Wednesday, 26 de June de 2019

SAÚDE


Maus hábitos com a saúde respondem por 63 mil mortes de câncer no Brasil por ano

31 May 2019    16:22    alterado em 31/05 às 16:22
Maus hábitos com a saúde respondem por 63 mil mortes de câncer no Brasil por ano

A mudança no estilo de vida poderia evitar um terço das mortes causadas por 20 tipos de câncer no Brasil. A pesquisa foi divulgada na revista Cancer Epidemiology e faz parte de um estudo realizado por pesquisadores do Departamento de Medicina Preventiva da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP) e da Harvard University, nos Estados Unidos, com apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp).

O levantamento mostrou que o tabagismo, excesso de peso, consumo de álcool, alimentação não saudável e falta de atividade física têm relação com 114 mil casos da doença (27% do total) e 63 mil mortes (34% do total) por ano no Brasil.

Prevenção
O médico oncologista clínico da Acreditar do Tocantins, Macilon Nonato, lembra que a mudança de hábitos é o principal caminho para melhorar a qualidade de vida das pessoas, prevenindo uma série de doenças, entre elas o câncer.

“A população precisa entender que o câncer pode ser evitado. Umas das principais formas é ter uma alimentação saudável, ser fisicamente ativo, manter o peso corporal adequado e evitar o consumo excessivo de álcool. Uma ingestão rica em alimentos de origem vegetal, como frutas, legumes, verduras, cereais integrais, feijões e outras leguminosas, e pobre em alimentos ultraprocessados, como aqueles prontos para consumo ou prontos para aquecer, além de bebidas açucaradas, podem prevenir novos casos de câncer”, destacou o especialista.

Alimentação e atividade física
O Guia Alimentar para a População Brasileira, elaborado pelo Ministério da Saúde, reforça que a prioridade de consumo dos alimentos seja os de origem in natura e que se evitem alimentos processados, especialmente os ultraprocessados (que possuem alta quantidade de sal, açúcar, gorduras e realçadores de sabor).

A empresária Helem Rosa conta que sempre teve um estilo de vida valorizando a alimentação saudável e a prática de atividade física.

“A qualidade de vida é, inevitavelmente, a consequência da soma de bons hábitos diários, e com certeza incluem uma boa alimentação e prática de atividade física. As pessoas se enganam ao pensar que levar um estilo de vida saudável é somente para manter um corpo bonito e em forma. Quando se começa a colher os frutos na saúde, sentir o corpo em perfeito equilíbrio, você entende que não se trata somente de estética, mas de cada dia mais sentir bem consigo mesmo e buscar evoluir corpo, mente e espírito”, destaca a empresária.

COMPARTILHE:


Confira também:


Para Servidores

Marilon Barbosa propõe que prefeita envie à Câmara Projeto de Lei que autorize o empréstimo consignado de recursos do PreviPalmas

Ele ainda sugeriu no anteprojeto que os recursos do PreviPalmas para empréstimos consignados aos servidores públicos municipais sejam alocados no Banco do Povo como linha de crédito exclusiva para empréstimos a esta finalidade.

Ferrovia Norte-Sul

Início das operações da Ferrovia Norte-Sul, entre Anápolis e Porto Nacional, é anunciada

Executivos anunciam que operadora está pronta para fazer o transporte de cargas industrializadas, num trecho de 800 km




  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira