Friday, 26 de April de 2019

ÚLTIMAS


VÔLEI

CIRCUITO BB CHALLENGER: Duas novas duplas levam título em Aracaju (SE)

12 Aug 2013

Harley e Renatão anunciaram a parceria há pouco mais de um mês. Val e Ângela reataram recentemente uma dupla que jogou junta três anos atrás. Mas essas novidades nas areias não impediram que ambos os times se tornassem campeões neste DOMINGO (11.08), pela quarta e última etapa do Circuito Banco do Brasil Challenger, na Praia de Atalaia, em Aracaju (SE).

Foi o último torneio adulto em solo brasileiro antes da abertura da temproada 2013/2014 do Circuito Banco do Brasil Open, principal competição do vôlei de praia nacional, que entra em cena no dia 29 de agosto, em Recife (PE). Aliás, uma edição que virá com várias novidades. E por falar em novidade, a estreia de uma parceria já rende frutos. Harley e Renatão mostram que a dupla pode chegar longe.

Depois de derrotarem nas semifinais Averaldo/Jô (TO/PB) por 2 a 0, parciais de 21/16 e 21/18, eles chegaram à primeira decisão no primeiro torneio juntos. Na outra semi, Márcio/Moisés (CE/BA) venceu Gilmário/Benjamin (PB/MS) por 2 a 1, de virada (16/21, 21/16 e 15/12). Tudo pronto para a grande final, com um bom público presente à arena, num dia que começou fechado, com chuva, mas que acabou sendo brindado pelo sol.

E as estrelas que brilharam foram mesmo o brasiliense Harley e o paraibano Renatão. Na decisão, fizeram uma grande partida e não deram chances para Márcio e Moisés, vencendo por 2 a 0, parciais de 21/13 e 21/15. Após o jogo, Renatão foi eleito o melhor jogador da final e falou, emocionado, sobre a formação da dupla.

"A opção do Harley, dentre tantos outros bons atletas, me deixou muito feliz e satisfeito. Só queria agradecê-lo por ter apostado em mim e ter me dado essa chance. Foi muito bom já ter vencido nosso primeiro torneio, o que dá ainda mais confiança para a sequência do nosso trabalho", declarou Renatão.

O experiente Harley, de 39 anos, fez questão de creditar os méritos da conquista ao novo parceiro. E disse que subir ao lugar mais alto do pódio é sempre fruto de um trabalho bem feito. E ele diz esperar que este seja o começo de uma grande e vitoriosa caminhada.

"Poucas vezes fiquei tão feliz de ganhar um título, por ver a felicidade estampada no Renatão. É o início de uma grande parceria, com certeza. Acho que foi uma escolha das mais acertadas. Há sempre aquela ansiedade da estreia, mas a gente sempre acredita e entra na areia para ganhar. Vamos lutar para ficar no top 3 do Open e chegar ao título brasileiro", afirmou Harley.

Averaldo e Jô subiram ao pódio pela primeira vez no Circuito Banco do Brasil Challenger 2013, conquistando o terceiro lugar após vitória sobre Gilmário e Benjamin por 2 a 0, parciais de 21/18 e 21/9.

Val e Ângela reatam parceria e levam duas últimas etapas
Na decisão feminina, depois de passarem por Rebecca/Neide (CE/AL) pelas semifinais, com uma vitória por 2 a 1 (21/19, 9/21 e 15/13), Val e Ângela derrotaram Josi/Raquel (SC/RJ) por 2 a 0, parciais de 21/17 e 21/18, e levaram mais um título. O curioso é que o Circuito Banco do Brasil Challenger 2013 só teve duas duplas campeãs: Vivian/Pri Lima (PA/RJ), em Campo Grande (MS) e Sinop (MT), e Val/Ângela, em Teresina (PI) e Aracaju (SE).

A carioca Val e a brasiliense Ângela jogaram juntas em 2010. Em 2011, a dupla se reuniu novamente para a disputa dos Jogos Mundiais Militares. E foi campeã. Segundo Val, como sua parceria com Thaís e a de Ângela com Neide não estavam surtindo o efeito esperado, sem obter bons resultados, elas resolveram reatar. Neste ano, chegaram a jogar dois torneios, na Alemanha e na França, e conquistaram o títulos em ambos.

"Ali, já vimos que daria certo. É muito legal voltar a jogar com a Ângela. E nas duas últimas etapas Challenger, em Teresina e agora aqui, em Aracaju, vencemos também. Nossa dupla tem uma química muito boa. Mas temos que treinar ainda mais porque o Open já está batendo à nossa porta. O mais importante nessa parceria é que estamos sabendo ajudar uma a outra nos momentos mais difíceis", disse Val, eleita a melhor jogadora da final.

Na decisão pelo terceiro lugar, Rebecca e Neide bateram Fabíola/Pri Lima (DF/RJ) por 2 a 0, parciais de 21/19 e 21/14, e completaram o pódio na capital sergipana.

COMPARTILHE:


Confira também:


Polícia Civil

PC deflagra Operação "Barulho" no sul do Estado, prende criminosos e apreende armas, drogas e munições

Na operação foram apreendidas quatro armas de fogo, 32 munições de calibres variados, espoletas de ignição armamentista, porção de cocaína e crack

Economia

Governo sanciona lei que busca enquadramento fiscal e retomada de investimentos no Tocantins

Publicação da medida, que faz parte das ações anunciadas pelo Governo, em fevereiro deste ano, ocorre nesta quinta-feira, 25



Água Potável

A pedido da DPE-TO e MPE, Justiça determina fornecimento de água potável para comunidade de Dianópolis

Crise de abastecimento de água no município é recorrente desde o ano de 2017


Segurança nas Escolas

Segurança pública em escolas públicas da capital é discutida em sessão

O trágico caso ocorrido em 13 de março de 2019, na Escola Estadual Professor Raul Brasil cidade de Suzano – SP, foi lembrado pelos parlamentares como um grande exemplo de insegurança que resulta em mortes de crianças e adolescentes inocentes.


Serviço

Obras de melhorias da Energisa seguem em 32 municípios do Estado

Desligamentos são pontuais e não atingem a cidade toda


Tocantins

Pesca amadora e esportiva necessita licença no Tocantins


Naturatins visita aldeia Ktẽpo para diálogo sobre proteção ambiental com lideranças indígenas Xerente


Pesquisa

Lançada primeira Revista Científica do Ceulp/Ulbra


Saúde

Depressão, não deixe o tempo passar


Promoção

Carlesse promove policiais militares e bombeiros e afirma que as duas corporações são as melhores do país


Turismo

Potencial turístico das Serras Gerais é tema de evento em Palmas



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira