Sunday, 17 de February de 2019

VIVER


Viver

"Tutano de Boi" substitui métodos que utilizam "Formol" para alisamento de cabelo

28 Mar 2018    23:51
"Tutano de Boi" substitui métodos que utilizam "Formol" para alisamento de cabelo

Queridinha daquelas que desejam reduzir o volume e o frizz das madeixas, a escova progressiva é uns dos procedimentos mais buscados nos salões de beleza por pessoas que desejam alterar a textura dos cabelos.

Mas é preciso cuidado! Desde 2005, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), limitou o uso de formol em produtos estéticos a uma concentração máxima de apenas 0,2%. Essa quantidade não é suficiente para alisar os fios e age apenas como conservante do produto. No entanto, muitos salões driblam a recomendação.

O formol é uma substância extremamente tóxica, alergizante e cancerígena. De acordo com a Anvisa, os riscos do formol para a saúde são decorrentes da inalação da substância, que pode causar desde irritação até câncer nas vias respiratórias superiores.  Isso acontece porque o procedimento de alisamento capilar envolve o aquecimento dos fios através do uso do secador e chapinha que provocam a evaporação do formol.

No meio de inúmeras técnicas modernas para os cabelos, como alisamento, alinhamento capilar, progressiva e químicas em geral, é difícil imaginar que algum profissional sobreviva apenas com tratamentos naturais. Não é o caso para o profissional Marcos Dal Bello. De seus 54 anos, pelo menos 30 foram como profissional da área da estética e também da saúde, ganhando por seus serviços o título de "Dr. Cabelo". Com um hiato na carreira por problemas de saúde, Dal Bello agora volta trazendo um tratamento capilar inovador.

O Dr. Cabelo é o único no Brasil a fazer o tratamento de amaciamento com tutano de boi, natural e sem formol, que não agride os cabelos. Para a confecção do produto final, Marcos compra em média 100 kgs de tutano de boi por mês, transformando, em um processo que dura mais de 12 horas, essa matéria-prima em uma manteiga com todos os nutrientes e proteínas necessários para hidratar o fio e selar a cutícula.

Antes de atender as clientes em seu espaço, localizado na Zona Leste de São Paulo, o cabeleireiro as convida para uma triagem capilar, na qual o cabelo é analisado por um microscópio capaz de aumentar em até 300 vezes o fio. Depois a cliente preenche uma ficha de anaminese, além de uma consulta onde descreve todos os tratamentos que já realizou. 

"Algumas clientes pensam que estão com escamação ou mesmo caspa, já que no inverno são situações comuns devido ao uso de água quente e excesso do uso de secador, quando na verdade estão com fungos no couro capilar e nos fios. Com o tratamento que oferecemos no nosso espaço, já identificamos diversos casos, que posteriormente foram encaminhados para especialistas dermatológicos", afirma o profissional.

Toda a linha de tratamento de alisamento natural que Dal Bello usa é própria, com selo de reconhecimento e certificação pela Anvisa. O processo de alisamento em cabelos compridos dura, em média, duas horas.

COMPARTILHE:


Confira também:


Imbróglio

MPE requer suspensão de contrato do serviço de estacionamento rotativo de Palmas

“Transcorridos quase dois anos após o abandono e o descaso por parte da empresa concessionária, o que se pretende, agora, é a retomada do serviço público com nova roupagem”, avalia o texto do pedido de liminar.

Norte do TO

Senadora Kátia Abreu reúne prefeitos e secretário estadual de Saúde no Bico do Papagaio

A senadora Kátia Abreu está confiante que o Governo, junto aos prefeitos irão melhorar a saúde na região do Bico e disse que o governador Mauro Carlesse deu total apoio a reunião.



Ocorrência

Polícia Civil apreende 30 kg de maconha e prende traficante no Sul do Estado

As investigações da Polícia Civil constataram que Hailton trazia, do Estado de Goiás, grandes quantidades de entorpecentes para Gurupi e região, e que, nessa madrugada, outra remessa chegaria ao Tocantins.


Meio Ambiente

Municípios têm apenas 30 dias para protocolar processo do ICMS Ecológico no Naturatins

De acordo com a legislação, anualmente, os municípios tem prazo até o dia 15 de março, para manifestar o interesse e comprovar o cumprimento das exigências, conforme disposto no Decreto nº 5.264/2015.


Diálogo

Secretários apresentam plano de reestruturação à instituições dos diferentes poderes do Estado

“O que queremos é que todas as instituições compreendam que a situação em que nos encontramos requer ações imediatas, de modo que possamos ter um estado sustentável a médio e longo prazo”, frisou Edson Cabral.


Itelvino Pisoni

Sistema Fecomércio Tocantins realiza visita a Prefeita Cinthia Ribeiro


Tocantins

Dispara número de casos prováveis de doenças transmitidas pelo Aedes aegypti


HGP

Defensoria emite recomendação para Sesau por desassistência na oferta de cirurgias cardiológicas em Palmas


Adapec

Produtor rural pode emitir Guia de Trânsito Animal de qualquer localidade


Segurança

Identificação facial e papiloscópica da Polícia Civil é destaque em operações de combate à criminalidade no Tocantins


Brasília

Damaso fala da responsabilidade do cargo assumido e pede ao Governo apoio para os municípios



  Blogs & Colunas


TiViNaLili

Lili Bezerra


Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira