Wednesday, 23 de October de 2019

SAÚDE


Tocantins

Hospital de Araguaçu volta a realizar cirurgias eletivas após quatro anos

16 Jan 2019    18:22    alterado em 16/01 às 18:22
Hospital de Araguaçu volta a realizar cirurgias eletivas após quatro anos

Para melhoria da assistência ao usuário do Sistema Único de Saúde (Sus), o Hospital de Referência de Araguaçu iniciou o ano com a realização de cirurgias eletivas. Entre os procedimentos cirúrgicos realizados nestes primeiros dias do ano estão laqueadura tubária, vasectomia bilateral e hernioplastia umbilical. Nos próximos dias novas cirurgias estão agendadas.

A unidade hospitalar é considerada um Hospital de porte I, referência para os atendimentos de urgência, emergência e cirurgias para a região sudoeste do Estado com seus respectivos distritos, assentamentos, zonas rurais, além de indígenas remanescentes das tribos Xerente, Javaés e Carajás na região da Ilha do Bananal.

Para o Diretor Geral Francisco Ronnivon, o retorno das cirurgias deve-se ao empenho e comprometimento dos servidores, mas principalmente ao apoio e suporte da Secretaria de Estado da Saúde (SES) por meio das Superintendências de Unidades Próprias e de Administração.  “O retorno da realização das cirurgias eletivas depois de quase quatro anos, corresponde ao anseio da comunidade local e regiões circunvizinhas, que há muito tempo não contavam com esse atendimento eletivo na unidade hospitalar. É uma grata satisfação ver o SUS acontecer e poder fazer parte disso!”, comemora o diretor.

Balanço 2018
O ano de 2018 finalizou com balanço positivo para a realização de cirurgias eletivas no Estado, de janeiro até o dia 10 de dezembro de 2018 foram realizadas 5.141 cirurgias eletivas, quase o dobro de procedimentos realizados nos anos de 2016 e 2017. Uma conquista da gestão do governador Mauro Carlesse, que em abril de 2018, fez o lançamento do programa Opera Tocantins, como parte do Programa de Aprimoramento da Gestão Hospitalar.

O Opera TO e um mutirão de procedimentos cirúrgicos eletivos para atender a população que estavam nas filas de espera e que poderiam ser operadas nos fins de semana, feriados e dias de ponto facultativo. Os dados demonstram que foram superando os anos de 2016 que contabilizou 2.727 procedimentos realizados e 2017 com 3.386 cirurgias realizadas. Nos primeiros dias de 2019 foram realizadas 43 cirurgias eletivas.

COMPARTILHE:


Confira também:


Saúde

HGP volta a registrar menor índice de ocupação operando com 81% de sua capacidade

Número é resultado do novo fluxo de atendimentos aos pacientes implantado na unidade hospitalar


  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira