Palmas, 22/01/2018

Justica

Selo Ouro

TRE-TO conquista pela segunda vez Selo Ouro do Justiça em Números

  • A entrega ocorreu na tarde desta segunda-feira (20/11), durante o XI Encontro Nacional do Poder Judiciário, em Brasília

TRE-TO conquista pela segunda vez Selo Ouro do Justiça em Números



O Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins (TRE-TO) conquistou pelo segundo ano consecutivo o Selo Ouro do Justiça em Números, concedido pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ). A entrega ocorreu na tarde desta segunda-feira (20/11), durante o XI Encontro Nacional do Poder Judiciário, em Brasília. O TRE-TO foi representado pelo ouvidor eleitoral, juiz Agenor Alexandre da Silva. Também participaram do evento os servidores Silvia Helena, assessora de Pesquisa, Estratégica e Gestão da Qualidade, e Atílio Beber, assessor de Planejamento e Gestão.

A conquista foi comemorada por todos da Justiça Eleitoral do Tocantins. "É um Selo de alta relevância e o reconhecimento do excelente trabalho que o TRE vem desenvolvendo de forma transparente, objetivando atender cada vez melhor o cidadão, o eleitor", afirmou o presidente, desembargador Marco Villas Boas.

A premiação é distribuída nas categorias Diamante, Ouro, Prata e Bronze, em reconhecimento ao investimento na gestão da informação e no cumprimento de normas de transparência. O Regional tocantinense alcançou 410 pontos na avaliação, por ter cumprido em 100% itens exigidos pelo CNJ como o XV – ter realizado atividades de forma a contribuir para uma gestão participativa e democrática na elaboração das metas nacionais do Poder Judiciário e das políticas judiciárias do CNJ.

Este ano, ao todo, o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) concedeu a 89 tribunais o Selo Justiça em Números.

Quatro tribunais alcançaram a premiação máxima: Tribunal Superior do Trabalho, Tribunal Regional do Trabalho da 18ª Região (Goiás), Tribunal de Justiça de Sergipe e Tribunal Regional Eleitoral do Pará.

Ao anunciar os vencedores, a diretora do Departamento de Pesquisas Judiciárias, Maria Tereza Sadek, destacou a relevância do prêmio. "Pela primeira vez recebemos os dados processuais de todos os tribunais. Essas informações possuem o potencial de mudar a sistemática das estatísticas oficiais e aprimorar a transparência para a sociedade".

Histórico

O Selo Justiça em Números é conferido aos tribunais desde 2013, com o objetivo de fomentar a qualidade dos dados estatísticos do Judiciário, sobretudo referentes ao Relatório Justiça em Números. Este ano, foram distribuídos quatro selos Diamante, 65 Ouro, 16 Pratas e três Bronze.


Confira também


Comentários

comments powered by Disqus