Sunday, 17 de February de 2019

VIVER


Araguaína

Músicos criam associação e reclamam do pouco espaço

03 Jun 2008

Pode não parecer verdade, mas, até o mês de abril, a “classe” de músicos da cidade de Araguaína ainda não possuía uma associação que representasse os reais interesses da categoria na cidade.

Não suportando mais a situação, um grupo de músicos se reuniu recentemente no auditório da Prefeitura Municipal e criou a AMA - Associação de Músicos de Araguaína, entidade que ainda está sob organização burocrática, mas que já elegeu seu presidente.

De acordo com Joel Lima, compositor que presidiu a comissão organizadora da eleição para presidente da entidade, são grandes os desafios da associação na cidade. Segundo ele, uma das prioridades iniciais é instalar a sede da entidade, para atender melhor a classe e suas reivindicações. Mas não será apenas isso.  

Para ele, a entidade tem um desafio grande que é unir a classe de músicos da cidade, que no seu entendimento está desintegrada. “Pretendemos buscar mais apoio e espaço para motivar a classe, já que esta não vem sendo privilegiada como deveria”, desabafa o compositor.

O compositor reclama ainda que os músicos de Araguaína perdem espaço para os de outras cidades, e que eles precisam se virar para terem seu trabalho reconhecido. “Temos artistas que podem corresponder ao esperado em termos de espetáculo. Por que não privilegiá-los?”, questiona.

Empresário do setor, o percussionista Raio de Luar que é dono da Banda Mel do Calypso, antiga Ziriguidum disse que a criação da AMA é um avanço para Araguaína. Mas também reclamou da falta de espaço para os músicos. “Dependemos de um apoio, e só a associação pode melhorar isso. Só que precisamos de mais espaço e apoio”, solicitou.

A associação, segundo a diretoria, já possui 173 associados entre músicos, compositores e produtores musicais e pretende ampliar esse número a partir do segundo semestre, quando a entidade estará de fato, formalizada. Uma outra briga que será travada pela associação diz respeito ao espaço para a música dos artistas locais que, segundo Lima, não vem tendo a merecida atenção. Para ele, há uma lei municipal que assegura um espaço de 20% da programação para a produção dos músicos locais. “Iremos fazer valer essa lei, mas sem criar problemas”, pontuou.

 

Retorno do Festival Show Terra

De acordo com Joel Lima, a volta de um dos mais tradicionais festivais de talentos de Araguaína, o Show Terra, será também prioridade da AMA. O festival, que premia diferentes talentos musicais pode voltar a fazer parte do calendário cultural da cidade.

Extinto há mais de uma década, o festival tinha a organização do músico Walber Machado, proprietário da Banda Art Brasil, que teve muito sucesso na época, não restando tempo para manter o mesmo festival e que não teve como conciliar.

Segundo Lima, a primeira edição já pode acontecer no mês de setembro, em homenagem aos 50 anos de Araguaína. “Temos muitos talentos musicais e em diferentes áreas, vamos resgatar isso e homenagear nossa cidade”, concluiu.

COMPARTILHE:


Confira também:


Imbróglio

MPE requer suspensão de contrato do serviço de estacionamento rotativo de Palmas

“Transcorridos quase dois anos após o abandono e o descaso por parte da empresa concessionária, o que se pretende, agora, é a retomada do serviço público com nova roupagem”, avalia o texto do pedido de liminar.

Norte do TO

Senadora Kátia Abreu reúne prefeitos e secretário estadual de Saúde no Bico do Papagaio

A senadora Kátia Abreu está confiante que o Governo, junto aos prefeitos irão melhorar a saúde na região do Bico e disse que o governador Mauro Carlesse deu total apoio a reunião.



Ocorrência

Polícia Civil apreende 30 kg de maconha e prende traficante no Sul do Estado

As investigações da Polícia Civil constataram que Hailton trazia, do Estado de Goiás, grandes quantidades de entorpecentes para Gurupi e região, e que, nessa madrugada, outra remessa chegaria ao Tocantins.


Meio Ambiente

Municípios têm apenas 30 dias para protocolar processo do ICMS Ecológico no Naturatins

De acordo com a legislação, anualmente, os municípios tem prazo até o dia 15 de março, para manifestar o interesse e comprovar o cumprimento das exigências, conforme disposto no Decreto nº 5.264/2015.


Diálogo

Secretários apresentam plano de reestruturação à instituições dos diferentes poderes do Estado

“O que queremos é que todas as instituições compreendam que a situação em que nos encontramos requer ações imediatas, de modo que possamos ter um estado sustentável a médio e longo prazo”, frisou Edson Cabral.


Itelvino Pisoni

Sistema Fecomércio Tocantins realiza visita a Prefeita Cinthia Ribeiro


Tocantins

Dispara número de casos prováveis de doenças transmitidas pelo Aedes aegypti


HGP

Defensoria emite recomendação para Sesau por desassistência na oferta de cirurgias cardiológicas em Palmas


Adapec

Produtor rural pode emitir Guia de Trânsito Animal de qualquer localidade


Segurança

Identificação facial e papiloscópica da Polícia Civil é destaque em operações de combate à criminalidade no Tocantins


Brasília

Damaso fala da responsabilidade do cargo assumido e pede ao Governo apoio para os municípios



  Blogs & Colunas


TiViNaLili

Lili Bezerra


Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira