Saturday, 23 de February de 2019

OPINIÃO


Opinião

Proteção animal é tema de Lei publicada no Diário Oficial do Estado

02 Aug 2018    23:10    alterado em 02/08 às 23:10
Divulgação Proteção animal é tema de Lei publicada no Diário Oficial do Estado

Thaís Almeida de Aguiar, graduada em Direito pela Faculdade Católica do Tocantins.

Foi publicada no Diário Oficial do Estado do Tocantins, em 27 de julho de 2018, a Lei nº 3.384 de 2018, que dispõe sobre a obrigação dos pet shops, clínicas, consultórios e os hospitais veterinários a comunicarem à Delegacia de Polícia Civil ou Especializada quando verificarem indícios de maus tratos nos animais por eles atendidos. A lei, que entrou em vigor na data de sua publicação, tem como escopo proteger os animais, reduzir a violência e resguardar seus os direitos.

A denúncia poderá ser feita através de ofício ou comunicação digital dirigida à Polícia Civil ou Especializada, devendo conter as seguintes especificações, conforme o Parágrafo Único, do artigo 1º: “I - qualificação contendo nome, endereço e contato do acompanhante do animal presente no momento do atendimento; II - relatório do atendimento prestado, contendo a espécie, raça e características físicas do animal, descrição de sua situação de saúde na hora do atendimento e os respectivos procedimentos adotados”. A lei estabelece ainda, a aplicação de multa no valor de R$ 1.064 (hum mil, sessenta e quatro reais) a quem não a cumprir.

A publicação desta lei é um avanço para a proteção dos animais no Estado do Tocantins, uma vez que o dever de cuidar dos animais não está restrito ao Poder Público, sendo função da sociedade também.

A Lei de Crimes Ambientais – Lei nº 9.605, de 1998, em seu artigo 32 tipifica como crime a prática de abuso, maus tratos, ferir ou mutilar animais domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos, prevendo pena de detenção de 03 (três) meses a 01 (um) ano, além da aplicação de multa àqueles que ocorrem nessas ações, o § 1º do referido artigo leciona que incorre nas mesmas penas quem realiza experiência dolorosa ou cruel em animal vivo, ainda que para fins didáticos ou científicos, quando existirem recursos alternativos, por fim a redação do § 2º dispõe que: “a pena é aumentada de um sexto a um terço, se ocorre morte do animal”.

A legislação brasileira não conceitua o que seja “maus tratos aos animais”, porém algumas ações os caracterizam, por exemplo: o abandono, restrição de água e comida, manter o animal em local sujo, sem higiene, em condições precárias de existência, exploração laboral demasiada, falta de cuidados veterinários, bater, mutilar, entre tantos outros atos que expõe o animal a sofrimento, evidenciando o descuido do tutor.

Isto posto, é necessário que a sociedade se conscientize que a existência humana deve se dar de forma harmônica com o meio ambiente, pugnando pela preservação e conservação da fauna e flora.

COMPARTILHE:


Confira também:


Pressão

Parlamentares solicitam retomada de cirurgias e reforma de hospitais

Também foi solicitada pela deputada Cláudia Lelis (PV) a compra de insumos e materiais para unidades hospitalares do Estado.

Xingu

Viagem Gastronômica oferece menu degustação com pratos inspirados na culinária da Aldeia do Xingu

Para Ruth Almeida, a vivência com os indígenas ultrapassa o campo profissional, pois é também uma transformação da sua vida pessoal e uma experiência rica em conhecimentos.


Tocantins

Membros do MPE comemoram aprovação de Lei que permite Promotores concorrerem ao cargo de Procurador-Geral de Justiça

Pelo projeto de Lei, poderão compor a lista tríplice, a partir da próxima eleição, os Promotores de Justiça de 3ª entrância, em exercício na instituição, que tenham no mínimo 10 anos de carreira e 35 anos de idade.


Palmas

Tiago Andrino apresenta projeto que institui tradução simultânea em Libras na Câmara

Anteriormente, Andrino já havia solicitado o serviço, por meio de requerimento, o que permitiu que um profissional de Libras atuasse na Casa de Leis por aproximadamente um ano.


Palmas

Projeto aconchego acolhe e leva tranquilidade aos acompanhantes na UTI do HGP


Sesau

Casos de Sarampo em estados vizinhos causam preocupação na Saúde


Em audiência com Tiago Dimas, Ronaldo Dimas e Eduardo Gomes, ministro garante liberação de recursos


AL

Presidente da Assembleia recebe demandas do sindicato dos jornalistas do Tocantins


Presidente

Léo Barbosa é eleito presidente do Bloco Brasileiro da União de Parlamentares Sul-Americanos


Defesa do Comércio

Diogo Fernandes lidera Frente Parlamentar em defesa do comércio



  Blogs & Colunas


TiViNaLili

Lili Bezerra


Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira