Wednesday, 19 de September de 2018

Wednesday, 19 de September de 2018

OPINIÃO


Ponto de vista

O que somos - perspectivas para o país

24 Aug 2018    22:14    alterado em 24/08 às 22:14
O que somos - perspectivas para o país

Por Thaís Almeida de Aguiar, graduada em Direito pela Faculdade Católica do Tocantins.

O Brasil passou por vários períodos até a formação do país que conhecemos hoje. Contam os historiadores que os portugueses e espanhóis, com o intuito de desbravar novas rotas marítimas para chegar as Índias, descobriram o Brasil. Foi Pedro Álvares Cabral, no ano de 1500, o primeiro a desembarcar em terras brasileiras, território que era habitado por índios - os nativos do Brasil. No decorrer dos séculos o país passou por várias transformações, pelo Período Colonial, Imperial e Republicano, cada uma dessas eras possui suas características marcantes.

No que tange à população do Brasil, em um primeiro momento eram os índios que dominavam as terras, depois vieram os europeus, os escravos - em sua grande maioria africanos, todos seres humanos com o intuito de desbravar o Brasil, cada um com seus objetivos e razões. Atividades como a extração de pau-brasil, o plantio de cana-de-açúcar e café, o tráfico negreiro, a mineração, as disputas por território e a catequização dos nativos eram lucrativas para a Metrópole portuguesa. Após a independência do Brasil, surgiu o Império, marcado pela existência do Poder Moderador e pela abolição da escravidão. Em seguida a proclamação da República, passando pela República Velha, Era Vargas, República Populista, Ditadura e Nova República. Chegamos então no ano de 1988, quando da promulgação da Constituição Federal, carta maior do ordenamento jurídico brasileiro.

A Carta Magna trouxe consigo vários direitos e deveres aos cidadãos, implementou o Estado Democrático de Direito, pugnando pelo poder na mão do povo, que o exerce de maneira direta e indireta. A História do Brasil tem suas múltiplas faces, o encontro de um território com ampla fauna e flora, com riquezas naturais, clima favorável à agricultura. Porém o que mais impacta nos estudos são os modos de lidar com o ser humano.

Em um primeiro momento, ignorou-se a existência dos índios no país, o Brasil não foi descoberto, uma vez que já haviam habitantes aqui, houve um encontro de nativos brasileiros com europeus. Depois tivemos a chegada dos escravos, que era forçados ao trabalho exaustivo, sem direitos a uma vida digna. Após, a Lei Áurea que extinguiu a escravidão no Brasil, vieram então os republicanos e chagamos ao Brasil de hoje.

Observa-se que cada povo que adentrou ao Brasil possuía uma cultura e que o país é uma mistura de identidades, assim não há ninguém melhor ou pior: todos somos iguais. Batalha-se hoje pela concretização dos Direitos Humanos, para uma vida digna, com respeito, direitos e deveres aos seres. Ações afirmativas são implantadas para a reparação de danos históricos. Devemos respeitar o próximo e o ver como um ser que merece ser tratado com ética. A preservação do patrimônio histórico e cultural nacional deve ser efetivado, conservando-o para as gerações futuras, exercitando a identidade da nação, sua conexão com o passado, descobrindo o que fomos, o que somos e o que seremos.

COMPARTILHE:

O que você achou da notícia?

44

PARABÉNS!
PARABÉNS!

11

BOM
BOM

13

AMEI!
AMEI!

6

KKKK
KKKK

11

ENGRAÇADO
ENGRAÇADO

4

Ñ GOSTEI
Ñ GOSTEI

4

CREDO!
CREDO!

Leia por assunto:

Opinião Patrimonio Legislação Tocantins

Comentários

comments powered by Disqus


Confira também:

Gerente de Planejamento

Ciência & Tecnologia

Gerente de Planejamento


CPI do PreviPalmas

Presidente da CPI do PreviPalmas convoca envolvidos com investimentos suspeitos a prestarem esclarecimentos

Na ocasião, Geo convocou o ex-presidente do PreviPalmas, Maxcilane Fleury, o ex-diretor de investimentos, Fábio Matins, o ex-secretário Municipal de Finanças, Christian Zini e citou uma quarta pessoa que será convocada após o período eleitoral

Radioterapia

Estado começa instalação da máquina de radioterapia de Araguaína

Após a instalação, o Estado solicitará vistoria da Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEN) para liberação do serviço.



Trânsito

Número de vítimas fatais reduz em 20% comparado a 2015

Em Palmas, a proporção de veículo é de 0,62 para cada habitante.


Propagando Irregular

A Justiça Eleitoral suspendeu nesta terça-feira, 18, mais uma propaganda irregular do candidato Carlos Amastha (PSB). De novo, o ex-prefeito de Palmas “invadiu” o horário eleitoral

Esta é a quinta vez, nestas eleições, que a Justiça Eleitoral suspende propaganda irregular de Amastha, a segunda por “invasão” do tempo de TV destinado aos candidatos a deputado estadual de sua coligação.


Carlesse

Amastha tenta confundir população mostrando caso da gestão de Marcelo Miranda em seu programa

No programa eleitoral, Amastha utiliza o depoimento da mãe da criança, Fabiana Evangelista Ferreira, para jogar a culpa do ocorrido no recém-eleito Governador do Tocantins, Mauro Carlesse (PHS), que na época do ocorrido era deputado estadual.


Campanha

No desespero, Amastha usa hospitais municipais para criticar Carlesse e tem propaganda suspensa pela Justiça


Irrigação

Carlesse fortalece projetos de irrigação São João e Manuel Alves com investimentos de mais de R$ 12 milhões


Educação

Bernadete é a segunda candidata ao governo do Tocantins a firmar compromisso com a educação


Jalapão

Carlesse garante que vai melhorar qualidade de vida no Jalapão com infraestrutura e fortalecimento da cultura e do turismo


Ponto de vista

O necessário tempo para as relações


Consumidor

Núcleo do Procon de Paraíso do Tocantins é aberto com estrutura moderna



  Blogs & Colunas


TiViNaLili

Lili Bezerra


Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira