Monday, 27 de May de 2019

VIVER


Região Central

Município de Guaraí recebe entretenimento com foco na preservação do meio ambiente

19 Feb 2019    23:11    alterado em 19/02 às 23:11
Município de Guaraí recebe entretenimento com foco na preservação do meio ambiente

A praça central da cidade do município de Guaraí, a 178 km de Palmas, se transformou em um grande espaço para a democratização e valorização da arte e cultura. Cerca de 600 pessoas estiveram reunidas na noite de sábado, 16, para prestigiar a apresentação do espetáculo teatral “O Rei do Lixo”, apresentado pelo grupo Artpalco. Por meio do projeto “Vai Ter Teatro na Escola”, o município recebeu duas apresentações, uma para estudantes de escolas públicas pela manhã e outra aberto a toda comunidade à noite.
 
De diferentes idades e classes sociais, o público da praça central esteve atento a cada movimento no palco e se divertiu com a história de Pitu, um catador de lixo que faz amizade com uma garrafa de champanhe, um balde plástico e uma caixa de papelão. Pela primeira vez assistindo um espetáculo teatral, Maria Clara Soares, de 11 anos, se empolgava com cada movimento de cena. “Tem música, dança e os bonecos são lindos, da vontade de subir e brincar com eles. Aprendi que a gente deve cuidar do lixo da nossa cidade que se reciclar pode se transformar em muita coisa boa para todos”, disse o estudante.
 
Sentadinho no chão, bem pertinho do palco, o pequeno Caio da Silva, 7 anos, também aprendeu a lição do espetáculo que usou o universo lúdico para oferecer entretenimento, educação e preservação do meio ambiente. “O Pitu conseguiu montar um foguete com o lixo que ele juntou. A gente não pode jogar lixo na rua, tem que procurar o lugar certo.”
 
Secretária de Esporte, Juventude e Turismo de Guaraí, Rita Lopes lembrou que esta é a primeira vez que a cidade recebe um grupo profissional de teatro. “O nosso povo ainda não tem o costume de receber apresentações artísticas de grupos profissionais, então receber o Artpalco foi um grande privilégio. Essa dinamização do trabalho artístico é muito importante também para cidades do interior, pois vem somar culturalmente na nossa história”, considerou.
 
Uma outra apresentação aconteceu no sábado pela manhã para estudantes de escolas públicas do município, em parceria com o projeto AABB Comunidade e Prefeitura Municipal de Guaraí. Na ocasião, um total de 90 alunos prestigiou a apresentação. “O que os alunos conheciam de teatro era apenas o que a gente faz, de forma amadora, com apoio dos pais. Foi incrível ver cada olhinho brilhando ao assistir o espetáculo. Eles se emocionaram, se divertiram, mas acima de tudo, aprenderam a lição sobre a preservação do meio ambiente”, disse a coordenador do projeto AABB Comunidade de Guaraí, Geny Scheffler.

Escola
O município de Guaraí tem 48 anos de história e cerca de 30 mil habitantes. Coordenadora do projeto “Vai Ter Teatro na Escola”, a atriz Tatiane Breve explica que esta é a proposta é justamente trabalhar a democratização da cultura, promovendo o acesso ao teatro a pessoas que pouco tem oportunidade. Todas as apresentações são gratuitas.
 
Após cada sessão nas escolas, os alunos participam de um bate-papo com os atores sobre reciclagem.  “Acreditamos no poder transformador da arte, por isso colocamos as crianças em contato direto com o teatro, despertando o interesse das mesmas também por outras manifestações artísticas, contribuindo assim na formação de cidadãos pensantes e que tenham sede por cultura, afim de contribuir também com a formação de plateia para o desenvolvimento do município como um todo”, conclui a atriz.
 
Projeto
Aprovado na Lei Rouanet, o projeto é uma realização do Ministério da Cidadania, com patrocínio das empresas Lojas Nosso Lar, Banco da Amazônia, Supermercados Campelo e Novo Rio Veículos. A apresentação em Guaraí contou com apoio da Prefeitura Municipal de Guaraí, por meio da Secretaria Municipal de Esporte, Juventude e Turismo.
 
A acessibilidade também é parte do projeto, com sessões para alunos da Associação de Pais e Amigos do Excepcional (Apae) em Araguaína e também com tradução em libras para crianças e adolescentes com deficiência auditiva.
 
As apresentações tiveram início no dia 8 de fevereiro, com duas apresentações no Colégio Estadual Campos Brasil. Já a primeira apresentação aberta ao público aconteceu no dia 90 para cerca de 80 pessoas no Espaço Cultural Artpalco. De lá, o grupo se apresentou em outras escolas de Araguaína. Os próximos municípios atendidos serão Colinas do Tocantins e Palmas, previsto para o mês de abril. Ao todo serão 20 apresentações, sendo 16 em escolas públicas e quatro em espaços abertos ao público. A expectativa é de que mais de 2 mil pessoas sejam atendidas.

COMPARTILHE:


Confira também:


Senado

Avança relatório de Kátia Abreu que facilita regularização de dívidas de crédito rural

Famílias com financiamento no Banco da Terra e na Cédula da Terra poderão ter contratos individualizados

Política

Atos em apoio ao governo ocorrem em diversas cidades do país

Na rede social Twitter, o presidente postou cenas de atos que ocorrem em outras cidades do país.



Campo

Agricultura e Fundação divulgam projetos de pesquisa selecionados para cadeia produtiva do mel no Tocantins

Foram aprovados cinco projetos de pesquisa para concessão de materiais e equipamentos de insumos para projetos de pesquisa com apicultura e meliponiculutura no Tocantins.


AL

Deputado propõe que o governo do Estado monte Casa de Apoio em Barretos

A proposta foi apresentada na sessão matutina desta quarta-feira, 22


IPVA

Inadimplência do IPVA chega a 36% da frota no Tocantins

Inadimplência gera déficit de mais de R$ 48,9 milhões aos cofres públicos do Estado e dos municípios


Pavimentação

Wanderlei Barbosa pede a ministro que priorize pavimentação da BR-010, eixo de integração da Amazônia


Paulo Ziulkoski, é homenageado pela ATM durante evento técni

Paulo Ziulkoski é homenageado pela ATM durante evento técnico em Palmas


Prof. Júnior Geo apresenta Projetos que visam garantir o bem-estar e a dignidade dos idosos


Sisu

Estudantes podem consultar vagas do Sisu


CPI do PreviPalmas

Max Fleury é ouvido na CPI do PreviPalmas


Fenelon Barbosa

Primeiro prefeito acredita que Palmas será uma das maiores e melhores cidades do Brasil



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira