Tuesday, 11 de December de 2018

VIVER


Música

Oi e Oi Futuro patrocinam a terceira edição do Favela Sounds em Brasília

20 Nov 2018    23:11
Oi e Oi Futuro patrocinam a terceira edição do Favela Sounds em Brasília

Com patrocínio da Oi e apoio cultural do Oi Futuro a cidade de Brasília recebe neste mês de novembro a terceira edição do Festival Internacional de Cultura de Periferia, o Favela Sounds. Com a temática de afro-futurismo ocorre dias 19 a 24 deste mês. Totalmente gratuito e democrático, o evento promove shows e leva oficinas e debates para as escolas públicas e quebradas do DF, suas regiões administrativas e inclusive para o sistema socioeducativo, a fim de propor novas perspectivas profissionais na cadeia da cultura para menores em privação de liberdade.
 
“Mais uma vez estamos ocupando o centro político do país com uma programação que não costuma chegar neste local. E agora, assumindo a estética do Afrofuturismo, desde a brilhante identidade visual criada pelo artista gráfico Pomb, até a representatividade dos artistas elencados”, comemora a coordenadora geral do festival Amanda Bittar.
 
Nos dias 23 e 24/11 a programação é musical. O Baile acontece na região central e turística de Brasília, em frente ao Museu Nacional da República, promovendo a circulação das favelas pelo centro político do país. Haverá 20 ônibus realizando transporte periferia-centro e todos os shows são abertos, livres e gratuitos.
 
O Baile apresenta 26 artistas do país. Esse é o lineup do festival com mais representações de estados brasileiros: vai ter artista do Pará, Ceará, Pernambuco, Bahia, Espírito Santo, Distrito Federal, Minas Gerais, São Paulo e Rio de Janeiro. Do exterior, vem o DJ Marfox de São Tomé e Príncipe, radicado em Lisboa, responsável pela festa “Noite Príncipe”, uma das principais noites de afrohouse da Europa (na Music Box).
 
Na primeira edição do Favela Sounds compareceram 12 mil pessoas, na segunda o público foi de 25 mil. Para essa terceira edição, a expectativa é de que 30 mil pessoas compareçam nos dias do evento. Este ano, o festival ainda homenageia o Mr. Catra que foi o primeiro incentivador do Favela Sounds. Atenção para o super lineup, que conta com tradução em libras dos shows.
 
“A Oi e o Oi Futuro acreditam na potência da criatividade, da diversidade e no acesso à cultura como meios de transformação da sociedade. O Favela Sounds reforça esses valores, impulsionando as pessoas através da música e conectando diferentes estilos e linguagens”, diz Roberto Guimarães, Gerente Executivo de Cultura do Oi Futuro.
 
Atrações:
Bia Ferreira (MG), Deize Tigrona (RJ), DJ Janna (DF), DJ Kashuu (DF), Donas da  Rima (DF), Don L (CE), Drik Barbosa (SP), Fabríccio (ES), Flávio Renegado (MG), Flora Matos (DF/SP), Forró Red Light (DF), Hiran (BA), Hodari (DF), Juliana Borges (SP), Keila (PA), La Furia (BA), Marfox (STP/POR), Marmitos (DF), MC Tha (SP), MC Tocha(PE), Na Batida do Morro (DF), Pepita (RJ), Preta Rara (SP), Rico Dalasam (SP), Sandrinho Contexto (RJ) DJ de Mr. Catra, YoruBeat (DF).
 
Favela Sounds é realizado pela Um Nome Produção e Comunicação, com patrocínio da Oi e Ambev, por meio da Lei de Incentivo à Cultura do DF, além de apoio cultural do Oi Futuro. Saiba mais sobre o evento no site http://www.favelasounds.com.br/
 
Sobre o Oi Futuro
O Oi Futuro, instituto de inovação e criatividade da Oi, promove ações de Educação, Cultura, Inovação Social e Esporte para melhorar a vida das pessoas e transformar a sociedade. O instituto impulsiona iniciativas colaborativas e inovadoras, fomenta experimentações e estimula conexões que potencializam o desenvolvimento pessoal e coletivo.

Na Educação, o Oi Futuro investe em novas formas de aprender e ensinar com o NAVE (Núcleo Avançado em Educação), que forma jovens para as economias digital e criativa, com foco na produção de games, aplicativos e produtos audiovisuais. Desenvolvido em parceria com as Secretarias de Estado de Educação do Rio de Janeiro e Pernambuco, o programa oferece ensino médio integrado e já formou mais de 2 mil jovens em 12 anos de atuação. Os estudantes do NAVE são incentivados a desenvolver o espírito empreendedor e a estabelecer suas primeiras conexões profissionais no mercado de inovação e tecnologia. Nas escolas do programa, educadores e estudantes elaboram e testam novas metodologias e práticas pedagógicas que possam ser compartilhadas com outras escolas da rede pública e outros contextos educacionais.

Na Cultura, o instituto é um catalisador criativo, impulsionando pessoas através das artes, estimulando a cocriação e promovendo o acesso à cultura na era digital. O Oi Futuro mantém um centro cultural no Rio de Janeiro, com uma programação que valoriza a produção de vanguarda e a convergência entre arte contemporânea e tecnologia, e realiza o Programa Oi de Patrocínios Culturais Incentivados, que seleciona projetos em todas as regiões do país por meio de edital público. O Instituto também tem o Museu das Telecomunicações, pioneiro no uso da interatividade no Brasil, e o LabSonica, laboratório de experimentação sonora e musical. Também no Rio, o Oi Futuro mantém a Oi Kabum!, escola de arte e tecnologia onde está abrigado o Lab.IU, Laboratório de Intervenção Urbana.

Na Inovação Social, o Oi Futuro lançou o Labora, laboratório de soluções singulares e de impacto para as cidades e a gestão cultural. O Labora é um ambiente de conexão, aprendizagem e criação para organizações e empreendedores comprometidos com a transformação de impacto, e oferece programas de incubação e aceleração para projetos e negócios de impacto social. O Oi Futuro também aposta em projetos esportivos que conectem pessoas e promovam a inclusão e a cidadania.

Numa confluência entre as áreas de Cultura e Inovação Social, nasceu o Lab Oi Futuro, espaço de criação, experimentação e colaboração idealizado para impulsionar criadores de diversas áreas e startups de impacto social de todo o Brasil, selecionados por editais públicos. Com mais de 500m², o laboratório abriga o LabSonica e o Labora e oferece estrutura física e suporte técnico necessários para que seus participantes viabilizem seus projetos em um ambiente que estimula a produção colaborativa, a formação de redes e a inovação.

COMPARTILHE:

O que você achou da notícia?

14

PARABÉNS!
PARABÉNS!

18

BOM
BOM

19

AMEI!
AMEI!

15

KKKK
KKKK

16

ENGRAÇADO
ENGRAÇADO

14

Ñ GOSTEI
Ñ GOSTEI

10

CREDO!
CREDO!

Leia por assunto:

Oi TV Centro-Oeste Tocantins Brasil

Comentários

comments powered by Disqus


Confira também:


Requerida pelo MPE

Liminar determina retorno às funções de delegados regionais e servidoras afastados pelo governo no caso Araguaína

Toda a argumentação e os fatos apresentados pelo Ministério Público Estadual foram integralmente acatados pelo juiz Manuel de Faria Reis Neto, que expediu a liminar.


  Blogs & Colunas


TiViNaLili

Lili Bezerra


Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira