Monday, 19 de November de 2018

SAÚDE


Saúde

TO recebe 250 mil para combate às doenças crônicas não transmissíveis

25 Sep 2012

 O Tocantins recebeu R$ 250 mil para implantação e fortalecimento das ações específicas de vigilância e prevenção das doenças crônicas não transmissíveis (DCNT) no Estado. O repasse do recurso foi feito pelo MS - Ministério da Saúde para o desenvolvimento de ações do Plano de Enfrentamento das Doenças Crônica Não Transmissíveis, que é referencia para outros estados do país.

O plano tem como objetivo fortalecer a vigilância das doenças crônicas não transmissíveis e seus fatores de risco, bem como desenvolver ações efetivas de promoção da saúde visando a redução da morbimortalidade em decorrência dessas doenças, além de definir as diretrizes e ações em vigilância, avaliação, monitoramento e promoção da saúde.

Além disso, o plano visa preparar o Tocantins para enfrentar e deter, nos próximos quatro anos, as doenças crônicas não transmissíveis (DCNT) dos quatro principais grupos de doenças (circulatórias, câncer, respiratórias crônicas e diabetes) e seus fatores de risco em comum (tabagismo, álcool, inatividade física, alimentação não saudável e obesidade).


Dados

No país, bem como no Tocantins, as doenças crônicas não transmissíveis constituem o problema de saúde pública de maior magnitude e correspondem a cerca de 70% das causas de morte no país.

No panorama da mortalidade no Estado observa-se que as Doenças do Aparelho Circulatório ocupam o primeiro lugar entre as principais causas de óbito, totalizando em 2009 1.859 óbitos no Estado (Fonte: SIM ? Sistema de Informação sobre Mortalidade/ 2010).


(Fonte: SECOM)

COMPARTILHE:

O que você achou da notícia?

10

PARABÉNS!
PARABÉNS!

9

BOM
BOM

9

AMEI!
AMEI!

10

KKKK
KKKK

9

ENGRAÇADO
ENGRAÇADO

11

Ñ GOSTEI
Ñ GOSTEI

7

CREDO!
CREDO!

Comentários

comments powered by Disqus


Confira também:


Entrega de Moradias

Mauro Carlesse e ministro das Cidades entregam apartamentos do Residencial Parque da Praia

A iniciativa faz parte da política habitacional do Governo do Estado e conta com o recurso do governo federal, por meio do Fundo de Desenvolvimento Social (FDS).

Crise

Partido Novo pede a cassação do Deputado Olyntho Neto

A meta inicial era superar 10 mil assinaturas. Mas já neste domingo (18), 1 dia após lançada a petição, mais de 7.000 mil pessoas já haviam assinado. A petição pode ser acessada no site change no link petição do NOVO.




  Blogs & Colunas


TiViNaLili

Lili Bezerra


Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira