Monday, 18 de November de 2019

CONCURSOS


Polícia Fazendária

Estado terá Batalhão da Polícia Militar Fazendária

21 Sep 2018    10:00
Divulgação Estado terá Batalhão da Polícia Militar Fazendária

O governador e candidato à reeleição, Mauro Carlesse (PHS), determinou que o comando da Polícia Militar e a Secretaria Estadual da Fazenda discutam, estruturem e implantem o Batalhão de Polícia Militar Fazendária, especializado na prevenção e repressão de crimes contra a ordem tributária. O projeto já foi elaborado pela PM e encaminhado à Sefaz, que deverá enviá-lo em breve à Casa Civil e depois à Assembleia Legislativa, em forma de Projeto de Lei.

De acordo com o secretário estadual da Fazenda, Sandro Armando, o novo batalhão terá papel fundamental, tanto na garantia da integridade física e a execução das ações fiscais dos auditores da receita estadual quanto no combate à criminalidade – como a entrada de armas e drogas – nas divisas do Tocantins com outros estados.

 

“O Batalhão da Polícia Militar Fazendária é uma determinação do governador Carlesse. Ao assumir o Governo, ele determinou que nós [da Sefaz] e o comandante geral da PM [coronel Jaizon Veras Barbosa] estudássemos a criação e implantação desse novo batalhão. Ele vai desenvolver um conjunto de ações que serão realizadas com o aumento da presença dos policiais em todos os nossos postos fiscais”, explica o titular da Sefaz.

O projeto prevê policiais armados, com viaturas, em todos os postos de fiscalização do Estado. Em relação ao efetivo, explica Sandro, enquanto o concurso da PM está sub judice, os policiais em folga – que quiserem – serão chamados para plantões nos locais, com remuneração extra. Isso evitará, inclusive, a prática dos chamados “bicos” feitos por policiais militares, nos dias folga, como seguranças.

 

Fisco

 

A criação do Batalhão da Polícia Militar Fazendária atende também a uma antiga reivindicação dos servidores do Fisco. Desde 2014 eles solicitam à Sefaz e a PM segurança exclusiva ao Fisco tocantinense, motivados pela falta de segurança nas unidades fiscais, que já teria registrado diversos casos de assaltos, agressões e desacatos.

“As atividades a serem desenvolvidas pela PM, nestes locais, não fogem às suas atribuições: policiamento ostensivo para garantir a integridade dos agentes do fisco e a preservação da ordem pública”, explica o presidente da Associação dos Funcionários do Fisco do Estado do Tocantins, Wanderley Nunes Noleto.

COMPARTILHE:


Confira também:


Economia

Receita paga hoje as restituições do 6º lote do Imposto de Renda

O lote contempla também restituições dos exercícios de 2008 a 2018

Economia

Com Selic em queda, poupança pode passar a render menos que a inflação

Outro fator é a redução de recursos para o financiamento habitacional. Atualmente, 65% dos recursos de poupança são destinados aos financiamentos habitacionais.



Museu Histórico

Palacinho reabre com expografia e projeto museológico renovados

Público poderá visitar a primeira edificação da Capital a partir desta terça-feira, 19


Estradas

Governo conclui obras de melhoria de estradas vicinais que ligam aldeias indígenas na região noroeste do estado

As obras melhoram o acesso às aldeias de Karajá/Xambioá, no município de Santa Fé do Araguaia, e ainda facilitam a trafegabilidade entre elas


Bloqueio de Celulares

Celulares pré-pagos desatualizados são bloqueados hoje em 17 estados

Segundo a Anatel, o objetivo da iniciativa é assegurar uma base cadastral correta e atualizada, para evitar a ocorrência de fraudes de subscrição (linhas associadas indevidamente a CPFs) e, assim, ampliar a segurança dos consumidores.


Educação Superior

Unitins lança Vestibular com 120 vagas para novo Câmpus de Paraíso


Cantão

Presidente da Adetuc recebe visita de empresário de turismo de aventura da região do Cantão


Segurança

Radares da BR-153 e de Araguaína são verificados pela Agência de Metrologia


Atividade física

Parque do Cantão combina saúde e natureza em Caminhada Ecológica


MonitoraEA

Tocantins participa do lançamento da plataforma MonitoraEA em Brasília


TJTO

Com mais de 5 mil pessoas atendidas, Semana Nacional da Conciliação no Judiciário tocantinense supera os R$ 5 milhões em acordos



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira