Friday, 19 de October de 2018

VIVER


Ex-Pajé

Cineasta Luiz Bolognesi vem a Palmas para sessão especial de seu filme Ex-Pajé

19 Sep 2018    00:17

O tema da intolerância religiosa, do etnocídio, e da conversão forçada de povos indígenas é retratado com beleza plástica e cuidado no filme Ex-Pajé, que contará com sessão especial em Palmas pelo projeto Telas em Cena na próxima quinta-feira, 20, às 19h30, no Cine Cultura. Diretor do filme, o cineasta Luiz Bolognesi estará presente na sessão especial para participar de um bate-papo com profissionais regionais do audiovisual e comunidade em geral.

 

O documentário “Ex-Páje” conta a história de um poderoso pajé que passa a questionar sua fé depois de seu primeiro contato com brancos que julgam sua religião como demoníaca. No entanto, a missão evangelizadora comandada por um pastor intolerante é posta em cheque quando a morte passa a rondar a aldeia e a sensibilidade do índio em relação aos espíritos da floresta mostra-se indispensável.

 

Conforme Luiz Bolognesi, a obra de 81 minutos mostra as onseqüências do avanço das madeireiras, do agronegócio e, mais especificamente, da religião evangélica neopentecostal na tribo dos Paiter Suruí. “O filme retrata a experiência indígena brasileira nos tempos atuais de dentro para fora. Se mantém longe dos clichês românticos. Ele tem cenas que são flagrantes: a gente abriu a câmera e filmou o que estava acontecendo. E também cenas baseadas nas histórias que eles contavam”, explica.

 

Perfil

Luiz Bolognesi escreveu e dirigiu o longa-metragem de animação Uma História de Amor e Fúria (2013), vencedor do prêmio Cristal de Melhor Longa Metragem em Annecy (França), o principal festival de animação do mundo. O filme foi exibido nos cinemas de seis continentes e também premiado nos festivais de Tóquio, Shangai, Atenas, Bordeaux, Strasbourg, Buenos Aires e pela Academia Brasileira de Cinema. Foi exibido na América Latina pela HBO e tem exibição programada na TV Globo.

 

Bolognesi dirigiu o curta Pedro e o Senhor (1995) e co-dirigiu os documentários Cine Mambembe, O Cinema Descobre o Brasil (1999), A Guerra dos Paulistas (2002), Lutas.doc (2011), Educação.doc (2014) e Juventude Conectada (2015). Cine Mambembe foi premiado em Nova York, Havana, Montevidéu e Gramado e Educação.doc, exibido no Fantástico e Globo News.

 

Como roteirista, escreveu os roteiros dos filmes Bicho de Sete Cabeças (2001), O Mundo em Duas Voltas (2006), Chega de Saudade (2007), Terra Vermelha (2008), As Melhores Coisas do Mundo (2010) e Amazônia, Planeta Verde (2014), que receberam prêmios de melhor roteiro da Academia Brasileira de Cinema, APCA (Associação Paulista dos Críticos de Arte) e nos festivais de Brasília e Recife. Além dos prêmios de roteiro, esses filmes participaram e foram premiados em diversos festivais, como Veneza, Toronto, Locarno, Biarritz, Los Angeles, Roma, Miami, Havana, Nova Delhi, Recife, Gramado e Brasília. Foram vendidos para cinco continentes e vistos por mais de 40 milhões de espectadores em televisões de diversos países, inclusive Rede Globo e HBO América Latina. Em 2015, desenvolveu os roteiros dos longas-metragens: Elis, Como Nossos Pais e Bingo - O Rei das Manhãs.

 

Audiovisual

Responsável pelo projeto, o cineasta Nival Correia, conta que o objetivo é estimular a produção audiovisual no Tocantins, oferecendo uma interatividade entre os profissionais nacionais e regionais. Ele destaca que Luiz Bolognesi é não só um grande profissional como cineasta, como também de projetos de capacitação para a área, como os projetos de cinema itinerante e oficinas audiovisuais Cine Mambembe e Cine Tela Brasil, promovendo o encontro entre cinema e educação nas comunidades de baixa renda. “O projeto já levou mais de 1.3 milhões de pessoas ao cinema em 759 bairros de todo o Brasil e produziu mais de 450 curtas de jovens moradores de periferias”, lembra Nival.


Projeto

O projeto Telas Em Cena divide-se em quatro eixos:  Informação, Política e Diretrizes, Intercâmbio, e Difusão com ações direcionadas que   atendem demandas de produtores locais, diretores, roteiristas, Estudantes da Rede Pública de ensino, Crianças, adolescentes e jovens, Idosos, Populações de baixa renda de Zona Rural e situação de vulnerabilidade.

Responsável pelo projeto, Nival Correia conta que a proposta é contribuir para o desenvolvimento e fortalecimento da cena audiovisual palmense. "Palmas tem se destacado através do enfoque audiovisual, com produções independentes locais e a nível nacional, com produções de grande visibilidade como filmes e novelas, que potencializaram os recursos criativos da cidade, gerando emprego e renda de forma direta com a contratação de profissionais locais e com a prestação de serviços", conta.

A atividade é uma realização do Instituto Social do Tocantins  em  parceria com a Fundação Cultural de Palmas e Ministério da Cultura, através do edital de Pontos de Cultura de Palmas. O projeto tem o apoio da Fundação Escola de Saúde Pública (Fesp) e restaurante Maria Isabel Cozinha Contemporânea.


Serviço
O quê – Projeto “Telas em Cena” com sessão especial do filme “Encantados”

Quando – Quinta-feira, dia 18/09

Ingressos – R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia)

COMPARTILHE:

O que você achou da notícia?

9

PARABÉNS!
PARABÉNS!

9

BOM
BOM

9

AMEI!
AMEI!

10

KKKK
KKKK

10

ENGRAÇADO
ENGRAÇADO

10

Ñ GOSTEI
Ñ GOSTEI

7

CREDO!
CREDO!

Leia por assunto:

cineasta palmas tocantins

Comentários

comments powered by Disqus


Confira também:


Economia

Mauro Carlesse recebe empresários interessados em investir no Estado

Grupo de empresários vão investir na produção de ovos no Estado; Gurupi e Paraíso são cidades estudadas para receber o empreendimento

Cinoterapia

Projeto com cães no HGP e Infantil comemora um ano

De acordo com a psicóloga do HGP, Jaqueline Monteiro o projeto vem beneficiando pacientes adultos e crianças.


Serviço

Inscrições abertas para o Curso de Supervisão em Serviço Social

Dos 12 módulos, três ocorrerão em Miracema (UFT) e os outros nove em Palmas, nos locais junto às unidade de Ensino (Unip, Unitins, Unopar, Itop) conforme programação disponibilizada no site do conselho.


Sanidade

Tocantins se prepara para vacinação de rebanho contra febre aftosa a partir de 1º de novembro

Após a vacinação, o produtor tem até 10 dias para fazer a declaração em qualquer uma das 139 unidades da Adapec no Estado,


Tocantins

Ligados: projeto itinerante da Energisa está ouvindo a população


Tocantins

Visando concorrência legal Metrologia Estadual verifica taxímetros em Palmas


Sermão aos Peixes

PF apura desvios na área da saúde


Segurança

Forças de segurança do Tocantins recebem a visita do ministro Raul Jungmann em Palmas


Economia

Estimativa do PIB Industrial do Tocantins aponta leve recuperação em 2017


Meio Ambiente

População de Palmas gasta o dobro de água recomendado pela ONU



  Blogs & Colunas


TiViNaLili

Lili Bezerra


Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira