Friday, 04 de December de 2020

SAÚDE


Tocantins

Mães com bebês no Método Canguru recebem terapia ocupacional

02 Jul 2019
André Araújo Mães com bebês no Método Canguru recebem terapia ocupacional Psicóloga Adriana Vendraminni

Bordados, crochê, costura, exercício da criatividade e aprendizado fazem parte da rotina das mães que tem bebês internados no Método Canguru do Hospital e Maternidade Dona Regina Siqueira Campos (HMDR), em Palmas. As atividades ajudam como terapia pra superar os dias difíceis longe de casa e em alguns casos  viram fonte de renda.

“Já tivemos época em que a produção era maior e envolvia mais pessoas, mas continuo a trazer recortes, agulhas e linhas e quem tem interesse participa. É uma forma de passar o tempo em que ficam internadas com seus bebês e sem poder sair da maternidade”, assim a psicóloga e tutora do Método Canguru, Adriana Vendramini explica o funcionamento das atividades.

Ainda segundo Adriana, já houve casos em que as mães relataram ter o aprendizado como fonte de renda após a alta da maternidade. “Em alguns casos, elas são donas de casa e após aprender a arte, passam a fazer como forma de complementar a renda. Isso para nós é gratificante, pois vai além do nosso objetivo que é ocupar tempo e a mente e tornar mais fácil os dias dentro de um hospital”, destacou.

Para a moradora de Palmas, Maria Aparecida Bonfim Souza que está há 37 dias na maternidade, à espera da alta da pequena Laura Beatriz, que nasceu prematura, as atividades fazem a diferença na rotina. “Eu gosto muito de participar, porque é uma coisa a mais que a gente aprende e nas horas em que a bebê dorme a gente fica um pouco ociosa”, afirmou, acrescentando que é a segunda vez que fica internada na unidade e sempre tem bom atendimento. “Há seis anos eu fiquei aqui com meu filho que nasceu prematuro e graças a Deus sempre fui bem atendida e cada dia é um aprendizado”.

A secretária Lara Jordana Santos, moradora de Silvanópolis está há duas semanas no Método Canguru, acompanhando a filha Mirela, já fez bordado e se diz feliz com o aprendizado. “Quando a gente termina e ver o resultado, nem acredita que conseguiu fazer, é muito bom ter uma fralda bordada por mim”, falou.

Material

Todo material utilizado nas oficinas são trazidos pela psicóloga e aplicado nas fraldas, mantas, lençóis e toalhas das pacientes, de acordo com suas preferências. “Trago várias cores de tecidos e opções de letras e desenhos, assim as peças são bordadas respeitando as preferências de casa uma”, finalizou Vendramini.

COMPARTILHE:


Confira também:


Economia

Governo do Tocantins recepciona executivos da Nutrien, uma das maiores multinacionais especializada em fertilizantes e soluções agrícolas

A Nutrien é uma das líderes mundiais em fertilizantes, opera em 14 países e conta com 22 mil colaboradores


  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira