Friday, 13 de December de 2019

ECONOMIA


Blindados

Licitação de veículos para Casa Militar visa economicidade e aumentar a segurança

11 May 2019
Aldemar Ribeiro Licitação de veículos para Casa Militar visa economicidade e aumentar a segurança

A Casa Militar do Tocantins está realizando processo licitatório para contratação de empresa especializada na prestação de serviços de locação de veículos convencionais e com proteção balística (blindados) para atender as demandas operacionais do órgão. O contrato em vigência vencerá em junho deste ano, não podendo ser renovado, visto que já foi alcançado o limite total de prorrogação de 60 meses, conforme prevê a Lei nº 8.666/93.

De acordo com o secretário-chefe da Casa Militar, coronel PM Silva Neto, a frota de veículos terá a finalidade essencial de servir as autoridades que estão sob a responsabilidade do órgão, que são o governador e o vice-governador. Nesta lista, também estão inclusas autoridades designadas pelo chefe do Poder Executivo, como ministros de Estado e até o presidente da República, quando em visita ao Tocantins.

“Desta forma, existe a real necessidade de investimentos em logística de transportes aliada à segurança para o desenvolvimento das atividades de proteção das autoridades pelas quais a Casa Militar é responsável pela sua segurança”, explica o coronel PM Silva Neto.

Em relação à locação da frota, o coronel Silva Neto justifica a questão afirmando que há vantagens na realização deste tipo de contrato em razão da facilidade em realizar manutenção da frota locada, que conta sempre com veículos novos e seminovos, além das questões de seguro dos veículos, que fica por conta da empresa contratada, reduzindo assim os custos.

De acordo com os dados dos processos, o valor estimado para contratação dos 23 veículos poderá chegar a R$ 2,2 milhões por ano. “O uso de veículos especiais é um padrão em vários estados brasileiros e até mesmo no Tocantins, já que o Poder Judiciário também dispõe desse tipo de carro”, destaca o coronel Silva Neto.

Conforme o secretário-chefe da Casa Militar, os valores utilizados no pagamento da locação dos veículos faz parte dos recursos destinados ao órgão, que foram definidos na Lei de Diretrizes Orçamentária (LDO) para o ano de 2019.

Veículos
Atualmente, o contrato que a Casa Militar possui contempla a locação de 23 veículos, incluindo a viatura policial que faz a ronda durante todo o dia e a noite na Praça dos Girassóis. Porém, nenhum desses veículos é blindado.

Com a nova licitação, o processo prevê a locação de 18 veículos convencionais e cinco blindados. Segundo explicou o coronel Silva Neto, os veículos serão alugados conforme a demanda e só será pago aqueles que forem utilizados pelo Governo. “Isso quer dizer que a quantidade de veículos é estimada, podendo ser utilizada ou não em sua totalidade, a depender dos créditos orçamentários disponíveis”, esclareceu.

Casa Militar
A Casa Militar é um órgão da administração direta do Poder Executivo estadual e tem como finalidade zelar pela segurança do governador do Estado, do vice-governador, e seus respectivos familiares; de autoridades designadas pelo Chefe do Poder Executivo estadual; do Palácio Araguaia e residências oficiais; além de realizar o assessoramento pessoal em assuntos militares; coordenar as atividades de inteligência estadual e de segurança das comunicações; e prevenir e articular o gerenciamento de crises e iminente ameaça à estabilidade institucional.

COMPARTILHE:


Confira também:


Investimentos

Governo investe em obras estruturantes para ampliar o atendimento ao cidadão

Objetivo é modernizar as estruturas dos postos fiscais e dar melhores condições aos contribuintes e aos servidores

Ação

TIM é a primeira operadora a ser nomeada empresa Pró-Ética pela Controladoria-Geral da União

Para receber essa habilitação, o Programa de Integridade da TIM passou por uma criteriosa avaliação de um comitê gestor formado por membros da CGU, do Instituto Ethos, da B3, entre outros.


13º salário

Assembleia antecipa 13º salário dos servidores para esta sexta-feira

A folha do 13º soma R$ 6,5 milhões que, somados aos salários de novembro, pagos no último dia 2, no valor de mais de R$ 13 milhões, totalizam quase R$ 20 milhões injetados na economia tocantinense, neste mês de dezembro.


TJTO

Desembargador Ronaldo Eurípedes nega pedido de liberdade provisória a Iury Italu Mendanha

E arrematou sua decisão ponderando que, “em detida análise da ação penal originária, não se verifica desídia ou omissão, seja da autoridade judiciária ou do Ministério Público, que estão exercendo seus respectivos encargos de forma devida e em conformidade


Seciju

Governo do Tocantins realiza dia D de atendimentos em alusão ao Dia Internacional dos Direitos Humanos


Sustentabilidade

Comitê das Bacias Hidrográficas dos Rios Lontra e Corda elege novos membros e mesa diretora


Boas novas

Governo apresenta resultados de projetos do Turismo de Base Comunitária no Jalapão, em Brasília


Europa

Comitiva do Tocantins é recebida na Embaixada Brasileira em Madrid


Melhorias

Rodovia que liga Taquaruçú a Buritirana recebe manutenção corretiva e preventiva


Intercâmbio Cultural

Vice-governador e Presidente da Ilha Príncipe manifestam Interesse em Programa de Intercâmbio Cultural



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira