspensão do concurso público do Hospital de Doenças Tropicais

04 Dec 2015

O Ministério Público Federal no Tocantins ajuizou nesta quinta-feira (3/12) Ação Civil Pública contra a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares - EBSERH e o Instituto AOCP, por estarem desconsiderando dados constantes em documentos públicos nas entrevistas realizadas para aferição da adequação dos candidatos às vagas reservadas a negros, do concurso do Hospital de Doenças Tropicais da Universidade Federal do Tocantins.

A situação chegou ao conhecimento do Órgão por meio de uma denúncia protocolada por uma candidata que foi excluída do certame, mesmo tendo apresentado à Comissão Avaliadora do Instituto AOCP, instituição contratada pela EBSERH para realizar o certame, um prontuário expedido pela Secretaria de Segurança Pública do Estado do Tocantins em que constava possuir ela a cor parda.

O edital do concurso dispõe que a conferência da condição de negro deve basear-se em apenas três critérios: a informação prestada no ato da inscrição quanto à condição de pessoa preta ou parda; a autodeclaração assinada pelo candidato no momento do procedimento de verificação racial; e as características físicas apresentadas em fotos tiradas pelos membros da banca responsável pelo enquadramento nas vagas reservadas.

Segundo o autor da ação, o procurador da República Aldo de Campos Costa, essa restrição é desarrazoada. "Se o candidato foi identificado como preto ou pardo em documentos com os quais se relaciona com o Estado, deve fazer jus à mesma condição em um concurso destinado à contratação de quadro de pessoal de uma empresa pública, sob pena de quebra de confiança".

Caso a Justiça Federal acate o pedido, o concurso ficará suspenso até que a EBSERH publique um novo edital, permitindo que a avaliação da Comissão também considere os dados relativos à cor da pele ou raça que constarem em documentos expedidos por órgãos públicos, como mais um critério para fins de verificar a adequação dos candidatos à concorrência das cotas raciais.

COMPARTILHE:


Confira também:


Justiça

MPTO ajuíza ação contra ex-prefeita de Araguaína e outras 11 pessoas por doação irregular de lotes públicos

As ações relatam que os donatários não atendiam aos requisitos econômicos para serem beneficiados com a doação dos imóveis.

Repercussão

Secretaria de Administração envia nota sobre áudios divulgados na imprensa

A Secretaria de Administração do governo do Tocantins (SECAD) envia nota sobre áudios divulgados no final de semana contendo denúncias contra o governo



AL

Audiência pública homenageia UMA e Siqueira Campos

Ao fim do evento, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Antônio Andrade (PTB), declarou que esta Casa de Leis é parceira da UMA.


Agricultura

Seminário de Apicultura supera expectativa em números de participantes

Mais de 300 apicultores de várias regiões do estado participaram do evento, que aconteceu em Araguaína, quinta-feira, 15, e sexta-feira, 16.


Futebol

Capital empata com Palmas na abertura do Estadual de Futebol Sub19

O rubro-negro do Tocantins encarou um adversário bem organizado em campo e ainda teve que jogar boa parte do confronto com um atleta a menos.


Taquaruçu

Governo inaugura Núcleo de Identificação de Taquaruçu e entrega viaturas e armamentos para a Polícia Civil


Sanidade Animal

Adapec reúne mais de 70 médicos veterinários autônomos para debater sanidade animal


EDP

Projeto Aprender e Crescer inicia mais uma etapa em Palmas


PC

Polícia Civil conclui inquérito e indicia suspeito de furtos em Araguaína


Semana da Diversidade

Atividades da educação municipal se voltam para a Semana da Diversidade e Inclusão a partir desta segunda, 19


Capim Dourado

Shopping recebe Exposição do Exército em comemoração ao Dia do Soldado



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira