JORNAL O GIRASSOL - Carlos de Bayma lança O Menino Incendiário nessa quinta-feira; Confira
 JORNAL O GIRASSOL site de Noticias do Tocantins (Política, Palmas, Eleições, Estado, Taquaruçu, Jalapão)
Home O Girassol Todas as matérias Facebook Twitter Impresso Fale conosco
Binóculo Claquete Concursos TVAD Esporte Estado Geral Opinião Política Releases Sexo & Afeto Viver



















Publicada em 14/12/2010


Literatura

Carlos de Bayma lança O Menino Incendiário nessa quinta-feira; Confira




Artistas, produtores, professores, acadêmicos, estudantes e público em geral têm encontro marcado nessa quinta-feira, 16, às 20 horas, no Espaço Contágius, em Palmas, para o sarau de lançamento do livro O Menino Incendiário; o terceiro da carreira do escritor, compositor e jornalista Carlos de Bayma. O Espaço Contágius está localizado na 108 Sul, Alameda 06, lote 24 e a entrada é franca.
 
Apaixonado por arte, Carlos de Bayma prepara um ambiente repleto de manifestações e interferência artísticas, para a noite de lançamento na Capital. “Na verdade, não vai ser apenas um lançamento e sim um grande encontro de amigos e amantes das artes. Enfim, um momento de alegria e crescimento”, conta.
 
Em sua carreira como escritor, Bayma publicou O Arquipelágo (poesia), em 2003, e Acerca da sorte e o mistério de Curimbã (conto), em 2005. O Menino Incendiário foi escrito em 2002 e reúne 60 textos que retratam experiências, fragmentos e nuances de lembranças e fantasias de um menino crescido nos rincões maranhenses.
 
“Quando você olha para trás, você olha com olhos de hoje. Portanto, muitas coisas que estiveram na cena, mudam de importância. Coisas que na época você não viu, pode ter importância hoje. E de repente, coisas que você considerava importante no passado, não mais te dizem respeito”, diz ao explicar o porquê de somente lançar o livro agora, em 2010.
 
Ainda sobre a concepção do livro, o autor declara que era uma tentativa de “causar boa impressão” ao amigo José Gomes Sobrinho, o “Zé”, como ele mesmo chama. A relação entre Bayma e José Gomes era feita de encontros diários, nos quais os textos eram discutidos e Bayma recebia orientações, sugestões, “broncas” e elogios do mestre.
 
“Uma época de muito aprendizado. Acho que a melhor parte era mesmo ouvir o Zé lendo os poemas com toda aquela teatralidade e eloqüência. Ele havia escrito coisas maravilhosas no prefácio do meu primeiro livro. Acho que eu queria impressionar o meu mestre e amigo”, declara.
 
O Autor
Desde cedo, a poesia já acompanhava o menino Antônio Carlos, fosse por meio da literatura de cordel, das trovas de repentistas e cantadores, as folias, o bumba-meu-boi, ou nas canções Spirituals, do disco Cem Ovelhas, de Ozéias de Paula, executadas todos os dias na voz local, no caso, na cidade de Lima Campos (MA). E a leitura não demorou fazer parte da sua rotina.
 
Na pré-adolescência música e jornalismo eram fortes paixões. A música fluía nos grupos e cantos congregacionais. Acompanhava diariamente o programa Café da Manhã, apresentado por Moacyr Spósito, na Rádio Imperatriz (MA).  O programa discutia assuntos como sociedade, cultura, economia, sempre com música de altíssima qualidade.
 
Vez por outra riscava papel, fazia “versos insípidos”, como o próprio escritor define. No final da década de 1980, ao ler o poema Canção Amiga, de Carlos Drummond de Andrade, na cédula de 50 cruzados, não restou dúvidas: queria ser escritor. Ainda no Maranhão, conclui o Ensino Médio (Contabilidade e Magistério). Em 1993 mudou-se para Palmas.
 
Em 1997 ingressa na primeira turma de jornalismo do Estado, formando no primeiro semestre de 2001. Lecionou na rede municipal de ensino de 1998 até 2003. Trabalhou em alguns jornais da Capital, como os extintos Folha Popular e Gazeta de Taquaralto, além do semanário O GIRASSOL. Em 2004 retorna ao Maranhão, para dirigir um pequeno grupo de comunicação, atividade que desenvolveu até 2005. Desde 2008 trabalha na Assessoria de Comunicação da Unitins.
 
Continuam inéditos: Paisagens do Brasil (contos), Esboço Terra ou Novela Urbana e o Guia do Novo Mundo (poesia) e De Krebel ao mundo: A trama de Mark Romini (texto para cinema). (informações da ascom do evento)


Confira as últimas

190 mil alunos tocantinenses retomam o semestre letivo; escolas se preparam
Sebrae defende política pública para o carnaval e fim da informalidade
Presidente executivo do SP Convention é o palestrante convidado do 3º Encontro de negócios das Belas e Profissionais do Turismo de São Paulo
PT se reúne com Marcelo Lélis e Kátia Abreu para debater estratégias de campanha
CMN cria linhas de crédito para estimular a pecuária
Vice-prefeita e lideranças de Aliança declaram apoio a Tiago Andrino
Magazine Luiza tem crescimento da receita líquida de 28,5% no 2T14
Prefeitura inicia recuperação de 3 mil km de estradas rurais do município
Fim dos lixões: municípios poderão fazer acordo com MP para cumprir metas
Durante reunião, senadora diz que produtor tocantinense está há quatro anos à margem do desenvolvimento
Senac Palmas oferece oito vagas em processo seletivo para pessoas com deficiência
Professor LFG: Os degenerados acham que não têm limites
Ataídes Oliveira: "O povo tem poder para dar novos rumos ao Tocantins"
Ciclista araguainense participa de três competições nacionais em agosto
GRAND PRIX: Brasil estreia contra a China nesta sexta-feira

Seja o primeiro a











Nome :   

Email:

restantes: 500)

matérias em destaque

190 mil alunos tocantinenses retomam o semestre letivo; escolas se preparam

As aulas do segundo semestre letivo na rede estadual de ensino começam oficialmente nesta sexta-feira, 1º de agosto, e o governo do Estado preparou as cerca de 500 escolas para receber os mais de 190 mil alunos do ensino fundamental e médio, distribuídos pelos 139 municípios do Tocantins. Em todas as unidades de...




Vice-prefeita e lideranas de Aliana declaram apoio a Tiago Andrino

Federal

Vice-prefeita e lideranças de Aliança declaram apoio a Tiago Andrino
Durante reunio, senadora diz que produtor tocantinense est h quatro anos  margem do desenvolvimento

Kátia Abreu

Durante reunião, senadora diz que produtor tocantinense está há quatro anos à margem do desenvolvimento
Atades Oliveira: "O povo tem poder para dar novos rumos ao Tocantins"

Campanha eleitoral

Ataídes Oliveira: "O povo tem poder para dar novos rumos ao Tocantins"

© Copyright 1999-2012, O GIRASSOL   Equipe O Girassol