Wednesday, 21 de October de 2020

ECONOMIA


Seu bolso

Governador Carlesse afirma que tem interesse em discutir redução do ICMS do combustível

12 Feb 2020
Governador Carlesse afirma que tem interesse em discutir redução do ICMS do combustível

O Governador do Tocantins, Mauro Carlesse, afirmou nesta segunda-feira, 10, que está disposto a discutir a redução do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) nos fóruns institucionais adequados e com os estudos técnicos.

“O ICMS está previsto na Constituição Federal como a principal receita dos Estados para a manutenção de serviços essenciais à população, a exemplo de segurança, saúde e educação. O Governo defende uma discussão séria sobre a redução dos impostos dos combustíveis”, afirmou Mauro Carlesse.

Atualmente, o ICMS sobre combustíveis deriva da autonomia dos Estados na definição de alíquotas e responde por, em média, 35% a 40% do total da arrecadação deste imposto no Tocantins. Dessa arrecadação, 25% do ICMS é repassado aos municípios.

Na última quarta-feira, 5, o presidente da República, Jair Bolsonaro, acenou com a possibilidade de zerar os tributos federais Programas de Integração Social e de Formação do Patrimônio do Servidor Público (PIS), Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (Cofins) e Contribuições de Intervenção no Domínio Econômico (Cide) que incidem sobre os combustíveis caso os governadores façam o mesmo com o ICMS também aplicado ao setor.

De acordo com o governador Mauro Carlesse, a proposta colocada em discussão pelo presidente da República é interessante e deve ser analisada e debatida por todos os governadores do país.

COMPARTILHE:


Confira também:


Coronavírus

Tocantins contabiliza 264 novos casos confirmados da Covid-19

Os dados contidos no boletim são consolidados com resultados de exames realizados no Lacen e notificações recebidas dos municípios até as 23h59 do último dia.


  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira