Wednesday, 22 de August de 2018

Wednesday, 22 de August de 2018

JUSTIÇA


Palmas

Polícia Civil prende ex-namorada de médico suspeito de assassinar professora em Palmas

18 Jan 2018

Rogério de Oliveira/Governo do Tocantins

Policiais Civis da Delegacia de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP), de Palmas, comandados pelo delegado Pedro Ivo Costa Miranda efetuaram, no final da tarde desta quarta-feira, 17, a prisão de Marla Cristina Barbosa dos Santos, de 42 anos de idade.

A mulher é ex-namorada do médico Álvaro Ferreira da Silva, que é considerado o principal suspeito de ter matado a professora Danielle Cristina Lustosa Grohs, cujo corpo foi localizado em sua residência no dia 18 de dezembro de 2017 e foi capturada, mediante cumprimento a mandado de prisão temporária de 30 dias, quando estava próxima à residência de sua mãe, na Quadra 403 Sul, em Palmas.

Conforme o delegado Pedro Ivo, a prisão de Marla tem como objetivo esclarecer se ela teve participação no crime, tendo em vista que a mulher viajou com o principal suspeito, na manhã do dia 18/12, com destino a Morro de São Paulo (BA).

"Como não se tinha notícia da mesma desde então, nem no trabalho nem no endereço conhecido pela polícia e, estando o suspeito foragido à época do pedido de prisão, cogitou-se a possibilidade de Marla ter participado e/ou saber de detalhes que ajudem no esclarecimento dos fatos", ressaltou o delegado.

Ainda segundo o delegado, o médico alega que rompeu o relacionamento que mantinha com a ex-namorada, no final do mês de novembro, mas comprou passagens aéreas para viajar com ex, três dias depois de celebrar um contrato de união estável com a vítima Danielle Cristina.

"Ela esteve presente durante a audiência de custódia a qual Álvaro Ferreira foi submetido, dois dias antes da morte da vítima, o buscou após o mesmo sair da CPPP, no domingo, 17 de dezembro e viajou com ele, no dia em que o corpo da professora Danielle foi encontrado, por isso precisamos dirimir algumas dúvidas que restam quanto a esses fatos", disse o delegado.

Após ser presa, Marla Cristina foi conduzida à sede da DHPP e, após os procedimentos legais cabíveis, foi recolhido à Unidade Prisional Feminina de Palmas, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário. Ela deverá ser ouvida pelo delegado Pedro Ivo, nesta quinta-feira, 18. 

COMPARTILHE:

O que você achou da notícia?

26

PARABÉNS!
PARABÉNS!

23

BOM
BOM

26

AMEI!
AMEI!

19

KKKK
KKKK

24

ENGRAÇADO
ENGRAÇADO

22

Ñ GOSTEI
Ñ GOSTEI

24

CREDO!
CREDO!

Comentários

comments powered by Disqus


Confira também:


Eleições

Demandas municipalistas devem estar entre as prioridades propostas pelos candidatos ao Governo do Estado, defende ATM

Além da regularidade nos repasses, prefeitos buscam políticas inovadoras aos Municípios, projetos estruturantes e ligação asfáltica rodoviária

Carlesse

Prefeitos da base da oposição declaram apoio a Mauro Carlesse

Quem também trouxe seu apoio foi a prefeita de Bernardo Sayão, Bentinha (MDB), que na eleição suplementar havia apoiado outro candidato.




  Blogs & Colunas


TiViNaLili

Lili Bezerra


Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira