Friday, 13 de December de 2019

ESTADO


Teatro

Cia Art’Sacra abre inscrições para voluntários do espetáculo Paixão de Cristo 2020

08 Nov 2019
Cia Art’Sacra abre inscrições para voluntários do espetáculo Paixão de Cristo 2020

Interessados em participar do espetáculo da Paixão de Cristo 2020, apresentado pela Cia Art’Sacra de Teatro, já podem efetuar a sua inscrição gratuita pelo site http://artsacra.com/inscricao-paixao-de-cristo-2020/. Há vagas para voluntários na equipe de elenco e produção do espetáculo. A apresentação da 16ª edição da Paixão de Cristo acontecerá no dia 10 de abril de 2020, em local que ainda será definido.

 

Podem participar pessoas de todas as idades, com ou sem experiência e de todas as religiões. Os ensaios acontecerão sempre aos finais de semana, até a data do evento. Com exceção de Jesus, todos os personagens estão abertos para escolha, como: Maria, Maria Madalena, Maria de Betânia, Filho Pródigo, Anjo Gabriel, Isabel, Judas, Pedro, Pilatos, Lázaro, Verônica e Marta de Betânia; entre outros. Durante o período de montagem, os atores receberão preparação corporal, interpretação, impostação da voz, improvisação e criação de personagem.

 

Conforme o preparador de elenco e roteirista da Paixão de Cristo 2020, Leo Sampaio, além de fragmentos marcantes e emocionantes da História bíblica, algumas cenas foram especialmente criadas com foco na atualidade. Ele adianta que o tema para o próximo ano será “Reconciliação: Anunciação, morte e vida”. “No próximo ano vamos falar sobre a reconciliação. Sobre a necessidade de se reconciliar do homem com o seu criador (Deus), uma autoreconciliação – pois muitas vezes termos que nos reconciliar por nos julgarmos e nos culparmos por muitas coisas, causando a depressão-, e comigo e o meu próximo”, revela.

 

Em abril de 2020 o espetáculo completa 16 anos de História. De acordo com o diretor geral do espetáculo, Valdeir Santana, o objetivo é plantar no coração dos telespectadores mais amor, paz e perdão. “A nossa intenção é aproximar as pessoas mais de Deus e delas mesmas. Queremos contextualizar um presente que a sociedade vive atualmente, com toda essa turbulência de tecnologia e informação, que às vezes nos distancia de Deus e de nós mesmos. A nossa sociedade está sangrando, na política, religião e relações humanos, e buscamos que as pessoas possam ser tocadas na esperança de que existe um caminho para que tudo melhore e esse caminho é a reconciliação com Deus e com o nosso próprio eu”, conclui.

 

Patrocínio

A Paixão de Cristo 2020 foi aprovada pela Lei Rouanet, do Ministério da Cidadania, para captação de recursos, porém, ainda está em fase de captação. Assim, a Cia Art’Sacra busca empresas e/ou pessoas físicas que possam reverter o valor a pagar do imposto de renda em patrocínio cultural e garantir a divulgação da marca antes e durante o evento.

 

A Art´Sacra criou o canal de doação para o espetáculo, link: http://artsacra.com/seja-um-colaborador/ formato de financiamento coletivo, a partir de doações de qualquer valor, para ajudar o grupo realizar o evento por eventuais faltas de patrocínios.

 

Reconhecimento

O espetáculo tocantinense é considerado um dos maiores a céu aberto do País e o maior do Tocantins. Estima-se a participação de cerca de 500 voluntários, dentre equipe técnica, atores e produção.

 

O espetáculo da Paixão de Cristo realizado pela Art´Sacra Cia. de Teatro foi instituído no calendário de eventos oficiais do município de Palmas, Lei 2.287, de 10 de janeiro de 2017. Em maio de 2010, a Fundação Cultural do Estado do Tocantins concedeu ao espetáculo teatral sacro da Paixão de Cristo a inclusão no Calendário Cultural do Estado, pelos seus trabalhos realizados na área de teatro e formação. Tal reconhecimento ressalta a sua importância na sociedade como uma entidade que fomenta a cultura, às artes, sacra e popular e colabora desta forma com a formação cultural do Estado do Tocantins.

 

História

A Cia foi fundada em 16 de maio de 2005 por um grupo de jovens apaixonados pelo teatro e que sempre atuavam nas apresentações sacras onde dramatizavam passagens dos Evangelhos e outras temáticas para reflexões litúrgicas e formações sócio-educativas na Paróquia Dom Orione, em Palmas.

COMPARTILHE:


Confira também:


Recursos

ATM pede celeridade em execução de obras do empréstimo e diz que há pouca informação sobre contratação

Presidente da ATM e prefeitos participam da solenidade de assinatura do protocolo entre Estado e Caixa e sentem falta de detalhes operacionais de execução das obras nos Municípios

Teatro

Grupo de teatro aborda temática do suicídio em espetáculo teatral para estudantes de escola pública em Taquaruçu

Para o cenário do espetáculo, são utilizados andaimes para reproduzir não apenas ambientes, como também os esforços físicos e psicológicos dos personagens.


Palmas

Sessão de encerramento do ano legislativo é marcada por reflexões e agradecimentos

Também usaram a tribuna durante a sessão com os mesmos propósitos, os vereadores Folha Filho (PSD), Diogo Fernandes (PSD), Irmão Jairo (PSL), Adão Índio (Cidadania), Milton Neris (Progressistas), Moisemar Marinho (PDT), Jucelino Rodrigues (PSC), Tiago Andr


Disparidade

Pesquisa do Procon Tocantins aponta variação de até 177% nos produtos da ceia de natal

Ao todo, 80 produtos foram pesquisados, entre eles entre carnes, azeites, bombons, farofas prontas, frutas, bebidas e panetones.


Indústria

Governador Mauro Carlesse recebe empresários do ramo ótico da Kenerson


Câmara aprova emenda de Tiago Dimas e garante poderes para municípios licenciarem serviço de saneamento


Tocantínia

Polícia Civil deflagra operação Risca Faca e prende suspeito por tentativa de homicídio no interior do Estado


Palmas

LDO é aprovada em sessão extraordiária. Orçamento ultrapassa R$1,3 bilhões


Pedro Afonso

Polícia Civil recupera 32 cabeças de gado furtadas na cidade no último fim de semana


Ação

TIM é a primeira operadora a ser nomeada empresa Pró-Ética pela Controladoria-Geral da União



  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira